Resumo - Open Access.

Idioma principal

O deslocamento dos conhecimentos artesanais tradicionais pelo mercado de luxo

NICOLETTI, V. M.;

Resumo:

O Programa do Artesanato Brasileiro está atualmente subordinado ao Ministério da Indústria, Comércio e Turismo e à Secretaria Especial da Micro e Pequena Empresa, assim, a diretriz estatal aponta para a criação da figura do artesão-empresário que é amparado por algumas agências de fomento, que viabilizam a inserção do artesanato no mercado. Para tanto, utilizam-se dos serviços do designer para adequar o objeto artesanal ao gosto do cliente. Quando esses designers são bem relacionados com a mídia especializada, esses objetos possuem destino certo no mercado de luxo, já que, além de portarem a assinatura de projeto do designer famoso, apresentam características correspondentes ao discurso legitimador desse mercado que é a raridade: são produtos disponibilizados em poucas quantidades, a mão de obra é especializada já que o saber fazer é aprimorado por gerações e, advém de lugares longínquos, perfeitos para a construção de um imaginário territorial a ser embutido na precificação desses produtos. Esta pesquisa mapeia a complexa rede de trocas entre esses atores sociais: as comunidades artesãs, as instituições de fomento que possuem o design como colaborador e o mercado de luxo. Para tanto, observou-se as relações de troca de três comunidades artesãs e seu mercado consumidor de luxo. Esse novo mercado foi alcançado após os produtos artesanais confeccionados pelas comunidades artesãs terem sido intervindos, projetados e/ou ressignificados por designers conceituados pela mídia especializada e circularem em importantes feiras de design, exposições e em mídias impressas e digitais, nacionais e estrangeiras, juntamente com um imaginário construído dos povoados.

Resumo:

Palavras-chave: comunidades artesãs; mercado de luxo; atores sociais; trocas; design,

Palavras-chave:

DOI: 10.5151/spddesign-0031

Referências bibliográficas
  • [1] -
Como citar:

NICOLETTI, V. M.; "O deslocamento dos conhecimentos artesanais tradicionais pelo mercado de luxo", p. 49-50 . In: Anais do 1º Seminário de Pesquisa em Design do Programa de Pós-Graduação em Design da FAUUSP [Blucher Design Proceedings]. São Paulo: Blucher, 2018.
ISSN 2318-6968, DOI 10.5151/spddesign-0031

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações