Artigo completo - Open Access.

Idioma principal

AVALIAÇÃO DO TRABALHO DOS FUNCIONÁRIOS EM RESTAURANTE SOB O VIÉS DA PSICOLOGIA AMBIENTAL E DA ERGONOMIA

SOUZA, Rodrigo Vargas; SNOWARESKI, Heloísa Honorato; CARDOSO, Luciana Silveira; BINS ELY, Vera Helena Moro;

Artigo completo:

Diante da necessidade de adequação do ambiente construído aos usuários e às atividades desenvolvidas, este artigo apresenta um estudo de caráter investigativo e qualitativo em um restaurante localizado na cidade de Florianópolis, SC. Para isto foram utilizados os seguintes métodos: pesquisa bibliográfica, visita exploratória, entrevista semiestruturada com funcionários e proprietários, observação do ambiente, análise antropométrica, questionário nórdico, poema dos desejos e medição do conforto ambiental (temperatura e umidade, ruído e iluminação). Os resultados permitiram identificar os principais problemas e desenvolver recomendações de correções e melhorias na edificação estudada. 

Artigo completo:

Palavras-chave: Arquitetura Comercial, Psicologia Ambiental, Avaliação Pós-Ocupação (APO), ergonomia. ,

Palavras-chave: ,

DOI: 10.5151/eneac2018-052

Referências bibliográficas
  • [1] ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 5413 (NB 57) – Iluminância de interiores. Rio de Janeiro, 1992. NBR 10152 – Níveis de ruído para conforto acústico. Rio de Janeiro, 1987. BRASIL, Ministério do Trabalho e Emprego. Classificação Brasileira de Ocupações. Disponível em: , acesso em 09 nov. 2013. IIDA, I. Ergonomia – Projeto e Produção. São Paulo: Edgard Blücher, 2005. KOPEC, Dak. Environmental Psychology for design. New York: Fairchild Publications, 2010. Capítulo 14. KUORINKA, I; JONSSON, B; KILBON, A.; BIERING-SORENSEN, F.; ANDERSSON, G; VINTERBERG, H.; JORGENSEN, K. Standardized Nordic Questionnaires for the Analysis of Musculoskeletal Symptoms. Applied Ergonomics, v. 18, n. 3, p. 233-37, 1987. LAMBERTS, R. Conforto e strees térmico. Laboratório de Eficiência Energética em Edificações. Universidade Federal de Santa Catarina. Florianópolis, 201 ORNSTEIN, S. W. Arquitetura, Urbanismo e Psicologia Ambiental: uma reflexão sobre dilemas e possibilidades da atuação integrada. São Paulo: Revista Psicologia USP. 2005. OJOLLA, R. et al. Conforto acústico em um restaurante universitário. XII Encontro Nacional e VIII Encontro Latino-Americano de Conforto no Ambiente Construído, 2013, Brasília- DP. PANERO, J.; ZELNIK, M. Dimensionamento Humano para Espaços Interiores. Tradução: Anita R. Marco. Barcelona: Editorial Gustavo Gili, 1ª edição 2002, 12ª impressão, 2017. RHEINGANTZ; P. A. et al. Observando a qualidade do lugar: procedimentos para avaliação pós- ocupação. Rio de Janeiros: Universidade Federal do Rio de Janeiro, Faculdade de Arquitetura e Urbanismo, Pós-Graduação em Arquitetura, 2009. . Notas de aula da disciplina: Avaliação de Desempenho do Ambiente Construído. 2007. (apostila). Programa de Pós-graduação em Arquitetura, Faculdade de Arquitetura e Urbanismo, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2007. SANOFF, Henry. Visual Research Methods in Design. Ed. John Wiley & Sons Inc.,USA, 199 VOORDT, T. J. M.; WEGEN, H. B. R. Arquitetura sob o olhar do usuário: programas de necessidades, projeto e avaliação de edificações. São Paulo: Oficina de Textos, 2013. ZEISEL, John. Inquiry by Design: Environmental/ Behavior/ Neuroscience in Architecture, Interiors, Landscape and Planning. New York, 2006.
Como citar:

SOUZA, Rodrigo Vargas; SNOWARESKI, Heloísa Honorato; CARDOSO, Luciana Silveira; BINS ELY, Vera Helena Moro; "AVALIAÇÃO DO TRABALHO DOS FUNCIONÁRIOS EM RESTAURANTE SOB O VIÉS DA PSICOLOGIA AMBIENTAL E DA ERGONOMIA ", p. 726-737 . In: . São Paulo: Blucher, 2018.
ISSN 2318-6968, DOI 10.5151/eneac2018-052

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações