fevereiro 2015 vol. 1 num. 2 - XX Congresso Brasileiro de Engenharia Química

Artigo - Open Access.

Idioma principal

MICROMINERAIS EM FARINHAS DE RESÍDUOS DO PROCESSAMENTO DE FRUTAS TROPICAIS

SENA, D. N.; ALMEIDA, M. M. B.; SOUSA, P. H. M.; FERNANDES, M. F. L.; MAGALHÃES, C. E. C.;

Artigo:

O Brasil é um dos maiores produtores mundiais de resíduos agroindustriais, como os obtidos do processamento de frutas pelas indústrias de polpas. Esses resíduos possuem, em sua composição, minerais, vitaminas, fibras e compostos antioxidantes importantes para as funções fisiológicas. Observando a necessidade de reduzir perdas, incentivando o aproveitamento de resíduos industriais, bem como oferecer novas fontes de minerais, o presente trabalho visou quantificar e comparar o teor de quatro minerais (Fe, Zn, Cu, Mn) em resíduos obtidos na produção de polpas de goiabas (Psidium guajava) variedades vermelha e branca, cajá (Spondias mombin L.), caju (Anacardium occidentale L.) e manga (Mangifera indica L.). Os minerais, quantificados através de espectrometria de absorção atômica por chama, mostraram quantidades elevadas nas amostras analisadas. O de teor de Fe (8,97 mg /100g) merece destaque como o mais abundante mineral encontrado no resíduo da polpa de goiaba branca. Conclui–se que, os resíduos de polpas de goiaba são fontes potenciais de microminerais.

Artigo:

Palavras-chave:

DOI: 10.5151/chemeng-cobeq2014-0359-25862-137144

Referências bibliográficas
  • [1] ABUD, A. K. S.; NARAIN, N. Incorporação da farinha de resíduo do processamento de polpa de fruta em biscoitos: uma alternativa de combate ao desperdício. Brazilian Journal of Food Technology, v. 12, n. 4, p. 257-265, 2009.
  • [2] ALEXANDRINO, A. M., FARIA, H. G., SOUZA, C. G. M., PERALTA, R. M. Aproveitamento do resíduo de laranja para a produção de enzimas lignocelulolíticas por Pleurotus ostreatus (Jack:Fr). Ciência e Tecnologia de Alimentos, v. 27, n. 2, p. 364-368, 2007.
  • [3] BRASIL. Portaria SVS/MS nᵒ 33, de 13 de janeiro de 1998. Tabelas de Ingestão Diária Recomendada (IDR). Diário Oficial da União, 16 jan. 1998.
  • [4] BRASIL. Resolução RDC nº 269, de 22 de setembro de 2005. O "Regulamento Técnico Sobre A Ingestão Diária Recomendada (IDR) De Proteínas, Vitaminas E Minerais". Diário Oficial da República da União, Brasília, 23 de set. de 2005.
  • [5] CHRISTIAN, G. D. Analytical Chemistry, 6ª edição. New York: John Wiley Andamp; Sons, 2003. 848p. FACHINELLO, J. C.; PASA, M. S.; SCHMTIZ, J. D. S.; BETEMPS, D. L. Situação e Perspectivas da Fruticultura de Clima Temperado no Brasil. Revista Brasileira de Fruticultura. Jaboticabal - SP, Volume Especial, E. 109-120, Outubro 2011 . FELIPE, E.M.F.; COSTA, J.M.C.; MAIA, G.A.; HERNANDEZ, F.F.H. Avaliação Da Qualidade De Parâmetros Minerais De Pós-Alimentícios Obtidos De Casca De Manga E Maracujá. Alimentação e Nutrição, v.17, n.1, p.79-83, 2006.
  • [6] Área temática: Engenharia e Tecnologia de Alimentos 4GONDIM, J.A.M.; MOURA, M.F.V.; DANTAS, A.S.; MEDEIROS, R.L.S.; SANTOS, K.M. Composição Centesimal e de minerais em Cascas de frutas. Ciências e Tecnologia de Alimentos, Campinas, v. 25, n. 4, p. 825-827, 2005.
  • [7] HARDISSON, A. et al. Mineral composition of the banana (Musa acuminata) from the island of Tenerife. Food Chemistry, vol. 73, p. 153-161, 2001.
  • [8] SANTOS, C. X. Caracterização Físico-Química e Análise da Composição Química da Semente de Goiaba oriunda de Resíduos Agroindustriais. 2011. 61 f. (Mestrado em Engenharia de Alimentos) – Curso de Pós-Graduação em Engenharia de Alimentos, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB), Itapetinga 2011.
  • [9] SANTOS, T. T.; SOUZA, E. X. N.; SILVA, L. C.; CAZETTA, M. L. Avaliação microbiológica e físico-química da farinha de mandioca comercializada no mercado municipal de Cruz das Almas – BA. Magistra, Cruz das Almas-BA, v. 24, n. 1, p. 34-41, jan./mar., 2012.
  • [10] SILVA, A.C.; ADILSON PACHECO DE SOUZA, A.P.; LEONEL, S.; SOUZA, M.E.; TANAKA, A.A. Caracterização e correlação física e química dos frutos de cultivares de mangueira em São Manuel, São Paulo. Magistra, Cruz das Almas-BA, v. 24, n. 1, p. 15-26, jan./mar. 2012.
  • [11] SOARES, L.M.V. et al. Composição mineral de sucos concentrados de frutas brasileiras. Ciências e Tecnologia de alimentos, Campinas, v.24, n.2, p.202-206, abr/jun. 2004.
  • [12] SOUSA, M. S. B.; VIEIRA, L. M.; SILVA, M. J. M., LIMA, A. Caracterização Nutricional e Compostos Antioxidantes em Resíduos de Polpas de Frutas Tropicais. Ciência e Agrotecnologia, v. 35, n. 3, p. 554-559, 2011.
  • [13] UCHOA, M. A. Adição de pós-alimentícios obtidos de resíduos de frutas tropicais na formulação de biscoitos. 2007. 89 f. Dissertação (Mestrado em Tecnologia de Alimentos) – Curso de Pós-Graduação em Tecnologia de Alimentos, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2007.
  • [14] UCHOA, A. M. A.; COSTA, M. C., MAIA, G. A.; SILVA, E. M. C.; CARVALHO, A. F. F. U.; MEIRA, T. R. Parâmetros Físico-Químicos, Teor de Fibra Bruta e Alimentar de Pós Alimentícios Obtidos de Resíduos de Frutas Tropicais. Segurança Alimentar e Nutricional v. 15, n. 2, p. 58-65, 2008.
  • [15] WELZ, B. Atomic Absorption Spectrometry, 3ª edição. VCH, Deerfield, 1999. 965p.
Como citar:

SENA, D. N.; ALMEIDA, M. M. B.; SOUSA, P. H. M.; FERNANDES, M. F. L.; MAGALHÃES, C. E. C.; "MICROMINERAIS EM FARINHAS DE RESÍDUOS DO PROCESSAMENTO DE FRUTAS TROPICAIS", p. 3431-3435 . In: Anais do XX Congresso Brasileiro de Engenharia Química - COBEQ 2014 [= Blucher Chemical Engineering Proceedings, v.1, n.2]. São Paulo: Blucher, 2015.
ISSN 2359-1757, DOI 10.5151/chemeng-cobeq2014-0359-25862-137144

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações