fevereiro 2015 vol. 1 num. 2 - XX Congresso Brasileiro de Engenharia Química

Artigo - Open Access.

Idioma principal

ANÁLISE DA EFICIÊNCIA DE FILME BIODEGRADÁVEL INCORPORADO DE CHÁ VERDE PARA O AUMENTO DA VIDA ÚTIL DE TOMATES

SPOHR, G. M.; MOHR, L. C.; QUADROS, C. S. de; TERNUS, R. Z.; MENONCIN, S.; DALCANTON, F.;

Artigo:

O Brasil é o quinto maior produtor de tomates no mundo, porém após a colheita este deteriora rapidamente. Uma técnica atualmente pesquisada para a extensão da vida útil de frutos são os recobrimentos biodegradáveis. Pensando nisso, este trabalho teve como objetivo utilizar filmes biodegradáveis incorporados de chá verde para recobrir tomates. Para a avaliação da eficiência do recobrimento utilizaram-se filmes com 5% de fécula de mandioca, fécula acrescida de chá verde (1:1) e os tomates sem recobrimento (controle). Realizaram-se análises físico-químicas, e como resultado não foi observada diferença significativa entre os tratamentos até aproximadamente 20 dias, porém os frutos recobertos somente com a fécula obtiveram 15 dias a mais de vida útil. Com isso, conclui-se que o chá verde apesar de possuir capacidade bactericida e antioxidante não foi eficiente para estender a vida útil do tomate nas condições estudadas, porém o recobrimento somente com a fécula de mandioca mostrou-se uma técnica viável.

Artigo:

Palavras-chave:

DOI: 10.5151/chemeng-cobeq2014-1468-19130-174971

Referências bibliográficas
  • [1] BOBBIO, P. A.; BOBBIO, F. O. Material de embalagem. In: Química de processamento de alimentos. Campinas: Fundação Cargill, 1984. Cap. 9, p. 189-202 BOLZAN, R. P. Biofilmes comestíveis para a conservação pós-colheita de tomate ''Dominador''. Curitiba. Dissertação (Mestrado em Ciências) - Universidade Federal do Paraná, 2008.
  • [2] BRAIN, MARSHALL, Como Funciona a Conservação dos Alimentos; Disponível em: http://lazer.hsw.uol.com.br/conservacao-de-alimentos.htm. Acesso em: 11/04/2014.
  • [3] BRASIL. Ministério da agricultura, abastecimento e reforma agrária. Portaria n° 553 de 15 de setembro de 1995. Regulamento Técnico de identidade e Qualidade do tomate. 1995.
  • [4] CERQUEIRA, T.S. Recobrimentos comestíveis em goiabas cv. „kumagai‟. Piracicaba, SP. Universidade de São Paulo. Dissertação – Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz. 2007.
  • [5] CHITARRA, M. I. F.; CHITARRA, A. B. Pós colheita de frutos e hortaliças: fisiologia e manuseio. Lavras: Esal/Faepe, 293p, 1990.
  • [6] DONHOWE, G.; FENNEMA, O. Edible films and coatings:characteristics, formation, definitions, and testing methods. In: KROCHTA, J.M.; BALDWIN, E.A.; NISPEROS. 1994.
  • [7] CARRIEDO,M.O. (Ed.). Edible coatings and films to improve food quality. Lancaster: Tec. Publ. Co., 1994. p.1-24.
  • [8] INSTITUTO ADOLFO LUTZ. Métodos físico-químicos para análise de alimentos. Disponível em: Andlt;http://www.ial.sp.gov.br/index.php?option=com_remositoryAndamp;Itemid=7Andamp;func=selectAndamp;orderby=1Andamp;Itemid=7 Andgt;. Acesso em: 18/04/ 2014.
  • [9] KESTER, J. J; FENNEMA, O.R. Edible films and coatings: A review. Food Tec., Chicago, v.42,47-59, 1988.
  • [10] LEMOS, ODAIR LACERDA et al; Utilização de Biofilme Comestível na Conservação de Pimentão „Magali R‟ . Vitória da Conquista,BA: UESB 2006. Dissertação-Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia, 2006.
  • [11] MELO, P. C. T. Panorama da Agroindústria do Tomate no Mundo. 6º Congresso brasileiro de tomate industrial. Piracicaba, 2012.
  • [12] NELSON, K.L; FENNEMA, O.R. Methylcellulose films to prevent lipid migration in confectionary products. Food Sci, Chicago v. 56, n.2, p. 504-509, 1991.
  • [13] PANOZZO, A. Microstructure and bioaccessibility of different carotenoid species as affected by high pressure homogenisation: A case study on differently coloured tomatoes. Food Chemistry, p.4094-4100, 20
  • [14] SCHMITZ, W.O. Atividades antimicrobianas e quimioprotetoras do extrato etanólico de chá verde (Camellia sinensis). Universidade Estadual de Londrina. Centro de Ciências Biológicas. Programa de Pós-Graduação em Patologia Experimental. Londrina, PR, 2005.
Como citar:

SPOHR, G. M.; MOHR, L. C.; QUADROS, C. S. de; TERNUS, R. Z.; MENONCIN, S.; DALCANTON, F.; "ANÁLISE DA EFICIÊNCIA DE FILME BIODEGRADÁVEL INCORPORADO DE CHÁ VERDE PARA O AUMENTO DA VIDA ÚTIL DE TOMATES", p. 4682-4689 . In: Anais do XX Congresso Brasileiro de Engenharia Química - COBEQ 2014 [= Blucher Chemical Engineering Proceedings, v.1, n.2]. São Paulo: Blucher, 2015.
ISSN 2359-1757, DOI 10.5151/chemeng-cobeq2014-1468-19130-174971

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações