fevereiro 2015 vol. 1 num. 2 - XX Congresso Brasileiro de Engenharia Química

Artigo - Open Access.

Idioma principal

BIODEGRADAÇÃO DO SURFACTANTE LINEAR ALQUILBENZENO SULFONATO DE SÓDIO UTILIZANDO FUNGOS FILAMENTOSOS

COSTA, M. F.; CARVALHO, B. M. A.; OLIVEIRA, A. M.; OLIVEIRA JR, E. N.;

Artigo:

Linear alquilbenzeno sulfonato de sódio (LAS) é um dos surfactantes mais utilizados como componente ativo de detergentes e outros produtos de limpeza, devido ao seu baixo custo e alta eficiência como tensoativo. Devido ao seu acúmulo em níveis tróficos mais baixos, a comunidade científica tem voltado seus olhares para esse e outros tensoativos, como o nonilfenol. A bioacumulação desses compostos orgânicos tem sido reportados como perturbadores endócrinos. Como forma de analisar a biodegradação dos surfactantes (em geral) no meio, um efluente sintético foi produzido utilizando o surfactante dodecil sulfato de sódio (tipo de LAS), e posteriormente tratado com três tipos de fungos filamentosos, Aspergillus aculeatus, Penicillium chrysogenum e Penicillium crustosum. Para a fermentação realizada em shaker, o inóculo produzido com os esporos foi colocado para fermentar o efluente sintético a 25ºC, 180 rpm em meio mínimo líquido, durante cinco dias. Os resultados obtidos mostraram que o fungo que mais se destacou na biodegradação do LAS foi o Penicillium crustosum, removendo mais de 95% do tensoativo do meio. Os outros dois fungos Aspergillus aculeatus e Penicillium chrysogenum removeram, respectivamente, 85% e 90% do tensoativo do meio.

Artigo:

Palavras-chave:

DOI: 10.5151/chemeng-cobeq2014-0917-22466-150356

Referências bibliográficas
  • [1] AZEVEDO e SILVA, C. E.; Souza S. A. C. Miranda M. R. Solução Biode(sa)gradável Ciência Hoje. v. 43; p. 19-23, 2008.
  • [2] ESTEVES, A. S. – Degradação de Alquilbenzeno Linear Sulfonato em reator anaeróbio de manta de lodo e fluxo ascendente. 2010. 64 p. Trabalho de graduação – Escola de Engenharia de São Carlos da Universidade de São Paulo, São Carlos, 2010.
  • [3] FILHO, J.D.P. Degradação de Alquilbenzeno linear Sulfonado em reator anaeróbio operado em bateladas sequenciais com biomassa imobilizada em carvão vegetal, 2008. 85 p. Dissertação (Mestrado em Hidráulica e Saneamento) – Escola de Engenharia de São Carlos da Universidade de São Paulo, São Carlos, 2008.
  • [4] MUNGRAY, A.K.; KUMAR, P. Fate of linear alkylbenzene sulfonates in the environment: A review. International Biodeterioration Andamp; Biodegradation, v. 63, p. 981–987, 2009.
  • [5] SILVA, K. C. Estudo do potencial de degradação do corante reativo preto intenso N por fungos filamentosos isolados de efluente industrial têxtil. 100 p. Tese (Mestre em biotecnologia) – Universidade Federal de São João del Rei, 2013.
Como citar:

COSTA, M. F.; CARVALHO, B. M. A.; OLIVEIRA, A. M.; OLIVEIRA JR, E. N.; "BIODEGRADAÇÃO DO SURFACTANTE LINEAR ALQUILBENZENO SULFONATO DE SÓDIO UTILIZANDO FUNGOS FILAMENTOSOS", p. 1336-1340 . In: Anais do XX Congresso Brasileiro de Engenharia Química - COBEQ 2014 [= Blucher Chemical Engineering Proceedings, v.1, n.2]. São Paulo: Blucher, 2015.
ISSN 2359-1757, DOI 10.5151/chemeng-cobeq2014-0917-22466-150356

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações