fevereiro 2015 vol. 1 num. 2 - XX Congresso Brasileiro de Engenharia Química

Artigo - Open Access.

Idioma principal

OBTENÇÃO DE PECTINASES EM CULTIVO SUBMERSO DE Aspergillus oryzae SOB DIFERENTES CONDIÇÕES DE pH

MENEGHEL, L.; ROSSI, C.; REIS, G. PELLENZ; REGINATTO, C.; MALVESSI, E.; SILVEIRA, M. M.;

Artigo:

A produção de pectinases por Aspergillus oryzae é fortemente influenciada pelo meio e pelos parâmetros de processo. O pH atua sobre a composição do complexo, a atividade e a estabilidade de pectinases durante o cultivo. Neste trabalho, avaliou-se o crescimento celular de A. oryzae e a produção de pectinases em cultivos conduzidos sob cinco diferentes condições de controle de pH. Obteve-se maior concentração de biomassa em pH 4,0 constante; porém, nesta condição, a atividade enzimática foi praticamente nula. Verificou-se que a atividade pectinolítica (24U/mL) é preservada quando o pH é ajustado inicialmente em 4,0 e, após queda natural, mantido em mínimo de 2,7 até o final do cultivo. A mais alta atividade enzimática (43U/mL) foi obtida em cultivo no qual o pH foi mantido constante em 4,0 até 24h e, em seguida, reduzido para 2,7 pela adição de HCl. Os resultados confirmam que o pH afeta decisivamente o cultivo de A. oryzae e a sua capacidade de produção de pectinases.

Artigo:

Palavras-chave:

DOI: 10.5151/chemeng-cobeq2014-0699-24383-142427

Referências bibliográficas
Como citar:

MENEGHEL, L.; ROSSI, C.; REIS, G. PELLENZ; REGINATTO, C.; MALVESSI, E.; SILVEIRA, M. M.; "OBTENÇÃO DE PECTINASES EM CULTIVO SUBMERSO DE Aspergillus oryzae SOB DIFERENTES CONDIÇÕES DE pH", p. 1057-1064 . In: Anais do XX Congresso Brasileiro de Engenharia Química - COBEQ 2014 [= Blucher Chemical Engineering Proceedings, v.1, n.2]. São Paulo: Blucher, 2015.
ISSN 2359-1757, DOI 10.5151/chemeng-cobeq2014-0699-24383-142427

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações