fevereiro 2015 vol. 1 num. 2 - XX Congresso Brasileiro de Engenharia Química

Artigo - Open Access.

Idioma principal

MICROENCAPSULAÇÃO DE POLPA DE GOIABA: AVALIAÇÃO DA MORFOLOGIA

PORCU, O. M.; XAVIER, D.;

Artigo:

A técnica de microencapsulação envolve a ação de um material de parede que pode oferecer solubilidade e incorporação melhorada, maior estabilidade à oxidação e maior período de armazenamento. Este estudo objetivou a avaliação da morfologia externa das microcápsulas de polpa de goiaba (MG) por Microscopia Eletrônica de Varredura (Mev). Polpa de goiaba (cultivar Paluma) microencapsulada com dextrina (1:1) foi obtida por atomização (spray dryer). As amostras de MG foram submetidas a fotomicrografias eletrônicas em microscópio eletrônico de varredura de bancada utilizando uma aceleração de voltagem de 5 kV. As amostras foram observadas sob ampliações de 2000x; 1500x; e, 1000x. As micropartículas formadas apresentaram um grau de aglomeração com variação no tamanho (de 2,68 a 6,79 µm) mas com formato esférico. A obtenção destas características indicou sucesso no processo de microencapsulação

Artigo:

Palavras-chave:

DOI: 10.5151/chemeng-cobeq2014-0322-26009-158729

Referências bibliográficas
  • [1] Área temática: Engenharia e Tecnologia de Alimentos 5 BRACKMANN, A.; ANESE, R. O.; BOTH, V.; THEWES, F. R.; FRONZA, D. Atmosfera controlada para o armazenamento de goiaba cultivar ‘Paluma’. Rev. ceres, Viçosa, v. 59, n. 2, 2012.
  • [2] BRASIL. Instrução Normativa nº 01, de 07 de janeiro de 2000. Aprova o Regulamento Técnico Geral para fixação dos Padrões de Identidade e Qualidade para polpa de fruta. Ministério da agricultura e do abastecimento, Brasília, DF, 10 jan. 2000.
  • [3] FREIRE, J. M.; ABREU, C. M. P.; CORRÊA, A. D.; SIMÃO, A. A.; SANTOS, C. M. dos. Avaliação de compostos funcionais e atividade antioxidante em farinhas de polpa de goiabas. Rev. bras. frutic., Jaboticabal, v. 34, n. 3, 2012.
  • [4] HAIDA, K. S.; BARON, Â.; HAIDA, K. S.; FACI, D.; HASS, J.; SILVA, F. J. Compostos fenólicos totais e atividade antioxidante de duas variedades de goiaba e arruda. Rev. bras. ciênc. saúde, João Pessoa, n. 9, 2011.
  • [5] MATA, M. E. R. M.;MEDEIROS, S.S.A.; DUARTE, M. E. E. Microencapsulamento do umbu em pó com diferentes formulações de maltodextrina: estudo do tamanho das partículas por microscopi eletrônica Rev. Bras. de Prod. Agroind., Campina Grande, v. 7, n.1, p.59-70, 200
  • [6] NASCIMENTO, R. J. do. Potencial antioxidante de resíduo agroindustrial de goiaba. 2010. 110 f. Dissertação. (Mestrado em Ciência e Tecnologia de Alimentos) – Departamento de Ciências Domésticas da Universidade Federal Rural de Pernambuco, Recife, 2010.
  • [7] OSORIO, C.; FORERO, D. P.; CARRIAZO, José G. Characterisation and performance assessment of guava (Psidium guajava L.) microencapsulates obtained by spray-drying. Food res. int., Essex, n. 44, 2011.
  • [8] SANTOS, A. B.; FÁVARO-TRINDADE, C. S.; GROSSO, C. R. F. Preparo e caracterização de microcápsulas de oleoresina de páprica obtidas por atomização. Ciênc. tecnol. aliment., Campinas, v. 25, 2005.
Como citar:

PORCU, O. M.; XAVIER, D.; "MICROENCAPSULAÇÃO DE POLPA DE GOIABA: AVALIAÇÃO DA MORFOLOGIA", p. 3396-3401 . In: Anais do XX Congresso Brasileiro de Engenharia Química - COBEQ 2014 [= Blucher Chemical Engineering Proceedings, v.1, n.2]. São Paulo: Blucher, 2015.
ISSN 2359-1757, DOI 10.5151/chemeng-cobeq2014-0322-26009-158729

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações