Artigo completo - Open Access.

Idioma principal

PRODUTIVIDADE DA INDÚSTRIA DE TRANSFORMAÇÃO NO ESPÍRITO SANTO: UMA ANÁLISE PARA O PERÍODO DE 2007 A 2016

MOZER, THAIS MARIA; AVANCI, VANESSA DE LIMA; DIIRR, NATHAN MARQUES;

Artigo completo:

O presente artigo aborda a evolução da produtividade do trabalho na indústria do estado do Espírito Santo no período de 2007 a 2016. Esta medida também foi comparada relativamente à produtividade das mesmas atividades industriais no país e decomposta setorialmente a partir da técnica do shift-share. O estudo apontou para uma retração da produtividade da indústria geral no estado, resultante da combinação de redução no valor da transformação industrial e aumento da população ocupada durante os anos estudados. Ainda assim, a indústria geral no Espírito Santo apresentou uma produtividade relativamente superior a nacional para todos os anos analisados. Porém, quando analisada apenas as indústrias de transformação, a produtividade relativa no Espírito Santo foi inferior a nacional. Portanto, pode-se inferir que a produtividade da indústria geral no estado somente foi superior à média para o país no período analisado devido ao desempenho das suas indústrias extrativas. A decomposição shift-share da produtividade no estado capixaba entre 2007 e 2016 mostrou que a queda na indústria de transformação não foi um fenômeno generalizado entre os seus setores e que alguns se destacaram, como a produção de alimentos.

Artigo completo:

Palavras-chave: produtividade; shift-share; indústria de transformação,

Palavras-chave:

DOI: 10.5151/iv-enei-2019-1.3-063

Referências bibliográficas
  • [1] BONELLI, R. “Produtividade e armadilha do lento crescimento”. In: de Negri, F. R e Cavalcante, L. R. Produtividade no Brasil: Desempenho e Determinantes. Brasília: Ipea, 2014.
  • [2] BONELLI, R. “Comparações Internacionais de Produtividade na Indústria e Tendências Setoriais: Brasil e EUA”. In: BARBOSA, N.; MARCONI, N.; CANÊDO PINHEIRO, M.; CARVALHO, L. (Orgs.). Indústria e Desenvolvimento Produtivo no Brasil. Rio de Janeiro: Editora Elsevier, p. 487-517, 2015.
  • [3] BONELLI, R. e CANÊDO PINHEIRO, M. Produtividade na indústria de transformação: desempenho por atividade e tamanho de empresa, 2007-201 In: Bonelli, R., Veloso, F., Pinheiro, A.C. (Orgs.). Anatomia da Produtividade no Brasil. Rio de Janeiro: Elsevier, p. 183-209, 2017.
  • [4] CANÊDO PINHEIRO, M.; BARBOSA FILHO, F. de H. Produtividade e convergência entre estados brasileiros: exercícios de decomposição setorial. Economia Aplicada, v. 15, n. 3, p. 417-442, 2011.
  • [5] DE NEGRI, F.; CAVALCANTE, L. R. Produtividade no Brasil: desempenho e determinantes. Brasília: ABDI / IPEA, 2014.
  • [6] DOSI, G., PAVITT, K., & SOETE, L. The economics of technical change and international trade. LEM Book Series, 1990.
  • [7] IEDI. A evolução da produtividade da indústria brasileira. Análise IEDI, 2018.
  • [8] HIRSCHMAN, Albert O. The strategy of economic development. 195
  • [9] KALDOR, N. Características do desenvolvimento econômico. Revista Brasileira de Economia. v.11, n.1, 1957.
  • [10] KRUGMAN, Paul R. The age of diminished expectations: US economic policy in the 1990s. MIT press, 1997.
  • [11] MAGALHÃES, M. A.; RIBEIRO, A. P. L. Produtividade Industrial no Espírito Santo: uma análise para a primeira década do século XXI. Revista de Economia, v. 37, n. 1, 20
  • [12] MENEZES FILHO, N.; CAMPOS, G.; KOMATSU, B. K. A Evolução da Produtividade no Brasil. Brasil. São Paulo, CPP Policy Paper nº 12, ago. 2014.
  • [13] PIRES, A. A indústria do petróleo e o caso do Espírito Santo. Análise dos grandes projetos de investimento no Espírito Santo. In: IJNS. Espírito Santo: Instituições, desenvolvimento e inclusão social. Vitória, 2010.
  • [14] RODRIK, D. (2008). Industrial Policy for the Twenty-first Century. In: Rodrik, D. (ed.), One Economics, Many Recipes: Globalization, Institutions, and Economic Growth. Princeton University Press.
  • [15] VELOSO, F.; MATOS, S.; COELHO, B. “Produtividade do Trabalho no Brasil: Uma Análise Setorial”. In: BONELLI, R.; VELOSO, F. (Orgs.). Ensaios IBRE de Economia Brasileira II. Rio de Janeiro: Editora Elsevier, p. 75-107, 2014.
Como citar:

MOZER, THAIS MARIA; AVANCI, VANESSA DE LIMA; DIIRR, NATHAN MARQUES; "PRODUTIVIDADE DA INDÚSTRIA DE TRANSFORMAÇÃO NO ESPÍRITO SANTO: UMA ANÁLISE PARA O PERÍODO DE 2007 A 2016", p. 244-264 . In: Anais do IV Encontro Nacional de Economia Industrial e Inovação. São Paulo: Blucher, 2019.
ISSN 2357-7592, DOI 10.5151/iv-enei-2019-1.3-063

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações