Artigo completo - Open Access.

Idioma principal | Segundo idioma

Uma análise Formalista da narrativa gráfica A Chegada: nem livro ilustrado nem comics, mas ambos

A Formalist analysis of the graphic narrative The Arrival: neither picturebook nor comics, but both

Souza, Eduardo A. B. M.;

Artigo completo:

Este artigo discute a linguagem das narrativas gráficas por meio da análise de A Chegada, do autor-ilustrador australiano Shaun Tan. A partir da fundamentação teórica e analítica no movimento literário do Formalismo russo, argumentaremos que livros ilustrados e comics compartilham dos mesmos parâmetros para comunicação e constituem uma mesma forma de expressão. Então, analisaremos os dispositivos poéticos utilizados na obra para causar estranhamento, um efeito característico da percepção artística, ao transplantar a experiência do protagonista para o leitor. Por fim, concluímos que, na configuração da mensagem, o design necessariamente se posiciona em um espectro comunicacional entre o estranho e o automatismo.

Artigo completo:

This paper discusses graphic narratives’ language by analysing The Arrival, from the Australian author and illustrator Shaun Tan. Theoretically and analytically based on Russian Formalism literary movement, we will argue that picturebooks and comics share the same parameters to communicate and belong to the same means of expression. Thus we will analyse the poetic devices employed in this work to cause estrangement, the characteristic effect of the artistic perception, by transplanting the character’s experience to the reader. At last we conclude that by shaping the message, design necessarily has to stand somewhere between the strange and the automatic.

Palavras-chave: narrativa gráfica, medium, comics, livros ilustrados, estranhamento, Formalismo russo,

Palavras-chave: graphic narrative, medium, comics, picturebooks, estrangement, Russian formalism,

DOI: 10.5151/9cidi-congic-5.0323

Referências bibliográficas
  • [1] Eichenbaum, B. (2001[1926]) The theory of the ‘formal method’. In: Leitch, V. B. (ed.). The Norton Anthology of Theory and Criticism. Nova York: W. W. Norton & Company.
  • [2] Devos, L. (2011) Not all that’s modern is post: Shaun Tan’s grand narrative. Bookbird: A Journal of International Children’s Literature. Baltimore: John Hopkins University Press, 49(4).
  • [3] Kempinska. O. G. (2013) O olhar estrangeiro e a estética. Aletria: Revista de Estudos de Literatura. Belo Horizonte: Programa de Pós-Graduação em Estudos Literários da Faculdade de Letras/UFMG, 23(1).
  • [4] Robinson, D. Estrangement and the Somatics of Literature. Baltimore: The Johns Hopkins University Press, 2008.
  • [5] Shklovsky, V. (1965). Art as Technique. In: Russian Formalist Criticism: Four Essays. Traduzido por Lee T. Lemon e Marion J. Reis. Lincoln: University of Nebraska Press.
  • [6] ______. (1973[1914]) The resurrection of the word. In: Bann, S.; Bowlt, J.E. (eds.) Russian Formalism: A collection of articles and texts in translation. New York: Barnes and Noble.
  • [7] Souza et al. (2016). Alternativas epistemológicas para o design da informação: a forma enquanto conteúdo. Revista Brasileira de Design da Informação. São Paulo, 13(2).
  • [8] Souza E. A., MIRANDA E. R. & PORTO FILHO G. (2016). A narrativa gráfica enquanto medium. Revista Brasileira de Design da Informação. São Paulo, 13(3).
  • [9] Souza, E. (2016). O estranhamento nos livros ilustrados de Shaun Tan. Dissertação (Mestrado). Recife, Pernambuco. Universidade Federal de Pernambuco, 2016.
  • [10] ______. (2019). Por que imagem não é literatura?. Jornal Rascunho, 226, Fevereiro de 2019. Disponível em: Último acesso em 16 de julho de 2019.
  • [11] Tan, S. (2010) Sketches from a Nameless Land: The Art of The Arrival. Sydney: Hachette Australia.
  • [12] Thompson, K. (1988) Breaking the glass armor: Neoformalist film analysis. New Jersey: Princeton University Press.
  • [13] Tynyanov, Y. (1971[1929]). On Literary Evolution. In: Matejka, L.; Pomorska, K. (eds.). Readings in Russian Poetics: Formalist and Structuralist Views. Cambridge: The MIT Press.
Como citar:

Souza, Eduardo A. B. M.; "Uma análise Formalista da narrativa gráfica A Chegada: nem livro ilustrado nem comics, mas ambos", p. 2405-2414 . In: Anais do 9º CIDI | Congresso Internacional de Design da Informação, edição 2019 e do 9º CONGIC | Congresso Nacional de Iniciação Científica em Design da Informação. São Paulo: Blucher, 2019.
ISSN 2318-6968, DOI 10.5151/9cidi-congic-5.0323

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações