fevereiro 2015 vol. 1 num. 2 - XX Congresso Brasileiro de Engenharia Química

Artigo - Open Access.

Idioma principal

ANÁLISE DA INFLUÊNCIA DE BOCAIS NO ESCOAMENTO DE TANQUE EM REGIME PERMANENTE

MATOS, D. B. de; MOITINHO, A. C.; ANDRADE, M. S.; CRUZ, W. R. S.; SILVA, G. F.;

Artigo:

O esvaziamento de tanques por meio de acessórios, como os bocais, é comumente encontrado nas indústrias, sendo um dos tipos de maior aplicabilidade da mecânica dos fluidos. Bocais são tubos de pequeno comprimento, adaptados a orifícios em parede fina ou de grande espessura, utilizados no combate a incêndios, etc. O presente trabalho tem como objetivo avaliar a influência dos bocais no que diz respeito ao escoamento em um tanque em regime permanente por meio de três níveis de vazão. Confirmou-se que o jato de água se comporta com um projétil em queda livre, que a velocidade da água aumenta se aumentarmos o nível da vazão; bocais do tipo ajustado são os mais indicados quando se quer maiores alcances do jato assim como os divergentes; para médios alcances, são melhores utilizados os bocais cilíndricos e dentre estes os externos são mais indicados; a utilização de tubos de aço, dentre todos os bocais estudados, acarreta em menores alcances do jato e supostamente maior tempo de

Artigo:

Palavras-chave:

DOI: 10.5151/chemeng-cobeq2014-1656-18191-172835

Referências bibliográficas
  • [1] AZEVEDO, J. M. N.; FERNANDEZ, M. F.; ITO. Manual de Hidráulica, 8ª Ed., São Paulo: Editora Blucher, p. 66, 1998.
  • [2] GRIBBIN, J. E. Introdução à Hidráulica, Hidrologia e Gestão de Águas Pluviais. São Paulo: Cengage Learning, 3ª Ed., 2009.
  • [3] MUNSON, B. R.; YOUNG, D. F.; OKIISHI, T. H. Fundamentos da Mecânica dos Fluidos. São Paulo: Blucher, 1ª Ed., 4ª Reimp., 201
Como citar:

MATOS, D. B. de; MOITINHO, A. C.; ANDRADE, M. S.; CRUZ, W. R. S.; SILVA, G. F.; "ANÁLISE DA INFLUÊNCIA DE BOCAIS NO ESCOAMENTO DE TANQUE EM REGIME PERMANENTE", p. 6146-6153 . In: Anais do XX Congresso Brasileiro de Engenharia Química - COBEQ 2014 [= Blucher Chemical Engineering Proceedings, v.1, n.2]. São Paulo: Blucher, 2015.
ISSN 2359-1757, DOI 10.5151/chemeng-cobeq2014-1656-18191-172835

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações