Artigo Completo - Open Access.

Idioma principal

ANÁLISE DA DESIDRATAÇÃO DE RESÍDUOS DE PROCESSAMENTO DE MARACUJÁ (Passiflora Edulis) UTILIZANDO INFRAVERMELHO

da SILVA, T. C.; PRATA, L. C.; da SILVA, N. C.; DUARTE, C. R.; BARROZO, M. A. S.;

Artigo Completo:

O Brasil é o terceiro maior produtor frutífero do mundo e a importância dos derivados do processamento de frutas é visível no cotidiano de cada brasileiro. Em contrapartida, os resíduos oriundos desse setor em sua maior parte, são descartados ou muito pouco utilizados. Isso gera um considerável problema, já que é provado que os mesmos possuem diversos compostos benéficos aos organismos vivos, como vitaminas e antioxidantes. A maioria dos alimentos sofre deterioração com facilidade sendo que a desidratação é um dos processos mais antigos usados pelo homem na conservação dos mesmos. A utilização da radiação na faixa do infravermelho para desidratação tem se mostrado uma alternativa bastante viável nos quesitos consumo de energia, tempo e uniformidade energética, quando comparada aos métodos convencionais. Assim, o presente trabalho investigou a desidratação de resíduos de maracujá utilizando infravermelho e analisando o seu efeito sobre as propriedades antioxidantes dos mesmos.

Artigo Completo:

Palavras-chave: antioxidantes, infravermelho, desidratação.,

Palavras-chave: ,

DOI: 10.5151/chemeng-cobeqic2015-054-32008-243001

Referências bibliográficas
  • [1] AGENCIA SEBRAE, 2009. Brasil é o terceiro maior produtor de frutas do mundo, http://agricultura.ruralbr.com.br/noticia/2009/06/brasil-e-o-terceiro-maior-produtor-de-frutas-do-mundo-2535814.html
  • [2] AOAC – Official Methods of Analysis Association of Official Analytical Chemists. Gaithersburg, MD: Association of Analytical Communities, 1995;
  • [3] ARNOSTI Jr., S., FREIRE, J.T., SARTORI, D.J.M., BARROZO, M.A.S. Equilibrium mois-ture content of Brachiaria brizantha. Seed Science and Technology 27 (1),273–282, 1999;
  • [4] COELHO, M. T. Pectina: Características e Aplicações em Alimentos, http://quimicadealimentos.files.wordpress.com/2009/08/pectina-caracteristicas-e-aplicacoes-em-alimentos.pdf, 2008;
  • [5] MARTÍNEZ, R.; TORRES, P.; MENESES, M. A.; FIGUEROA, J. G.; PÉREZ-ALVÁREZ, J. A.; VIUDA-MATOS, M., Chemical, Technological and in vitro antioxidant properties of mango, guava, pineapple and passion fruit dietary fibre concentrate. Food Chemistry, v. 35, p. 1520-1526, 2012;
  • [6] ROS, J. M.; SCHOL, H. A.; VORAGEN, A. G. J., Lemon Albedo Cell Walls Contain Distinct Populations of Pectic Hairy Regions. Carbohydrate Polymers, v. 37, p. 159-166, 1998;
  • [7] SINGLETON, V. L Andamp; ROSSI, J. A., Colorimetry of Total Phenolics with Phosphomolibidic Phosphotungistic Acid Reagents. American Journal of Enology and Viticulture, v. 16, p. 144-158, 1965;
  • [8] TOGRUL, H., Simple Modeling of Infrared Drying of Fresh Apple Slices. Journal of Food Engineering, v. 71, p.311-323, 2005;
  • [9] ZHISHEN, J.; MENGCHENG, T.; JIANMING, W., The Determination of Flavonoid Contents in Mulberry and Their Scavenging Effects on Superoxide Radicals. Food Chemistry, v. 64, p. 555-559, 199
Como citar:

da SILVA, T. C.; PRATA, L. C.; da SILVA, N. C.; DUARTE, C. R.; BARROZO, M. A. S.; "ANÁLISE DA DESIDRATAÇÃO DE RESÍDUOS DE PROCESSAMENTO DE MARACUJÁ (Passiflora Edulis) UTILIZANDO INFRAVERMELHO", p. 1937-1942 . In: Anais do XI Congresso Brasileiro de Engenharia Química em Iniciação Científica [=Blucher Chemical Engineering Proceedings, v. 1, n.3]. ISSN Impresso: 2446-8711. São Paulo: Blucher, 2015.
ISSN 2359-1757, DOI 10.5151/chemeng-cobeqic2015-054-32008-243001

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações