Artigo Completo - Open Access.

Idioma principal

UTILIZAÇÃO DA ARGILA BENTONITA COMO ADSORVENTE PARA REMOÇÃO DO ÓLEO DE ÁGUA PRODUZIDA SINTÉTICA

ALENCAR, A. O.; OLIVEIRA, A. M. D.; MOURA, T . E .; SOUZA, K . S. M. G.; CLERICUZI, G. Z.;

Artigo Completo:

Nos últimos anos as exigências ambientais cada vez mais rigorosas levam a corporação científica a preocupar-se mais com o controle ambiental. Nos poços de petróleo não é diferente, ele produz além de gás e petróleo, água com gotículas de óleo dissolvidas e emulsionadas o que inviabiliza o seu reuso. O processo de adsorção vem mostrando resultados satisfatórios e a utilização da argila como adsorvente vem ganhando espaço nas pesquisas, tanto as modificadas quanto as naturais. Este estudo investigou o desempenho da Argila natural tipo bentonita- PMT1 como adsorvente no processo de separação de uma emulsão óleo/água. Este trabalho foi realizado em duas etapas, a 1ª consistiu na caracterização da Argilapela técnica de difração de Raios X, Análise Térmica Diferencial e Termogravimétrica. A 2ª teve por finalidade avaliar a remoção do óleo em água, utilizando-se um sistema de banho finito. Os ensaiosforam realizados de acordo com um planejamento experimental fatorial completo 23 com 3 experimentos no ponto central, avaliando-se a influência dos fatores escolhidos: pH entre3 a 7, temperatura entre 28 a40 °C e concentração do óleo entre300 a 500 mg.L-1. Os resultados indicam que a remoção de óleo mostrou melhores resultados na temperatura 40°C, pH 7 e concentração 500 mg.L-1, apresentando Percentual de Remoção total de 100% e Capacidadede Remoção em equilíbrio de 24,9. Deste modo, a Argila bentonita-PMT1 demonstrou ser um excelente adsorvente para a remoção de óleo em água.

Artigo Completo:

Palavras-chave: argila bentonita,

Palavras-chave:

DOI: 10.5151/chemeng-cobeqic2017-479

Referências bibliográficas
  • [1] BRASIL. Conselho Nacional de Meio Ambiente - CONAMA. Resolução Nº 393 de 09 de Agosto de 2007. CURBELO, F. D. da S. 2002 Estudo da remoção de óleo em águas produzidas na indústria de petróleo, por adsorção em coluna utilizando a vermiculita expandida e hidrofobizada. Dissertação de Mestrado, UFRN, Programa de Pós-Graduação em Engenharia Química, Natal – RN, Brasil. 88 p.
  • [2] GOMES, E. A. Tratamento combinado da água produzida do petróleo por eletroflotação e processo fenton. Dissertação de Mestrado, UNIT, PEP, 2009. 84 p.
  • [3] MONTGOMERY, D. C.; RUNGER, G. C., Estatística Aplicada e Probabilidade para Engenheiros. 2ª Ed.; LTC Editora; São Paulo, 200
  • [4] MOTTA, A. R. P.; BORGES, C. P.; KIPERSTOK, A.; ESQUERRE, K. P.; ARAUJO, P. M.; BRANCO, L. P. N.; Tratamento de água produzida de petróleo para remoção de óleo por processos de separação por membranas: revisão. EngSanit Ambient, Salvador, v.18, n.1, p.15-26, 2013.
  • [5] WU, J., Li, B., LIAO, J., FENG, Y., ZHANG, D., ZHAO, J., WEN, W., YANG, Y., LIU, N.; Behavior and analysis of Cesium adsorption on montmorillonite mineral. Journalof Environmental Radioactivity, v.100, p.914 – 920, 2009.
Como citar:

ALENCAR, A. O.; OLIVEIRA, A. M. D.; MOURA, T . E .; SOUZA, K . S. M. G.; CLERICUZI, G. Z.; "UTILIZAÇÃO DA ARGILA BENTONITA COMO ADSORVENTE PARA REMOÇÃO DO ÓLEO DE ÁGUA PRODUZIDA SINTÉTICA", p. 2997-3002 . In: Anais do XII Congresso Brasileiro de Engenharia Química em Iniciação Científica [=Blucher Chemical Engineering Proceedings, v. 1, n.4]. ISSN Impresso: 2446-8711. São Paulo: Blucher, 2017.
ISSN 2359-1757, DOI 10.5151/chemeng-cobeqic2017-479

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações