fevereiro 2015 vol. 1 num. 2 - XX Congresso Brasileiro de Engenharia Química

Artigo - Open Access.

Idioma principal

PRODUÇÃO DE PECTINASES EM CULTIVO SUBMERSO DE Aspergillus oryzae SEM LIMITAÇÃO DE OXIGÊNIO

MENEGHEL, L.; ROSSI, C.; REIS, G. P.; REGINATTO, C.; MALVESSI, E.; SILVEIRA, M. M.;

Artigo:

O suprimento de oxigênio em cultivos de microrganismos aeróbios é fundamental para garantir adequados crescimento e produção de metabólitos, afetando diretamente o desempenho do processo. Na produção de pectinases fúngicas, a alta viscosidade do meio, conferida pela pectina, e as intensas modificações reológicas, provocadas pelo crescimento celular, prejudicam a mistura e a transferência de oxigênio. Neste trabalho, a pectina (indutor enzimático) foi adicionada ao cultivo após a fase de intenso crescimento celular, permitindo o estudo da produção de pectinases por Aspergillus oryzae em meio líquido sem limitação de oxigênio. Verificou-se que, apesar de o crescimento celular ter sido semelhante ao do ensaio controle, a não limitação de oxigênio permitiu a obtenção de atividade enzimática (120U/mL), praticamente quatro vezes maior que a do controle (43U/mL). Os resultados indicam que a condução do processo sem limitação de oxigênio resulta em ganho substancial na produção

Artigo:

Palavras-chave:

DOI: 10.5151/chemeng-cobeq2014-0697-24389-142439

Referências bibliográficas
Como citar:

MENEGHEL, L.; ROSSI, C.; REIS, G. P.; REGINATTO, C.; MALVESSI, E.; SILVEIRA, M. M.; "PRODUÇÃO DE PECTINASES EM CULTIVO SUBMERSO DE Aspergillus oryzae SEM LIMITAÇÃO DE OXIGÊNIO", p. 1051-1056 . In: Anais do XX Congresso Brasileiro de Engenharia Química - COBEQ 2014 [= Blucher Chemical Engineering Proceedings, v.1, n.2]. São Paulo: Blucher, 2015.
ISSN 2359-1757, DOI 10.5151/chemeng-cobeq2014-0697-24389-142439

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações