Artigo Completo - Open Access.

Idioma principal

POESIA E PINTURA: RELAÇÕES POSSÍVEIS EM CONTEXTO MATO GROSSENSE

PRECIOSO, Adriana Lins;

Artigo Completo:

Do diálogo de dois projetos, o primeiro intitulado Transculturação e poéticas contemporâneas: traços identitários da cultura de Mato Grosso que teve início em 2013 e tem finalização prevista para 2016, cujo objetivo maior é estudar textos pictóricos e poéticos contemporâneos produzidos em Mato Grosso e que apresentem elementos identitários, os quais articulem o diálogo entre as artes, por meio da afirmação da memória local e preservação do cânone e, também, o segundo com o título Multiletramentos e Tecnologia: Formação e Prática Docente – MULTFOR, com o mesmo período de atuação e com o objetivo geral de analisar a relação entre formação docente, multiletramentos e o uso das tecnologias na ação pedagógica de professores da área de linguagem da Educação Básica para compreender como estes interferem nas práticas sociais; esta pesquisa socializa o trabalho relacionado junto ao PROFLETRAS da UNEMAT – Sinop, com docentes do ensino fundamental para a instrumentalização de práticas pedagógicas e alternativas teórico-metodológicas de ensino de leitura de leitura e, de forma específica, do texto poético e do texto pictórico produzidos no contexto de Mato Grosso. A base teórica para este trabalho vem com Koch e Elias (2013) e Cavalcante (2012). O poeta apresentado neste projeto é Aclyse de Mattos, com humor e concretismo. Já as pinturas estão relacionadas com a temática da mitologia judaico-cristã e a série “o cotidiano” de Mari Bueno.

Artigo Completo:

Palavras-chave: Gêneros textuais. Poesia. Pintura.,

Palavras-chave: ,

DOI: 10.5151/edupro-clafpl2016-002

Referências bibliográficas
  • [1] CALVINO, Italo. Por que ler os clássicos. Tradução de Nilson Moulin. São Paulo: Companhia das Letras, 1993.
  • [2] CAVALCANTE, M. M. “Texto, contexto e coerência.” In: Os sentidos do texto. São Paulo: Contexto, 2013.
  • [3] COMPAGNON, Antonie. Literatura para quê? Tradução de Laura Taddei Brandini. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2009.
  • [4] DIONISIO, A. P. VASCONCELOS, L. J. “Multimodalidade, gênero textual e leitura”. In: BUNZEN, C. MENDONÇA, M. Múltiplas linguagens para o ensino médio. São Paulo: Parábola Editorial, 2013.
  • [5] HALL, Stuart. A identidade cultural na pós-modernidade. Rio de Janeiro: DP&A, 2006.
  • [6] MATTOS, A. Quem muito olha a lua fica louco. Cuiabá: Oficina Mínima, 2000.
  • [7] KOCH, I. V. “Introdução”. IN: Introdução à linguística textual: trajetória e grande temas. São Paulo: WMF Martins Fontes, 2009.
  • [8] KOCH, I.V. ELIAS, V. M. Ler e compreender os sentidos do texto. São Paulo: Contexto, 2013.
  • [9] SCARPELLI, M. F. “Heterogeneidade, transculturação, hibridismo: a terceira margem da cultura latino-americana.” In: CHAVES, R. MACÊDO, T. (Org.) Literaturas em movimento: hibridismo cultural e exercício crítico. São Paulo: Arte & Ciência, 2003.
  • [10] SILVA, Tomaz Tadeu da (org.). Identidade e diferença: a perspectiva dos estudos culturais. Rio de Janeiro: Vozes, 2009.
  • [11] SILVA, Rosana Rodrigues. COCCO, Marta Helena. (Org.) Nossas vozes, nossa chão: antologia poética comentada. Cuiabá: Carlini & Caniato, 20
Como citar:

PRECIOSO, Adriana Lins; "POESIA E PINTURA: RELAÇÕES POSSÍVEIS EM CONTEXTO MATO GROSSENSE", p. 16-26 . In: . São Paulo: Blucher, 2017.
ISSN 2318-695X, DOI 10.5151/edupro-clafpl2016-002

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações