Artigo - Open Access.

Idioma principal | Segundo idioma

Comunidade formativa como Projeto-Ação: tecnologias colaborativas e cívicas sustentando um design dialógico de antecipação

Formative community as Project-Action: collaborative and civic technologies sustaining a dialogical design of anticipation

Farbiarz, Jackeline Lima; Rodrigues, Roberta Portas Gonçalves;

Artigo:

Após mais de um ano e quatro meses de reflexão na ação, compartilhamos escolhas, ações e aprendizados decorrente de novos modos de interação adotados nos cursos de graduação e pós-graduação do departamento de Artes e Design da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro durante a pandemia da Covid-19 em busca do estabelecimento de relações que preservassem a perspectiva dialógica como forma de reconhecimento, colaboração e sustentabilidade emocional e social de nossos quadros docente, discente e de funcionários. Na primeira parte do texto, sustentam as opções adotadas ao longo do processo autores como Pacheco (2013, 2014, 2018), Josso (2007) e Bakhtin e seu Círculo (2010 [1920]). O primeiro pelo entendimento de que relações de ensino-aprendizagem precisam ancorar-se em princípios de significação, integração, diversidade, centralidade e socialização. A segunda pela visão de que situações de ensino-aprendizagem estão inscritas em lugares educativos. O terceiro pela ênfase nas ações/interações como atos responsáveis que participam de um continuum que antecede a ação em si e que antecede porvires inscritos nas singularidades das experiências. Na segunda parte do texto, a proposição é pela exemplificação de ações desenvolvidas. E, na terceira parte, partindo dos ensinamentos desses autores, entendemos a tecnologia como uma aliada, no sentido de possibilitar a manutenção de relações de ensino-aprendizagem dialógicas, significativas, diversas e responsáveis, principalmente no posicionamento valorizado nos cursos de graduação e pós-graduação do departamento de ser a tecnologia uma aliada nos processos de reconhecimento colaborativo e cívico tão necessários frente as graves e imponderáveis situações decorrentes do momento pandêmico.

Artigo:

After more than a year and four months of reflection on action, we shared choices, actions and learning resulting from new modes of interaction adopted in the undergraduate and graduate courses of the department of during the Covid-19 pandemic, seeking to establish relationships that preserve the dialogical perspective as a form of recognition, collaboration and emotional and social sustainability of our faculty, students and employees. In the first part of the text, authors such as Pacheco (2013, 2014, 2018), Josso (2007) and Bakhtin and his Circle (2010 [1920]) support the options adopted throughout the process. The first is due to the understanding that teaching-learning relationships need to be anchored in principles of meaning, integration, diversity, centrality and socialization. The second is due to the view that teaching-learning situations are inscribed in educational places. The third for the emphasis on actions/interactions as responsible acts that participate in a continuum that precedes the action itself and that precedes futures inscribed in the singularities of the experiences. In the second part of the text, the proposition is for the example of developed actions. And, in the third part, based on the teachings of these authors, we understand technology as an ally, in the sense of enabling the maintenance of dialogical, meaningful, diverse and responsible teaching-learning relationships, especially in the valued position in undergraduate and postgraduate courses. graduation from the department that technology is an ally in the processes of collaborative and civic recognition that are so necessary in the face of serious and imponderable situations arising from the pandemic moment.

Palavras-chave: prática de ensino-aprendizagem, metodologias colaborativas, comunidade de aprendizagem, tecnologias colaborativas, construção de sentidos sociais, pandemia,

Palavras-chave: teaching-learning practice, collaborative methodologies, learning community, collaborative technologies, construction of social meanings, pandemic,

DOI: 10.5151/mxriodc2021-20

Referências bibliográficas
  • [1] Waller, R. (2019). Learning from Vernon’s Isotype test: A design history footnote. Information Design Journal, 25(3), 264–276. https://doi.org/10.1075/idj.25.3.04wal
  • [2] Bakhtin, M. (2010 [1920]) Para uma filosofia do ato responsável. São Carlos: Pedro e João Editora.
  • [3] Farbiarz, J; Ripper, J.L. (2011) Design em Parceria: visitando a metodologia sob a perspectiva do Laboratório de Investigação em Living Design da PUC-Rio. In: Luiz Antonio L. Coelho; Denise Westin. (Org.). Estudo e Prática em Metodologia em Design nos cursos de pós-graduação. Teresópolis: Novas Ideias, p.186-21
  • [4] Gandin, D. (1994) A prática de planejamento participativo: na educação e em outras instituições, grupos e movimentos dos campos cultural, social, político, religioso e governamental. Petrópolis, RJ: Vozes.
  • [5] Josso, M-C. (2007) A transformação de si a partir da narração de histórias de vida. In: Revista Educação. - Porto Alegre/RS, n. 3 (63), p. 413-438, set./dez.
  • [6] Pacheco, J. (2013) Escola da Ponte: formação e transformação da Educação. 5 Ed Petrópolis, RJ: Vozes.
  • [7] Pacheco, J; Pacheco, M. (2014) Diálogos com a Escola da Ponte. Petrópolis, RJ: Vozes.
  • [8] Pacheco, J; Pacheco, M. (2018) Escola da Ponte [livro eletrônico]: uma escola pública em debate. Petrópolis, RJ: Cortez Editora.
  • [9] Shön, D. (1984) The Reflective Practitioner: How professionals think in action. London: Basic Books.
Como citar:

Farbiarz, Jackeline Lima; Rodrigues, Roberta Portas Gonçalves; "Comunidade formativa como Projeto-Ação: tecnologias colaborativas e cívicas sustentando um design dialógico de antecipação", p. 277-290 . In: Anais do 9º Congresso Internacional MXRIO DESIGN Conference 2021. São Paulo: Blucher, 2022.
ISSN 2318-6968, DOI 10.5151/mxriodc2021-20

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações