Resumo - Open Access.

Idioma principal

Representação gráfica da cidade pelas crianças: Desenhos dos bairros do Canindé e da República em São Paulo

Demuth, Mariana Campos; Mazzilli, Clice de Toledo Sanjar;

Resumo:

Esta pesquisa trata da problemática da linguagem visual e dos elementos visuais em desenhos de observação, memória, e fantasia do espaço urbano apresentados dentro de uma série de exercícios e atividades com crianças entre 5 e 7 anos da EMEF Infante Dom Henrique, localizada no bairro do Canindé e da EMEI Armando Arruda localizada no bairro da República na região central da cidade de São Paulo. O estudo tem a premissa de que o desenho espontâneo infantil representa a visão interior que a criança tem do mundo que a cerca, como colocado por Merleau-Ponty em seu livro Psicologia e Pedagogia da Criança. Nesse sentido, busca-se investigar os signos visuais, elementos referenciais, objetos adicionados (fantásticos ou não) e dominâncias, assim como a forma de representação: composição, proporção, perspectiva e uso de cor nos desenhos infantis que possam culminar em diretrizes para a comunicação gráfica de espaços da cidade, priorizando a relação afetiva de comunicação do cotidiano e da cultura. O método adotado fundamentase na comunicação visual e na percepção ambiental, sendo de cunho qualitativo fenomenológico observacional.

Resumo:

Palavras-chave: Linguagem visual; Elementos visuais; Desenho da cidade; Desenho infantil,

Palavras-chave:

DOI: 10.5151/2spddesign-010_11

Referências bibliográficas
  • [1] -
Como citar:

Demuth, Mariana Campos; Mazzilli, Clice de Toledo Sanjar; "Representação gráfica da cidade pelas crianças: Desenhos dos bairros do Canindé e da República em São Paulo", p. 10 . In: Anais do 2º Seminário de Pesquisa do Programa de Pós-Graduação em Design da FAUUSP. São Paulo: Blucher, 2019.
ISSN 2318-6968, DOI 10.5151/2spddesign-010_11

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações