Full Article - Open Access.

Idioma principal

Lina Bo Bardi and Aloisio Magalhães: other strands of Design in Brazil

ANASTASSAKIS, Zoy;

Full Article:

The paper analyzes, from an anthropological perspective, the proposals and trajectories of Lina Bo Bardi and Aloisio Magalhães, observing how their perspectives are related to the construction and consolidation of the Brazilian field of design, and trying to understand how they take on main roles in the field’s institution, at the same time they point to ‘signs of divergence’ related to the ideas that majorly guide that process.

Full Article:

Palavras-chave: Lina Bo Bardi, Aloisio Magalhães, Brazilian Design, Culture, Modernity,

Palavras-chave:

DOI: 10.5151/design-icdhs-096

Referências bibliográficas
  • [1] Anastassakis, Z. 2007. Dentro e fora da política oficial de preservação do patrimônio cultural no Brasil: Aloisio Magalhães e o Centro Nacional de Referência Cultural. Master Thesis. PPGAS/MN. UFRJ. Rio de Janeiro.
  • [2] Anastassakis, Z. 2011. Triunfos e impasses: Lina Bo Bardi, Aloisio Magalhães e a institucionalização do design no Brasil. Doctorate Thesis. PPGAS/ MN. UFRJ. Rio de Janeiro.
  • [3] Borges, A. (org.). 2010. Pavilhão das culturas brasileiras: Puras misturas. São Paulo: Terceiro Nome.
  • [4] Bourdieu, P. 1996. Razões práticas: sobre a teoria da ação. Campinas: Papirus.
  • [5] Cara, M. S. 2010. Do desenho industrial ao design no Brasil – uma bibliografia crítica para a disciplina. São Paulo: Blucher.
  • [6] Elias, N. 2000. Os estabelecidos e os outsiders: sociologia das relações de poder a partir de uma pequena comunidade. Rio de Janeiro: Zahar.
  • [7] Faria, L. C. 2002. Oliveira Vianna: de Saquarema à Alameda São Boaventura, 41 – Niterói: o autor, os livros, a obra. Rio de Janeiro: Relume Dumará/ NUAP/UFRJ.
  • [8] Lessa, W. D. 1994. A ESDI e a contextualização do design. Piracema, nº 2, ano 2. Rio de Janeiro: Funarte, 102-107.
  • [9] Nobre, A. L. S. 2008. Fios cortantes: projeto e produto, arquitetura e design no Rio de Janeiro (1950-70). Doctorate Thesis. PUC-Rio. Rio de Janeiro.
  • [10] Pécaut, D. 1990. Os intelectuais e a política no Brasil. Entre o povo e a nação. São Paulo: Ática.
  • [11] Ridenti, M. 2005. Artistas e intelectuais no Brasil pós-1960. Tempo Social, Revista de Sociologia da USP, v. 17, n. 1, junho.
  • [12] Souza, P. L. P. 1996. ESDI: biografia de uma idéia. Rio de Janeiro: EdUERJ.
  • [13] Souza Leite, J. 2006. De costas para o Brasil, o ensino de um design internacionalista. Melo, C. H. (org.). O design gráfico brasileiro – anos 60. São Paulo: Cosac Naify, 252-283.
Como citar:

ANASTASSAKIS, Zoy; "Lina Bo Bardi and Aloisio Magalhães: other strands of Design in Brazil", p. 434-437 . In: Farias, Priscila Lena; Calvera, Anna; Braga, Marcos da Costa & Schincariol, Zuleica (Eds.). Design frontiers: territories, concepts, technologies [=ICDHS 2012 - 8th Conference of the International Committee for Design History & Design Studies]. São Paulo: Blucher, 2012. São Paulo: Blucher, 2014.
ISSN 2318-6968, ISBN: 978-85-212-0692-7
DOI 10.5151/design-icdhs-096

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações