fevereiro 2015 vol. 1 num. 2 - XX Congresso Brasileiro de Engenharia Química

Artigo - Open Access.

Idioma principal

ESTUDO DO ESCOAMENTO DE GÁS NATURAL E FORMAÇÃO DE ENXOFRE ELEMENTAR EM UMA VÁLVULA REDUTORA DE PRESSÃO

BRAGA, E. R.; MORAES, C.; MEDRONHO, R. A.;

Artigo:

Válvulas redutoras de pressão de gás são amplamente utilizadas nos sistemas de produção e transporte de gás natural, sendo este gás uma mistura multicomponente de hidrocarbonetos (composto principalmente de metano e etano), dióxido de carbono, nitrogênio e traços de enxofre. O gás apresenta geralmente um comportamento de fases complexo. A região do diagrama de fases onde ocorre condensação de líquido, por redução da pressão ou aumento da temperatura, oposto ao comportamento normal é chamada de região de condensação retrógrada, e é identificada pelo aparecimento de gotículas suspensas na corrente de gás. Neste trabalho foram realizadas simulações utilizando fluidodinâmica computacional a fim de caracterizar o escoamento de gás natural em uma válvula redutora de pressão. Foi estudada também a deposição de enxofre através dos conceitos da teoria clássica da nucleação.

Artigo:

Palavras-chave:

DOI: 10.5151/chemeng-cobeq2014-0491-25241-144266

Referências bibliográficas
  • [1] Lima, R.; Dias, J. S. Relatório de Análises Cromatográficas do Gás Natural do Campo de Fazenda Mamoeiro. LAPEG/UNIFACS. Salvador, 2008.
  • [2] Turk, M., Influence of Thermodynamic Behaviour and Solute Properties on Homogeneous Nucleation in Supercritical Solutions. Journal of Supercritical Fluids, 18, 169–184, 2000.
  • [3] Zhu, Z., Tajallipour, N.;Teevens, P. J., Modeling of Elemental Sulfur Deposition in Sour-Gas Petroleum Pipelines. Corrosion Conference and Expo., Houston, 2011.
Como citar:

BRAGA, E. R.; MORAES, C.; MEDRONHO, R. A.; "ESTUDO DO ESCOAMENTO DE GÁS NATURAL E FORMAÇÃO DE ENXOFRE ELEMENTAR EM UMA VÁLVULA REDUTORA DE PRESSÃO", p. 11486-11493 . In: Anais do XX Congresso Brasileiro de Engenharia Química - COBEQ 2014 [= Blucher Chemical Engineering Proceedings, v.1, n.2]. São Paulo: Blucher, 2015.
ISSN 2359-1757, DOI 10.5151/chemeng-cobeq2014-0491-25241-144266

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações