fevereiro 2015 vol. 1 num. 2 - XX Congresso Brasileiro de Engenharia Química

Artigo - Open Access.

Idioma principal

INFLUÊNCIA DE MODELOS DE COEFICIENTE DE ARRASTE NO CÁLCULO DA RETENÇÃO GASOSA GLOBAL EM BIORREATOR COLUNA DE BOLHAS USANDO CFD

RODRIGUEZ, G. Y.; RAMIREZ, M. V.; BÉTTEGA, R.; BADINO, A. C.;

Artigo:

Os biorreatores pneumáticos do tipo coluna de bolhas são equipamentos isentos de partes móveis e anteparos internos, onde a agitação e a mistura são realizadas exclusivamente pela injeção de ar (ou outro gás) na parte inferior. A retenção gasosa global é de extrema importância na avaliação do fenômeno de transferência de oxigênio em biorreatores, necessário em cultivos submersos aerados. No intuito de reduzir custos e otimizar o tempo de desenvolvimento de processos, as simulações em Fluidodinâmica Computacional (CFD - Computational Fluid Dynamics) vêm apresentando-se como uma poderosa ferramenta. O objetivo deste trabalho foi simular a hidrodinâmica de um biorreator pneumático do tipo coluna de bolhas operando com água e ar, utilizando CFD, e avaliar a retenção gasosa global sob diferentes vazões de alimentação ar. Foram empregados dois diferentes modelos de forças de arraste para que seus efeitos fossem avaliados nos resultados simulados de retenção gasosa global. O trabalho foi feito em um sistema de 5,5 L e os resultados foram comparados com os valores experimentais da literatura. As simulações em CFD conduzidas com o modelo que admite outros formatos geométricos de bolha apresentaram os melhores resultados de retenção gasosa global.

Artigo:

Palavras-chave:

DOI: 10.5151/chemeng-cobeq2014-0386-25745-158903

Referências bibliográficas
  • [1] BLAZEJ, M.; CARTLAND GLOVER, G. M.; GENERALIS, S. C.; MARKOS, J. Gas–liquid simulation of an airlift bubble column reactor. Chemical Engineering and Processing, v. 43, p. 137-144, 2004.
  • [2] CERRI, M. O. Avaliação de transferência de calor e massa de um biorreator airlift de circulação interna de bancada para a produção de ácido clavulânico. 116p. Dissertação (Mestrado em Engenharia Química), Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2005.
  • [3] GRACE, J. R.; WAIREGI, T.; NGUYEN, T. H. Shapes and velocities of single drops and bubbles moving freely through immiscible liquids. Transactions of the Institution of Chemical Engineers, v. 54, p. 167-173, 1976.
  • [4] HEKMAT, A.; AMOOGHIN, A. E.; MORAVEJI, M. K. CFD simulation of gas–liquid flow behaviour in an air-lift reactor: determination of the optimum distance of the draft tube. Simulation Modeling Practice and Theory, v. 18, p. 927-945, 2010.
  • [5] MERCHUK, J. C. Airlift bioreactors: review of recent advances. The Canadian Journal of Chemical Engineering, v. 81, p. 324-337, 2003.
  • [6] SCHILLER, L. A.; NAUMANN, Z. A drag coefficient correlation. VDI Zeits, v. 77, p. 318, 1933.
  • [7] THOMASI, S. S. Avaliação de parâmetros de desempenho de três modelos de biorreatores pneumáticos de bancada. 86f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Química), Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2010.
Como citar:

RODRIGUEZ, G. Y.; RAMIREZ, M. V.; BÉTTEGA, R.; BADINO, A. C.; "INFLUÊNCIA DE MODELOS DE COEFICIENTE DE ARRASTE NO CÁLCULO DA RETENÇÃO GASOSA GLOBAL EM BIORREATOR COLUNA DE BOLHAS USANDO CFD", p. 11446-11453 . In: Anais do XX Congresso Brasileiro de Engenharia Química - COBEQ 2014 [= Blucher Chemical Engineering Proceedings, v.1, n.2]. São Paulo: Blucher, 2015.
ISSN 2359-1757, DOI 10.5151/chemeng-cobeq2014-0386-25745-158903

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações