Artigo - Open Access.

Idioma principal

SISTEMA DE COLETA PARA DESTINO FINAL DE PILHAS E BATERIAS: UMA ALTERNATIVA SUSTENTÁVEL EM INSTITUIÇÕES DE ENSINO SUPERIOR

OLIVEIRA, Victor Cardoso; PEREIRA, Narcélio de Araújo;

Artigo:

No Brasil as pilhas e baterias não têm recebido uma notável atenção, mesmo com seus impactos no meio ambiente. Estes resíduos especiais apresentam em sua composição elementos tóxicos, metais pesados, que se não descartados corretamente poluem o solo e, consequentemente, o meio ambiente. Legalmente, é previsto que esses resíduos, que são caracterizados pela legislação brasileira como “resíduos especiais”, deveriam retornar para seus fabricantes, garantindo que os mesmos dariam o destino adequado. No entanto o cumprimento da legislação vigente que prevê a logística reversa ainda é uma utopia e as consequências da poluição gerada por esses materiais continuam. Como forma de minimizar esses impactos, lançamos este projeto de pesquisa que teve como objetivos de despertar a comunidade acadêmica do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE) – Campus Maracanaú à importância de se coletar pilhas e baterias usadas e dar a sua destinação correta. A metodologia aplicada propôs a realização de palestras de conscientização da importância da reciclagem de resíduos especiais à comunidade acadêmica, foram distribuídos Papa-pilhas (frascos de plástico devidamente identificados) no campus Maracanaú do IFCE. Foram encaminhados à ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica) 50 Kg de pilhas e baterias. Este projeto não tem prazo de finalização, sendo continuado e fornecendo à população do Campus uma alternativa sustentável à destinação de resíduos especiais.

Artigo:

Palavras-chave: Reciclagem, Pilhas e Baterias, Meio Ambiente,

Palavras-chave: ,

DOI: 10.5151/engpro-eneeamb2016-ea-010-4965

Referências bibliográficas
  • [1] ALLOWAY, B. J. Heavy metal insoils.Glasgow: Chapman & Hall, 1990. 339 p. 6
  • [2] ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS – ABNT. Pilhas e Acumuladores Elétricos. Rio de Janeiro: ABNT, 1987. (NBR 7039).
  • [3] ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS – ABNT.
  • [4] Pilhas Elétricas. Rio de Janeiro: ABNT, 1986. (NBR 9514).
  • [5] BRASIL. Ministério das Minas e Energia. Departamento Nacional de Produção Mineral. Sumário Mineral. Brasilia: DNPM, 1999. v. 19, p. 100-102.
  • [6] BRASIL. Resolução CONAMA 257de 30 de junho de 1999. Disponível em: <
  • [7] http://www.mma.gov.br/port/conama/res/res99/res25799.html. Acesso em 05/05/2014.
  • [8] BRENNIMAN, Gary R. et al. Automotive and household batteries. In: Handbook of Solid Waste Management. USA: McGraw-Hill, 1994.
  • [9] CAPRA, F. et al. Gerenciamento ecológico: ecomanagement. São Paulo: Cultrix, 1995. 203p.
  • [10] FISHBEIN, Bette. Industry Program to Collect Nickel-Cadmium (Ni-Cd) Batteries.http://ww.informinc.org/battery.html. maio 1998.
  • [11] GUIMARAES, P.C.V., DEMARJOROVIC,J., OLIVEIRA, R.G. Estratégias empresarias e instrumentos econômicos de gestão ambiental. RAE, 1995. v. 35, n.5, p. 72-82.
  • [12] GÜNTER, W.M.R; REIDLER, N.M.V. Impactos Ambientais e Sanitários causados por descarte inadequado de pilhas e baterias usadas. Disponível em: Acesso em: 13/07/2011.
  • [13] LYZNICKI, James M. et al. Automotive and household batteries. In: Handbook of Solid Waste Management. USA: McGraw-Hill, 1994. p. 9.149 - 9.163.
  • [14] Logística reversa: importante para o Meio Ambiente. Disponível em http://www.suapesquisa.com/ecologiasaude/logistica_reversa.htm. Acessado em 08.mai.14
  • [15] MENDES, Athos Amós, SILVA, Jairo Leal. Minério de Manganês de Carajás para Utilização em Pilhas Eletroquímicas. REM: R. Esc. Minas, Ouro Preto, v. 47, n. 2, p. 112-7, abr. / jun. 1994.
  • [16] NOGUEIRA, D; VENTURA, D. AP; FABOCCI, R.T.S; LIMA A.A; ARÇARI, D.P. Pilhas e Baterias Descarte Correto e Reciclagem. Disponível em: Acesso em: 05/05/2014.
  • [17] ROSENSTOCK, L., CULLEN, M. R. Textbook of Clinical Occupational and Environmental Medicine. Philadelphia: W. B. Saunders Company, 1994. cap 30.
  • [18] RUSSEL, John B. QuímicaGeral. São Paulo: McGraw-Hill do Brasil, 1981. p. 585-759.
  • [19] SILVA, E.L.; MENEZES, E.M. Metodologia da pesquisa e elaboração de dissertação. Florianópolis: Laboratório de Ensino a Distância da UFSC, 2001. Disponível em: http://projetos.inf.ufsc.br/arquivos/Metodologia%20da%20Pesquisa %203a%20edicao.pdf> Acesso em: 19out.2010.
Como citar:

OLIVEIRA, Victor Cardoso; PEREIRA, Narcélio de Araújo; "SISTEMA DE COLETA PARA DESTINO FINAL DE PILHAS E BATERIAS: UMA ALTERNATIVA SUSTENTÁVEL EM INSTITUIÇÕES DE ENSINO SUPERIOR", p. 1222-1231 . In: Anais do XIV Encontro Nacional de Estudantes de Engenharia Ambiental [= Blucher Engineering Proceedings v.3 n.2]. São Paulo: Blucher, 2016.
ISSN 2357-7592, DOI 10.5151/engpro-eneeamb2016-ea-010-4965

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações