Artigo Completo - Open Access.

Idioma principal

MONITORAMENTO POR ESPECTROFOTOMETRIA DO TRATAMENTO DE MANIPUEIRA VIA REAÇÃO DE FENTON

ZENI, J. C.; LEON, G. V.; LEIFELD, V.; IGARASHI-MAFRA, L.;

Artigo Completo:

A manipueira é um efluente derivado do processamento de farinha e fécula de mandioca. Devido a sua elevada carga orgânica, atribuída à presença de altas concentrações de carboidratos, causa um impacto ambiental muito grande. Processos convencionais de tratamento são ineficientes e, assim, o objetivo deste trabalho foi avaliar as reações de Fenton via espectrofotometria UV-Vis para a degradação da matéria orgânica da manipueira. Primeiramente foi feita a caracterização do efluente bruto com relação a diferentes parâmetros físico-químicos. Como pré-tratamentos, foram realizados a coagulação/floculação, seguido de tratamento biológico por sistema de lodos ativados. Em seguida, foram feitos os ensaios de Fenton, com diferentes pH (2,8; 3,0 e 3,2), concentrações de peróxido de hidrogênio (10, 15 e 20 g L-1) e de ferro (60, 180 e 300 mg L-1) de acordo com as combinações obtidas em planejamento experimental 32. Como resultado, pôde-se verificar que as menores relações A/A0 (parâmetro de avaliação da degradação) foram obtidas em pH 3,0, [H2O2] de 15 g L-1 e Fe2+ 180 mg L-1 em 120 min de tratamento (ponto central do planejamento experimental). Assim, verificou-se a potencialidade da reação de Fenton para degradação de matéria orgânica, principalmente dos compostos que fornecem cor e turbidez ao efluente, verificada via avaliação do espectro de absorção.

Artigo Completo:

Palavras-chave: manipueira,

Palavras-chave:

DOI: 10.5151/chemeng-cobeqic2017-472

Referências bibliográficas
  • [1] ABNT (Associação Brasileira e Normas Técnicas): NBR 1056 Águas – Determinação de resíduo sedimentável (sólidos sedimentáveis) - Método do cone de Imhoff. Rio de Janeiro, 1988. 2 p.
  • [2] APHA (1998). Standard methods for the examination of water and wastewater. 20a edição. Washington:APHA/AWWA. Babuponnusami, A.; Muthukumar, K. A. A review on Fenton and improvements to the Fenton process for wastewater treatment. J. Environ. Chem. Eng., v. 2, p. 557–572, 2014.
  • [3] Bautista, P.; Mohedano, A. F.; Casas, J. A.; Zazo, J. A.; Rodriguez, J. J. An overview of the application of Fenton oxidation to industrial wastewaters treatment. J. Chem. Tech. Biotechnol., v. 83, p. 1323-1338, 2008.
  • [4] Campos, A. T.; Daga, J.; Rodrigues, E. E.; Franzener, G.; Suguiy, M. M. T.; Syperreck, V. L. G. Tratamento de águas residuárias de fecularia por meio de lagoas de estabilização. Eng. Agríc., v. 26, n. 1, p. 235-242, 2006.
  • [5] Fioretto, R. A. Uso direto da manipueira em fertirrigação. In: Cereda, M. P. Industrialização da mandioca no Brasil. São Paulo: Paulicéia, p.51-80, 1994.
  • [6] Guzmán, J.; Mosteo, R.; Sarasa, J.; Alba, J. A.; Ovelleiro, J. L. Evaluation of solar photo-Fenton and ozone based processes as citrus wastewater pre-treatments. Sep. Purif. Technol., v. 164, p. 155-162, 201
  • [7] Silva, D. J. Análise de alimentos - métodos químicos e biológicos. Viçosa: UFV - Imprensa Universitária, 1981.
  • [8] Teixeira, C. P. A. B.; Jardim, W. F. Caderno temático: Processos oxidativos avançados – Conceitos teóricos. Instituto de Química. Universidade Estadual de Campinas – UNICAMP – Campinas, 2004.
Como citar:

ZENI, J. C.; LEON, G. V.; LEIFELD, V.; IGARASHI-MAFRA, L.; "MONITORAMENTO POR ESPECTROFOTOMETRIA DO TRATAMENTO DE MANIPUEIRA VIA REAÇÃO DE FENTON", p. 2955-2960 . In: Anais do XII Congresso Brasileiro de Engenharia Química em Iniciação Científica [=Blucher Chemical Engineering Proceedings, v. 1, n.4]. ISSN Impresso: 2446-8711. São Paulo: Blucher, 2017.
ISSN 2359-1757, DOI 10.5151/chemeng-cobeqic2017-472

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações