fevereiro 2015 vol. 1 num. 2 - XX Congresso Brasileiro de Engenharia Química

Artigo - Open Access.

Idioma principal

PLANEJAMENTO EXPERIMENTAL NA DETERMINAÇÃO DO PONTO DE TURBIDEZ DOS TENSOATIVOS ULTRANEX

SILVA, W. P. NEVES; BARROS, E. L. BARBOSA DE; BARROS NETO, E. L. ; SANTOS, J. S. CARVALHO; CARVALHO, P. C. A. P.; LANDEIRA, A. S.;

Artigo:

Alguns trabalhos encontrados na literatura comprovam a viabilidade do uso do ponto de turbidez de tensoativos não iônicos em eficientes métodos de extração para a separação, pré-concentração ou purificação de uma variedade de substâncias, incluindo íons metálicos e vários compostos orgânicos. A extração desses solutos se dá por uma característica particular dos tensoativos não iônicos, o chamado ponto de turbidez que tem origem nas propriedades que apresentam esses tensoativos. O objetivo deste trabalho é a determinação do ponto de turbidez dos tensoativos da linha ULTRANEX (nonilfenol etoxilados), com diferentes graus de etoxilação. O planejamento experimental possibilitou a determinação de um modelo significativo que prediz o ponto de turbidez do tensoativo em função dos graus de etoxilação e da concentração utilizada.

Artigo:

Palavras-chave:

DOI: 10.5151/chemeng-cobeq2014-0432-25511-182621

Referências bibliográficas
  • [1]  AI-GHAMDI, A. M.; NASR-EL-DIN, H.; Effect of oilfield chemicals on the cloud point of nonionic. Colloid and Surface A, Arábia Saudita, n., p.5-18, 1997.
  • [2]  DELNUNZLO, M. J. Tensoativos e suas aplicações básicas. Aerossol Andamp; Cosméticos, 14-22, 1990.
  • [3]  LEMOS ARAÚJO, A. A.; Determinação experimental e modelagem termodinâmica do ponto de turbidez de sistemas aquosos com tensoativos nonilfenolpolietoxilados; Dissertação de mestrado, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal/RN, 2010.
  • [4]  HOLMBERG, K.; JONSSON, B.; KRONBERG, B.; LINDMAN, B.; Surfactants and polymers in aqueous solution, 2° Edição, Wiley, Inglaterra, 200
  • [5]  INOUE, T,; OHMURA, H.; MURATA, D.; Cloud point temperature of polyoxyethylene-type nonionic. Colloid and Interface Science, Fukuoka-Japão, v.1, p,374-382, 2003.
  • [6]  SANTOS, F. K. G.; ALVES, J. V. A.; CASTRO, DANTAS T. N.; DANTAS NETO, A. A.; DUTRA JR, T. V.; BARROS NETO, E. L.; Seleção de tensoativos não iônicos para uso na recuperação avançada de petróleo; 4° PDPETRO, 2007.
  • [7]  SCHOTT, H.; Effect of inorganic additives on solutions of nonionic. Colloid and Surface A, Filadelfia-EUA, v1., p.129-136, 2001.
Como citar:

SILVA, W. P. NEVES; BARROS, E. L. BARBOSA DE; BARROS NETO, E. L. ; SANTOS, J. S. CARVALHO; CARVALHO, P. C. A. P.; LANDEIRA, A. S.; "PLANEJAMENTO EXPERIMENTAL NA DETERMINAÇÃO DO PONTO DE TURBIDEZ DOS TENSOATIVOS ULTRANEX", p. 14871-14878 . In: Anais do XX Congresso Brasileiro de Engenharia Química - COBEQ 2014 [= Blucher Chemical Engineering Proceedings, v.1, n.2]. São Paulo: Blucher, 2015.
ISSN 2359-1757, DOI 10.5151/chemeng-cobeq2014-0432-25511-182621

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações