fevereiro 2015 vol. 1 num. 2 - XX Congresso Brasileiro de Engenharia Química

Artigo - Open Access.

Idioma principal

CINÉTICA DO CRESCIMENTO DE LEVEDURAS EM MEIO SINTÉTICO, NA PRESENÇA DE INIBIDORES, USANDO DIFERENTES CONCENTRAÇÕES DE FERMENTO

OLIVEIRA, J. H. S.; SILVA, M. C. S.; SILVA, L. M. O.; SANTOS, M. S. R.; ALMEIDA, R. M. R. G.;

Artigo:

O presente trabalho teve como objetivo estudar a influência da concentração de fermento, e dos principais contaminantes gerados no pré-tratamento de materiais lignocelulósicos sobre o perfil fermentativo e viabilidade celular da levedura Saccharomyces cerevisiae, em meio sintético YPD, com e sem a adição dos contaminantes, ácido acético e furfural em diferentes concentrações. Os ensaios foram conduzidos em frascos Erlenmeyer de 250 mL contendo 100 mL de meio, e agitação de 100 rpm, mantidos a temperatura de 30ºC, num sistema em batelada. Como forma de acompanhar a cinética fermentativa coletou-se uma amostra do fermentado a cada 2 horas, aferindo-se o teor de sólidos solúveis, Brix, e a massa celular. Após fermentação, o caldo sobrenadante foi utilizado para verificação da viabilidade celular através de contagem em Câmara Neubauer. O teor de sólidos solúveis inicial dos meios estava em aproximadamente 6,0°Brix, e nos experimentos que ocorreram maior redução houve diminuição de 2,2ºBrix, para a quantidade inicial de 0,2 g de fermento na ausência de contaminantes, já para os meios que continham os inibidores a maior variação no °Brix ocorreu em um ensaio com maior quantidade inicial de fermento, 1,0 g; e, a partir dos resultados de viabilidade celular observou-se que as leveduras mostram-se mais resistentes aos inibidores quando a concentração inicial de inóculo é maior.

Artigo:

Palavras-chave:

DOI: 10.5151/chemeng-cobeq2014-0484-25271-179132

Referências bibliográficas
  • [1] BELLUCO, A. E. S. Alterações fisiológicas e de composição em Saccharomyces cerevisie sob condições não proliferantes. Dissertação (Mestrado em Ciência e Tecnologia de Alimentos) – USP, 200
  • [2] CABRAL, J.C.A.; SILVA, J.P.A.; ROBERTO, I.C. Influência do pH na produção de etanol por Pichia stipiti. Encontro Latino Am. de Pós-Grad., SP, 2005.
  • [3] CHAVES, M. C. C; GOMES, C. F. S; PEREIRA, E. R. Avaliação de biocombustíveis utilizando o apoio multicritério à decisão. Simp. Bras. P. Op. Bento Gonçalves, RS, 2010.
  • [4] FREITAS, C. S. S. Utilização da citometris de fluxo multiparamétrica na monitorização da resposta fisiológica da levedura Saccharomyces carlsbergensis em presença de ácido acético na produção de bioetanol. 76p. Dissertação de mestrado – Universidade Técnica de Lisboa, Lisboa, 2011.
  • [5] GRETSCHMANN, A. S. Ajuste de curvas na produção de etanol num processo em batelada. X EGEM. RS, 2009 KLINKE, H.B., THOMSEN, A.B., AHRING, B.K. Inhibition of ethanol-producing yeast and bacteria by degradation products produced during pre-treatment of biomass. Applied Microbiology and Biotechnology, Vol. 66, 10-26, 2004.
  • [6] PALMQVIST, E., HANH-HAGERDAL, B. Fermentation of lignocellulosic hydrolysates. II: inhibitors and mechanisms of inhibition. Bioresource Technology, Vol. 74, 25-33, 2000 Renewable Fuels Association, Etanol industry statistics 2010. Disponível em: Andlt;http://www.ethanolrfa.org/pages/statisticsAndgt; ROSSELL, C.E.V. Fermentação do hidrolisado. III Workshop Tecn. sobre Hidrólise para Prod. de Etanol, 200
  • [7] SANTOS, R.A. Estudo cinético do processo de fermentação etanólica do hidrolisado de farinha de mandioca utilizando complementação nutricional do mosto. Dissertação (Mestrado em Engenharia Química) – UFAL, 2013 SANTOS, M. S. R. Estudo de pré-tratamentos de palha e sabugo de milho visando a produção de etanol 2G. Dissertação (Mestrado em Engenharia Química) – UFAL, 2013.
  • [8] TAHERZADEH, M. J.; KARIMI, K. Acid-based hydrolysis processes for etanol from lignocellulosic materials: a review. BioResources, Vol 2, 472-499, 2007.
Como citar:

OLIVEIRA, J. H. S.; SILVA, M. C. S.; SILVA, L. M. O.; SANTOS, M. S. R.; ALMEIDA, R. M. R. G.; "CINÉTICA DO CRESCIMENTO DE LEVEDURAS EM MEIO SINTÉTICO, NA PRESENÇA DE INIBIDORES, USANDO DIFERENTES CONCENTRAÇÕES DE FERMENTO", p. 693-700 . In: Anais do XX Congresso Brasileiro de Engenharia Química - COBEQ 2014 [= Blucher Chemical Engineering Proceedings, v.1, n.2]. São Paulo: Blucher, 2015.
ISSN 2359-1757, DOI 10.5151/chemeng-cobeq2014-0484-25271-179132

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações