Artigo Completo - Open Access.

Idioma principal

METODOLOGIA DE CONFIGURAÇÃO DE AMBIENTE CONSTRUÍDO: UM CAMINHO PARA INTEGRAR A ERGONOMIA E A ARQUITETURA

VILLAROUCO, Vilma; COSTA, Ana Paula Lima;

Artigo Completo:

Partindo da investigação dos procedimentos adotados pela arquitetura no projetos de edificações, e dos propósitos das aplicações da ergonomia, verificou-se, como ponto comum, as intenções de identificar as atividades realizadas pelos usuários do ambiente, a fim de proporcionar condições adequadas para a sua realização. Buscou-se, neste estudo, estabelecer uma interseção entre a metodologia de projeto arquitetônico e os procedimentos investigativos adotados pela ergonomia, visando a firmar a contribuição da ergonomia, de forma integrada, na elaboração de projetos de ambientes construídos.

Artigo Completo:

Palavras-chave: ,

Palavras-chave: ,

DOI: 10.5151/engpro-conaerg2016-7475

Referências bibliográficas
  • [1] ALMEIDA, Maristela Moraes de. Architectural conception and Evaluation of the Environment: Relations between human factors, and environmental factors. In: Anais do 17th World Congress on Ergonomics-IEA 2009, Beijing, China. 2009
  • [2] ABNT - ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 13532- Elaboração de projetos de edificações Arquitetura. 1995
  • [3] ATTAIANESE, Erminia; DUCA, Gabriella. Human factors and ergonomic principles in building design for life and work activities: an applied methodology. Theoretical Issues in Ergonomics Science, Vol. 13 Issue 2, p187-202. 2012
  • [4] CAPLANA, Stanley. Using focus group methodology for ergonomic design. Ergonomics. Volume 33, Issue 5, - pages 527-533. 1990
  • [5] DANIELLOU, François. A ergonomia na condução de projetos de concepção de sistemas de trabalho. In: FALZON, Pierre. Ergonomia. Editora Blucher. 2007
  • [6] DUCA, Gabriela. From energy-efficient buildings to energy-efficient users and back: ergonomic issues in intelligent buildings design. Intelligent Buildings International. Pages 215-223. Volume 6, Issue 4, 2014
  • [7] GRAEFF, Edgar Albuquerque. Edifício. Cadernos Brasileiros de Arquitetura, Volume Projeto Editores Associados Ltda. São Paulo.1986
  • [8] GIUSEPPE, Di Bucchianico. Education in ergonomics between independence and interdisciplinary character of didactics at one of the Italian Faculties of Architecture. In: Anais do 17th World Congress on Ergonomics, Beijing, China, 2009
  • [9] IAB- Instituto de Arquitetos do Brasil. Anotações sobre o PROJETO em Arquitetura. Contribuição para a sua regulação profissional. Rio de Janeiro. 2013
  • [10] IEA. The International Ergonomics Association. Disponível em: http://www.iea.cc/ whats/index.html. Acessado em 13/10/2015
  • [11] IIDA, Itiro. Ergonomia: projeto e produção. 2ª edição – São Paulo: Blucher, 2005
  • [12] KOWALTOWSKI, Doris Catharine Cornelie Knatz; CELANI, Maria Gabriela Caffarena; MOREIRA,Daniel de Carvalho; PINA, Silvia Aparecida Mikami G.; RUSCHEl, Regina Coeli; SILVA, Vanessa Gomes da; LABAKI, Lucila Chebel; PETRECHE, João Roberto D.. Reflexão sobre metodologias de projeto arquitetônico. Ambiente Construído, v. 6, n. 2, p. 07-19, abr./jun. Porto Alegre. 2006.
  • [13] LAWSON, Bryan. Como arquitetos e designers pensam. Oficina de textos. São Paulo, 2011
  • [14] MARTIN, Christian. O ergonomista nos projetos arquitetônicos. In: FALZON, Pierre. Ergonomia. Editora Blucher. 2007
  • [15] MONTEIRO, Humberto Malard; LIMA, Francisco de Paula Antunes. Forgotten users: the inadequacy of the workplace to the users activity in the buildings of Federal University of Minas Gerais, Brazil. In: Anais do 17th World Congress on Ergonomics, Beijing, China, 2009
  • [16] OLIVEIRA, Beatriz Santos de. A Construção de um Método para a Arquitetura: Procedimentos e Princípios em Vitrúvio, Alberti e Durand. São Paulo 2002. Disponível em http://www.midiadesign.com.br/metodo/ metodo.pdf
  • [17] PANERO, Juluis; ZELNIK, Martin. Dimensionamento humano para espaços interiores. 1ª Edição, 4ª impressão. Editorial Gustavo Gili, SL, Barcelona. 2008.
  • [18] PATTERSON, Cláudia Bartolo. Real space: the common dimension of Ergonomics and Architecture. In: Anais do 17th World Congress on Ergonomics-IEA 2009, Beijing, China. 2009
  • [19] PEDRINI, Aldomar; SZOKOLAY, Steven. Recomendações para o desenvolvimento de uma ferramenta de suporte às primeiras decisões projetuais visando ao desempenho energético de edificações de escritório em clima quente. Ambiente Construído, Porto Alegre, v. 5, n. 1, p.39-54, jan./mar. 2005.
  • [20] SANTOS, N. dos; FIALHO, Francisco. Manual de Análise Ergonômica do Trabalho. 2. ed. Curitiba, Gênesis Editora, 1997.
  • [21] SILVA, Elvan. Uma introdução ao projeto arquitetônico. Ed. da Universidade, UFRGS. Porto Alegre, 1983
  • [22] VILLAROUCO, Vilma. Tratando de ambientes ergonomicamente adequados: seriam ergoambientes? In.:Um novo olhar para o projeto: a ergonomia no ambiente construído. Organização Cláudia Mont’Alvão e Vilma Villarouco. – Teresópolis, RJ: 2AB. 2011
  • [23] ______. An ergonomic look at the work environment. In: Anais do 17th World Congress on Ergonomics, Beijing, China, 2009
  • [24] VITRUVIUS POLLIO. Tratado de Arquitetura / Vitrúvio. Tradução M. Justino Maciel. Martins Editora Livraria Ltda. São Paulo. 2007
Como citar:

VILLAROUCO, Vilma; COSTA, Ana Paula Lima; "METODOLOGIA DE CONFIGURAÇÃO DE AMBIENTE CONSTRUÍDO: UM CAMINHO PARA INTEGRAR A ERGONOMIA E A ARQUITETURA", p. 195-203 . In: 1º Congresso Internacional de Ergonomia Aplicada [=Blucher Engineering Proceedings, v.3 n.3]. São Paulo: Blucher, 2016.
ISSN 2357-7592, DOI 10.5151/engpro-conaerg2016-7475

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações