fevereiro 2015 vol. 1 num. 2 - XX Congresso Brasileiro de Engenharia Química

Artigo - Open Access.

Idioma principal

ESTUDO DO COMPORTAMENTO REOLÓGICO DE ESPESSANTES NATURAIS APLICADOS NA ESTAMPARIA TÊXTIL.

GIORDANO, J.B.;

Artigo:

A estamparia têxtil é o processo que permite aplicar desenho no tecido, utilizando-se espessantes sintéticos ou naturais para formulação de pastas que são coloridas. O objetivo deste trabalho é estudar do comportamento reológico dos espessantes naturais para determinar em que condições se devem manipulá-los, verificar os que têm melhor desempenho na estamparia e maior estabilidade ao tempo e temperatura. Neste trabalho foram utilizados espessantes naturais a base de alginato de sódio, guar e tamarindo, para formulação de pasta de estampar com corantes reativos e dispersos. A partir destas pastas, foram medidas as viscosidades em função do tempo e temperatura. Em seguida, foram coloridas e estampadas, verificando-se quais dos espessantes tiveram melhor desempenho na estamparia. O bom desempenho é considerado se o espessante: não interferir na cor; fácil remoção dele pós estampagem; compatível com os corantes e os demais produtos que compõe a pasta de estampar; boa estabilidade ao tempo e temperatura. O espessante de alginato de sódio apresenta menor estabilidade ao tempo e temperatura, porém o tecido final estampado com este espessante possui melhor qualidade, pois os outros mesmo após sucessivas lavagens apresentam resíduos de espessantes.

Artigo:

Palavras-chave:

DOI: 10.5151/chemeng-cobeq2014-0604-24752-140738

Referências bibliográficas
  • [1] - ARAUJO, MÁRIO de CASTRO, E. M. de Melo. Manual De Engenharia Têxtil. V.2. Fundação Calouste Gulbenkian. Lisboa. Portugal, 1986. 948 P.
  • [2] L. R. ALMEIDA e. R. HIRSCHLER. Revista Química Têxtil: “Controle de viscosidade” Ano XIX Dez 1996. Revista número: 45 pag.24 a 28; Apostila para laboratório de aplicação Sandoz S. A .Ano XVII Jun 1995. Revista número: 39 -
  • [3] M. R. COSTA Revista Química Têxtil: “Estampados com pigmento teoria e prática” -Uniquímica S. A . Peru Ano XIX Mar 1996. Revista número: 42
  • [4] NEVES J. Manual de estamparia têxtil. Escola de engenharia da Universidade do Minho, Julho, 2000. P. 158.
Como citar:

GIORDANO, J.B.; "ESTUDO DO COMPORTAMENTO REOLÓGICO DE ESPESSANTES NATURAIS APLICADOS NA ESTAMPARIA TÊXTIL.", p. 13494-13501 . In: Anais do XX Congresso Brasileiro de Engenharia Química - COBEQ 2014 [= Blucher Chemical Engineering Proceedings, v.1, n.2]. São Paulo: Blucher, 2015.
ISSN 2359-1757, DOI 10.5151/chemeng-cobeq2014-0604-24752-140738

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações