Artigo Completo - Open Access.

Idioma principal | Segundo idioma

UTILIZAÇÃO DO DIAGRAMA DE ISHIKAWA COMO FERRAMENTA DE ANÁLISE DA CAUSA RAIZ DO ALTO ÍNDICE DE PERDAS EM UMA INDÚSTRIA DE PLÁSTICOS NO RIO DE JANEIRO

UTILIZAÇÃO DO DIAGRAMA DE ISHIKAWA COMO FERRAMENTA DE ANÁLISE DA CAUSA RAIZ DO ALTO ÍNDICE DE PERDAS EM UMA INDÚSTRIA DE PLÁSTICOS NO RIO DE JANEIRO

Santos, Marcos dos; Hermogenes, Lucas Ramon dos Santos; Walker, Rubens Aguiar;

Artigo Completo:

O presente artigo tem como foco principal abordar a utilização do diagrama de Ishikawa para analisar a causa do alto índice de perdas no processo de injeção plástica na fabricação de uma peça chave em uma indústria no Rio de janeiro, item esse que compõe a estrutura do principal produto vendido pela empresa. Com uma perda em torno de 50,3% das peças produzidas utilizando a matéria prima e totalmente específica para o item em questão e a mais cara dentre os polímeros utilizados, e sem a possibilidade de reciclar o material refugado, a direção estratégica da organização cogitou suspender as vendas do produto principal com o receio dos clientes colocarem pedidos e a empresa não conseguir atender a demanda necessária em virtude da não solução do problema ocasionado na fabricação da peça. A paralização das vendas dos produtos finais que utilizam o item analisado afetaria o faturamento mensal da empresa em aproximadamente 32,16% (R$183.116,77), total equivalente à média verificada nos meses de janeiro a novembro de 2018. A fim de resolver o problema das perdas no processo, gargalo de produção, altos custos com aquisição de matéria prima e possíveis faltas no atendimento das necessidades dos clientes, justificou- se a utilização do diagrama de Ishikawa para analisar problema observado e aplicar soluções plausíveis à sua resolução, soluções essas que foram implementadas já com um potencial de redução de custos de R$ 88.414,26 e um aumento significativo da produção no período de um ano. Em 2 dias de operação foi possível chegar à quantidade que era alcançada em 6 dias com perdas inferiores à 5% e totalmente reaproveitáveis em outros produtos.

Artigo Completo:

O presente artigo tem como foco principal abordar a utilização do diagrama de Ishikawa para analisar a causa do alto índice de perdas no processo de injeção plástica na fabricação de uma peça chave em uma indústria no Rio de janeiro, item esse que compõe a estrutura do principal produto vendido pela empresa. Com uma perda em torno de 50,3% das peças produzidas utilizando a matéria prima e totalmente específica para o item em questão e a mais cara dentre os polímeros utilizados, e sem a possibilidade de reciclar o material refugado, a direção estratégica da organização cogitou suspender as vendas do produto principal com o receio dos clientes colocarem pedidos e a empresa não conseguir atender a demanda necessária em virtude da não solução do problema ocasionado na fabricação da peça. A paralização das vendas dos produtos finais que utilizam o item analisado afetaria o faturamento mensal da empresa em aproximadamente 32,16% (R$183.116,77), total equivalente à média verificada nos meses de janeiro a novembro de 2018. A fim de resolver o problema das perdas no processo, gargalo de produção, altos custos com aquisição de matéria prima e possíveis faltas no atendimento das necessidades dos clientes, justificou- se a utilização do diagrama de Ishikawa para analisar problema observado e aplicar soluções plausíveis à sua resolução, soluções essas que foram implementadas já com um potencial de redução de custos de R$ 88.414,26 e um aumento significativo da produção no período de um ano. Em 2 dias de operação foi possível chegar à quantidade que era alcançada em 6 dias com perdas inferiores à 5% e totalmente reaproveitáveis em outros produtos.

Palavras-chave: Diagrama de Ishikawa, Causa e Efeito, Redução de custos, Aumento de produção, Melhoria de processos.,

Palavras-chave: Diagrama de Ishikawa, Causa e Efeito, Redução de custos, Aumento de produção, Melhoria de processos.,

DOI: 10.5151/spolm2019-216

Referências bibliográficas
  • [1] FREITAS, K. D., Queiroz, P. C., Moura, R. N., Brito, A. V., & Costa Melo, V. C. (7 a 10 de outubro de 2014). Aplicação das ferramentas da qualidade em uma panificadora como método de melhoria do processo produtivo: estudo de caso. Anais do XXXIV encontro nacional de engenharia de produção: Engenharia de Produção: Infraestrutura e Desenvolvimento Sustentável: a Agenda Brasil+10, p. 20. [2] INDEZEICHAK, V. (2005). Análise do controle estatístico da produção para empresa de pequeno porte. Ponta Grossa: Dissertação (Mestrado em Engenharia de Produção) – Departamento de Pesquisa e Pós-Graduação. Ponta Grossa: Universidade Tecnológica Federal do Paraná. [3] PALADINI, E. P. (1997). Qualidade Total na Prática. Rio de Janeiro: Atlas. Peinado, J., & Graeml, A. R. (2007). Administração da Produção (Operações Industriais e de Serviços). Curitiba: UnicenP. [4] RAMOS, A. W. (2000). CEP para processos contínuos e em bateladas. São Paulo: Fundação Vanzolini. [5] SAMOHYL, R. W. (2009). Controle Estatístico de Qualidade. Rio de Janeiro: Elsevier. [6] SLACK, N., BRANDON-JONES, A., & JOHNSTON, R. (2017). Administração da Produção. São Paulo: ATLAS.
Como citar:

Santos, Marcos dos; Hermogenes, Lucas Ramon dos Santos; Walker, Rubens Aguiar; "UTILIZAÇÃO DO DIAGRAMA DE ISHIKAWA COMO FERRAMENTA DE ANÁLISE DA CAUSA RAIZ DO ALTO ÍNDICE DE PERDAS EM UMA INDÚSTRIA DE PLÁSTICOS NO RIO DE JANEIRO", p. 2987-3000 . In: Anais do XIX Simpósio de Pesquisa Operacional & Logística da Marinha. São Paulo: Blucher, 2020.
ISSN 2175-6295, DOI 10.5151/spolm2019-216

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações