resumo - Open Access.

Idioma principal | Segundo idioma

Sistemas de Produto + Serviço Sustentáveis (S.PSS) para o contexto das Distributed Economies (DE) no Brasil

-

CASTILLO, Leonardo; GOMEZ, Carla Pasa; HADASSA, Paula;

resumo:

Este artigo se propõe a analisar casos empíricos de oferta de Sistemas de Produto + Serviço Sustentáveis (S.PSS) para o contexto das Distributed Economies (DE) no Brasil. O que chama a atenção desses modelos é que são formados por unidades de produção local, que podem estar interligadas através de uma rede de troca de recursos. Valoriza-se assim novas proposições de produção e consumo em pequena escala de produção, onde esses usuários podem se transformar também em produtores do próprio sistema, e cujos impactos beneficiam os envolvidos nesses processos de forma mais equitativa econômico, social e, ambientalmente. Para o estudo, foram realizadas pesquisas bibliográficas e de campo por meio de informações disponíveis nas redes sociais que permitiram identificar 28 iniciativas cujas características atenderam aos princípios da DE, e apresentam 4 tipos de relacionamento entre seus atores principais (provedores e usuários). São estes oferta de S.PSS de consumidores para consumidores (C2C), de empresas para consumidores (B2C), de empresas para empresas (B2B), e do governo para consumidores (G2C).

resumo:

-

Palavras-chave: Distributed Economies; Sustainable PSS; Design para a Sustentabilidade,

Palavras-chave: -,

DOI: 10.5151/ped2018-Artigo selecionado para publicação na Revista Estudos em Design

Referências bibliográficas
  • [1] -
Como citar:

CASTILLO, Leonardo; GOMEZ, Carla Pasa; HADASSA, Paula; "Sistemas de Produto + Serviço Sustentáveis (S.PSS) para o contexto das Distributed Economies (DE) no Brasil", p. 6064 . In: Anais do 13º Congresso Pesquisa e Desenvolvimento em Design (2018). São Paulo: Blucher, 2019.
ISSN 2318-6968, DOI 10.5151/ped2018-Artigo selecionado para publicação na Revista Estudos em Design

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações