dezembro 2014 vol. 1 num. 1 - X Congresso Brasileiro de Engenharia Química

Artigo - Open Access.

Idioma principal

ESTIMAÇÃO DE PARÂMETROS CINÉTICOS DA SECAGEM DA CASCA DA MACADÂMIA EM CAMADA FINA

ALMEIDA, P. S.; XAVIER, T. P.; BACELOS, M. S.; BARROZO, M. A. S.; LIRA, T. S.;

Artigo:

A macadâmia é uma amêndoa com alto valor agregado no mercado mundial. No Espírito Santo o cultivo da noz está em pleno desenvolvimento, sendo o estado o segundo maior produtor brasileiro. Um dos resíduos do beneficiamento da noz é a casca, sendo que para cada tonelada de noz produzida, gera-se cerca de 70 a 77% de resíduos de casca ou carpelo. Esta casca, se processada adequadamente, pode se tornar uma boa alternativa para geração de energia renovável, uma vez que pode gerar produtos com alto poder calorífico a partir da pirólise. Neste trabalho foi investigada a cinética de secagem da casca da macadâmia em camada fina, utilizando um secador convectivo, tipo túnel. As amostras foram expostas a temperaturas de 30, 50 e 70°C, sendo que para cada temperatura realizou-se três experimentos utilizando velocidades de ar fixas em 1,0, 1,5 e 2,0m/s. Para determinar uma equação para representar a cinética de secagem, foram analisadas as equações de taxa de secagem semi-empíricas mais utilizadas na literatura, quais sejam: Lewis, Brooker, Henderson e Henderson, Page e Overhults. Estimaram-se então os parâmetros de cada equação e estas foram discriminadas usando medidas de curvatura de Bates e Watts e o vício de Box.

Artigo:

Palavras-chave: medidas de não linearidade, taxa de secagem, resíduo da noz.,

Palavras-chave: ,

DOI: 10.5151/chemeng-cobec-ic-02-ft-056

Referências bibliográficas
  • [1] ARRUDA, E.B. Comparação do desempenho do secador roto-fluidizado com o secador rotatório convencional: secagem de fertilizantes. Universidade Federal de Uberlândia, 2008. Tese de Doutorado.
  • [2] BATES, D.M., WATTS, D.G. Relative curvature measures of nonlinearity. Journal of the Royal Statistical Society Series B, vol. 42, p. 1-25, 1980.
  • [3] BOX, M.J. Bias in nonlinear estimation. Journal of the Royal Statistical Society Series B, vol. 33, p. 171-201, 1971.
  • [4] BROOKER, D.B., BAKKER-ARKEMA, F.W., HALL, C.W. Drying cereal grains. The Avi Publish Company, Inc., Westport, 197
  • [5] GLOBO RURAL, Cultivo da noz macadâmia cresce no Espírito Santo. Disponível em: Andlt;http://g1.globo.com/economia/agronegocios/noticia/2011/04/cultivo-da-noz-macadamia-cresce-no-espirito-santo.htmlAndgt; Acessado em 09 de agosto de 2013.
  • [6] HENDERSON, J.M., HERDERSON, S.M. A computational procedure for deep-bed drying analysis. Journal of Agricultural Engineering Research, vol. 13, p. 87-95, 1968.
  • [7] LEWIS, W.K. The rate of drying of solids materials. Ind. Eng. Chem. vol 13, p. 427, 1921.
  • [8] OVERHULTS, D.G., WHITE, G.M., HAMILTON, H.E., ROSS, I.J. Drying soybeans with heated air. Transactions of the ASAE, p. 112-113, 1973.
  • [9] PAGE G.E. Factors influencing the maximum rates of air drying shelled corn in thin-layer, Purdue University, Indiana-USA, 194 Dissertação de Mestrado.
  • [10] PIMENTEL, L. D. A cultura da macadâmia. Revista Brasileira de Fruticultura, v. 29, p. 414-716, 2007.
  • [11] SOBIERAJSKI, G. R., FRANCISCO, V. L. F. S., ROCHA, P., GHILARDI, A. A., MAIA, M. L. Revista Informações Econômicas, SP, v.36, n° 5, maio 2006.
Como citar:

ALMEIDA, P. S.; XAVIER, T. P.; BACELOS, M. S.; BARROZO, M. A. S.; LIRA, T. S.; "ESTIMAÇÃO DE PARÂMETROS CINÉTICOS DA SECAGEM DA CASCA DA MACADÂMIA EM CAMADA FINA", p. 367-371 . In: . São Paulo: Blucher, 2014.
ISSN 2359-1757, DOI 10.5151/chemeng-cobec-ic-02-ft-056

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações