fevereiro 2015 vol. 1 num. 2 - XX Congresso Brasileiro de Engenharia Química

Artigo - Open Access.

Idioma principal

SIMULAÇÃO DO CRAQUEAMENTO TÉRMICO DE ÓLEO DE CANOLA, EMPREGANDO O SIMULADOR ASPEN HYSYS®.

TAKAKURA, A. K.; COSTA, E. C.; MACHADO, N. T.; ARAÚHO, M. E.; BORGES, L. E. P.;

Artigo:

Este trabalho tem como objetivo simular o craqueamento térmico de óleo de canola. O simulador utilizado foi o Aspen HYSYS. O mecanismo de reação de craqueamento adotado, de acordo com a literatura, consiste em cinco etapas distintas: decomposição dos triglicerídeos, decomposição dos ácidos graxos, decomposição do cetano e da acroleína, formação do coque e formação do produto final. As condições operacionais utilizadas foram: temperatura de 400 °C e pressão 1 atm, escolhidas com base em dados de literatura. Utilizou-se óleo de canola como matéria-prima para as reações, cujos produtos são OLP (Produto orgânico líquido), gás e óleo residual. Os resultados da simulação foram analisados e comparados com os dados disponíveis na

Artigo:

Palavras-chave:

DOI: 10.5151/chemeng-cobeq2014-0947-22208-189044

Referências bibliográficas
  • [1] BARRETO, C. C. K. Avaliação da estabilidade de bio-óleo obtido a partir de óleo de soja durante armazenamento. 2009. 100 f. Dissertação (Mestrado em Química)- Universidade de Brasília. Brasília,DF,2009.
  • [2] CHANG, C.C., WAN, S.W., 1947. China''s Motor Fuels from Tung Oil. Ind. Eng. Chem. 39, 1543-1548.
  • [3] CONSTANTINOU, L.; GANI, R. New group contribution method for estimating properties of pure compounds. American Institute of Chemical Engineers Journal. v. 40, p. 1697-1710, 1994.
  • [4] CONSTANTINOU, L.; GANI, R.; O’CONNELL, J. P. Estimation of the acentric factor and the liquid molar volume at 298 K using a new group contribution method. Fluid Phase Equilibria. v. 103, p. 11-22, 1995.
  • [5] IDEM, R. O., KATIKANENI, S. P. R., BAKHSHI, N. N., 1996. Thermal cracking of canola oil: reaction products in the presence and absence of steam. Energy Fuels 10 (6), 1150–1162.
  • [6] LHAMAS, D. E. L. Estudo do Processo de Craqueamento Termocatalítico do Óleo de Palma (Elaeis guineensis) e do Óleo de Buriti (Mauritia flexuosa L.) para Produção de Biocombustível. 2013. 216 f. Tese (Doutorado em Engenharia de Recursos Naturais) – Universidade Federal do Pará. Belém – PA, 2013.
  • [7] MA, F.; HANNA, M. A. Biodiesel production A review. Bioresource Tecnology, v. 70, p. 1-15, 1999.
  • [8] Área temática: Simulação, Otimização e Controle de Processos 7MAHER, K. D.; BRESSLER, D. C. Bioresource Technology, 2007, 98, 2351-236
  • [9] TERIBELE, T.; SANTOS, J. L.; ARAÚJO, M. E. Simulação De Uma Unidade De Turbo-Expansão De Gás Natural Empregando Diferentes Equações De Estado. In: Cobeq 2006 - XVI Congresso Brasileiro de Engenharia Química e III Congresso Brasileiro de Termodinâmica Aplicada, 2006, Santos. TWU, C. H., et. al., “A Versatile Liquid Activity Model for SRK, PR and A New Cubic Equation of State TST,” Fluid Phase Equilibria, 194–197, pp. 385–399 (2002).
Como citar:

TAKAKURA, A. K.; COSTA, E. C.; MACHADO, N. T.; ARAÚHO, M. E.; BORGES, L. E. P.; "SIMULAÇÃO DO CRAQUEAMENTO TÉRMICO DE ÓLEO DE CANOLA, EMPREGANDO O SIMULADOR ASPEN HYSYS®.", p. 11894-11901 . In: Anais do XX Congresso Brasileiro de Engenharia Química - COBEQ 2014 [= Blucher Chemical Engineering Proceedings, v.1, n.2]. São Paulo: Blucher, 2015.
ISSN 2359-1757, DOI 10.5151/chemeng-cobeq2014-0947-22208-189044

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações