Artigo - Open Access.

Idioma principal

MONITORAMENTO E ANÁLISE DE USO E OCUPAÇÃO NA MICRORREGIÃO DE VILHENA-RO

BRITO, Yves Dias; LOPES, Aricson Garcia; CRUZ, Weliton Teixeira da;

Artigo:

Devido às necessidades de produção de alimento e visando economia, o homem altera o espaço natural e desenvolve suas atividades. Assim, o presente trabalho visa monitorar a alteração no espaço de uma microrregião localizada no cone sul de Rondônia por onde foi inserida a modernização e expansão da produção de soja, que se tornou uma importante atividade econômica no estado. Visto isso, utilizou-se de PDI(Processamento Digital de Imagens) para analisar a evolução da utilização do espaço na microrregião em uma série temporal utilizando-se três anos, de 1984 a 2015. Foram encontrados dados de relevante evolução na utilização do espaço por atividades antrópicas devido ao forte impulso agrícola, saltando de uma área de 2.083,70 km², em 1984, para 5.314,06 km² em 2000 e 7.234,32 km² em 2015 , resultando em uma diminuição da área florestada de 23.790,49 km² para 19.671,67 km² e 16.684,86 km² nos anos 1984, 2000 e 2015 respectivamente. Considerou-se importante o monitoramento ambiental visando fiscalizar a utilização do território para evitar descontrole na derrubada de áreas de preservação.

Artigo:

Palavras-chave: Monitoramento Ambiental, PDI, Expansão agrícola,

Palavras-chave: ,

DOI: 10.5151/engpro-eneeamb2016-ma-003-5087

Referências bibliográficas
  • [1] BECKER, B, K. Por que a participação tardia da Amazônia na formação econômica do Brasil? In: 50 anos de Formação Econômica do Brasil: Ensaios sobre a obra clássica de Celso Furtado.Rio de Janeiro: IPEA, 2009.
  • [2] CROSTA, A. P. Processamento Digital de Imagens de Sensoriamento Remoto. Campinas: IG/UNICAMP, ISBN 85-853-690-27, 199
  • [3] Environmental Systems ResearchInstitute (ESRI). ArcGis for desktop. Disponível em: Acesso em: 23 de maio de 2016.
  • [4] GONZALES, R.C; WOODS, R.E. Processamento Digital de Imagens. São Paulo – SP, Edgar Blucher, 2000.
  • [5] Instituto Brasileiro de Geografia e estatística (IBGE). IBGE Cidades.Disponível em: . Acesso em: 13 de junho de 201
  • [6] Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE). SPRING, versão 2.5. Disponível em: Acesso em: 12 de agosto de 2015.
  • [7] LINHARES, J. S.; Geotecnologias Aplicadas à análise da dinâmica de ocupação e da vulnerabilidade natural à perda de solos no município de Alto Alegre dos Parecis - Rondônia. Ji-Paraná – RO, 2013. Disponível em:
  • [8] Acesso em 15 de junho de 2015.
  • [9] Ministério do Meio Ambiente (MMA). Download de dados geográficos. Disponível em: Acesso em: 26 de agosto de 2015.
  • [10] OROZCO FILHO, J. C. Análise de imagens de séries temporais NDVI do sensor MODIS na Microrregião de Vilhena. Universidade de Brasília – UnB. Instituto de Ciencias Humanas, Departamento de Geografia,Brasília, dezembro de 2013. Disponível em:
  • [11] Acesso em 15 de junho de 2015.
  • [12] RIBEIRO, A. F. A.; SILVA, R. G. C.; CORRÊA, S. S. Geografia da soja em Rondônia: Monopolização do território, regionalização e conflitos territoriais. CAMPO-TERRITÓRIO: revista de geografia agrária, v. 10, n. 20, p. 180-201, jul., 2015. Disponível em: Acesso em: 22 de março de 2016.
  • [13] SAMPAIO, S. M. N.; VENTURIERI, A.; WATRIN, O. dos S.; SILVA, B. N. R. da; SILVA, L. G. T.; HOMMA, A. K. O.; CARVALHO, R. de A.Evolução da cobertura vegetal e uso da terra na area do assentamento rural no sudeste paraense: o caso do projeto de assentamento agroextrativista Prailata e Piranheira. Belém: Embrapa Amazônia oriental, 2004.
  • [14] SILVA, R. G. C.Globalização e dinâmicas territoriais em Rondônia. Região amazônica. Revista Geograficando, vol5, nº 5, p 41-61.2009. Disponível em: Acesso em: 20 de março de 2016.
Como citar:

BRITO, Yves Dias; LOPES, Aricson Garcia; CRUZ, Weliton Teixeira da; "MONITORAMENTO E ANÁLISE DE USO E OCUPAÇÃO NA MICRORREGIÃO DE VILHENA-RO", p. 1124-1131 . In: Anais do XIV Encontro Nacional de Estudantes de Engenharia Ambiental [= Blucher Engineering Proceedings v.3 n.2]. São Paulo: Blucher, 2016.
ISSN 2357-7592, DOI 10.5151/engpro-eneeamb2016-ma-003-5087

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações