fevereiro 2015 vol. 1 num. 2 - XX Congresso Brasileiro de Engenharia Química

Artigo - Open Access.

Idioma principal

DESENVOLVIMENTO, COMPARAÇÃO E ANÁLISE DE MODELOS DE TRANSPORTE PNEUMÁTICO.

PEREIRA, A. S.; MAGALHÃES, M. L.; LEMOS, J. A. M.; CARTAXO, S. J. M.;

Artigo:

O transporte pneumático utiliza correntes de gás para a movimentação de material particulado, o que lhe confere notada importância industrial, na medida em que muitas indústrias necessitam realizar a movimentação de cargas de material sólido. Diante disso, a elaboração de modelos matemáticos com vistas à simulação computacional se torna uma atividade que contribui para a redução de custos. O objetivo deste trabalho é realizar a modelagem matemática de um processo de transporte pneumático vertical para o estudo das variáveis operacionais de maior influência, comparativamente a modelos consagrados na literatura técnica. Foram realizadas simulações em software livre Python e seus módulos, de modo a avaliar a implementação de modelos matemáticos diversificados, tais como o uso da equação empírica de Ergun ou a equação de estado para gases ideais para resolver a pressão do sistema. A validação do modelo foi realizada de forma comparativa com estudos de casos reportados na literatura, e observou-se que o modelo que utiliza a equação de estado para predizer a variação de pressão se mostrou mais satisfatório e confiável. Os resultados mostram a influência das propriedades do fluido/partícula, os perfis de velocidades do fluido e das partículas e o perfil da queda de

Artigo:

Palavras-chave:

DOI: 10.5151/chemeng-cobeq2014-0510-25169-160973

Referências bibliográficas
  • [1] ADEWUMI, M. A.; ARASTOOPOUR, H. Two-Dimensional Steady State Hydrodynamic Analysis of Gas-Solids Flow in Vertical Pneumatic Conveying Systems, J. Chem. Phys., v. 31, p. 459-466, 1986.
  • [2] ARASTOOPOUR, H.; GIDASPOW, D. Vertical Pneumatic Conveying Using Four Hydrodynamic Models. Ind. Eng. Chem. Fundam., v. 18, p. 123-130, 1979.
  • [3] CABREJOS, F. J. and KLINZING, G. E. Incipient motion of solid particles in horizontal Pneumatic conveying. Powder Technology. v. 72, p.51-61, 1992.
  • [4] DYNAMIC AIR LTDA. Conveying Systems. Nazaré Paulista, Princípios fundamentais do transporte pneumático, São Paulo: Bulletin 9515-4-BR, 2005.
  • [5] ERGUN, S. Fluid flow through packed columns, Chemical Engineering Progress, v.48, p.89-94, 1952.
  • [6] GIDASPOW, D. Multiphase flow and fluidization: continuum and kinetic theory descriptions, Boston: Academic Press Inc., 1994.
  • [7] HARIU, O. H.; MOLSTAD, M. C. Pressure drop in vertical tubes vertical tubes in transport of solids by gases. Ind. Eng. Chem., v. 41, p. 1148-1160, 1949.
  • [8] KLINZING, G. E.; MARCUS, R. D.; RIZK, F.; LEUNG, L. S. Pneumatic conveying of solids: a theoretical and practical approach. London: Chapman Andamp; Hall, 1997.
  • [9] MARCUS R. D., LEUNG L. S., KLINZING G. E., RIZK F. Pneumatic conveying of solids. a theoretical and practical approach. London: Chapman and Hall, 1990.
  • [10] RICHARDSON, J. F.; ZAKI, W. N. Sedimentation and Fluidization: Part I. Trans. Instn. Chem. Engrs., v. 32, nº 35, 1954.
  • [11] ROWE, P.N. Drag forces in a hydraulic model of a fluidised bed – part II, Trans. Instn. Chem. Engrs, v.39, p.175-180, 1961.
  • [12] THEOLOGOS, K. N.; MARKATOS, N. C. Modelling of vertical pneumatic-conveying hydrodynamics. Appl. Math. Modelling, v. 18, p. 306-320, 1994.
  • [13] ZENZ, F. A.; Two-phase fluid-solid flow. The Canadian Journal of Chemical Engineering, v. 41, p. 20801-2806, 1949.
Como citar:

PEREIRA, A. S.; MAGALHÃES, M. L.; LEMOS, J. A. M.; CARTAXO, S. J. M.; "DESENVOLVIMENTO, COMPARAÇÃO E ANÁLISE DE MODELOS DE TRANSPORTE PNEUMÁTICO.", p. 11519-11526 . In: Anais do XX Congresso Brasileiro de Engenharia Química - COBEQ 2014 [= Blucher Chemical Engineering Proceedings, v.1, n.2]. São Paulo: Blucher, 2015.
ISSN 2359-1757, DOI 10.5151/chemeng-cobeq2014-0510-25169-160973

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações