Dezembro 2020 vol. 8 num. 5 - Colóquio Internacional de Design 2020

Artigo completo - Open Access.

Idioma principal | Segundo idioma

Materiais, saberes artesanais e práticas pluriversaisna construção de uma MAterioteca virtual

Materials, artisans’ knowledge and pluriversal practices in the construction of avirtual “MAterioteca”

Farias, Luiza Gomes Duarte de; Dantas, Letícia Barros; Noronha, Raquel Gomes;

Artigo completo:

O artigo em questão propõe uma reflexão sobre as práticas com os materiais no campo do design apartir da construção de uma MAterioteca virtual – um acervo de materiais (DANTAS E BERTOLDI,2016) para o reconhecimento de saberes artesanais do Maranhão. Ao tecer um diálogo com oantropólogo britânico Tim Ingold (2011), acionamos os conceitos de conhecimento classificatório econhecimento narrativo vinculados à noção de saber tácito (SPINUZZI, 2005) a fim de especular sobrea decolonialidade de saberes (TUNSTALL, 2013) e práticas orientadas para o pluriverso (ESCOBAR,2016), tópicos estes que servem ao exercício de análise sobre a metodologia empregada e osresultados materializados no acervo. Por fim, elabora possibilidades pluriversais nas relações travadascom os materiais em via de exercitar a valorização de uma multiplicidade de conhecimentos eontologias

Artigo completo:

The article in question proposes a reflection on the practices about materials in the field ofdesign, from the construction of a virtual “MAterioteca”, a collection of materials (DANTAS ANDBERTOLDI, 2016) for the recognition of artisans’ knowledge from Maranhão. Engaging in a dialoguewith the British anthropologist Tim Ingold (2011), it triggers the concepts of classificatory knowledgeand narrative knowledge linked to the notion of tacit knowledge (SPINUZZI, 2005) in order tospeculate about the decoloniality of knowledge (TUNSTALL, 2013) and practices oriented to thepluriverse (ESCOBAR, 2016), topics that serve for the analysis exercise on the methodology used andthe results materialized in the collection. Finally, it elaborates pluriversal possibilities in the relationswith the materials in order to exercise the valorization of a multiplicity of knowledge and ontologies.

Palavras-chave: MAterioteca; artesanato; conhecimento narrativo; saber tácito; pluriverso,

Palavras-chave: MAterioteca; handicrafts; narrative knowledge; tacit knowledge; pluriverse,

DOI: 10.5151/cid2020-81

Referências bibliográficas
  • [1] ANASTASSAKIS, Zoy. Triunfos e Impasses: Lina Bo Bardi, Aloisio Magalhães e o design no Brasil. Rio de Janeiro: Lamparina Editora, 2014.
  • [2] ASHBY, M. F. & JOHNSON, K. Materials and design: the art and science of material selection in product. Oxford: Elsevier, 200
  • [3] CUNHA, Manuela Carneiro da. Relações e dissensões entre saberes tradicionais e saber científico. In: Cultura com aspas e outros ensaios. São Paulo: Cosac Naify, 2009. p. 301-310.
  • [4] DANTAS, Denise; BERTOLDI, Cristiane Aun. Sistema de catalogação e indexação de amostras de materiais orientado a projetos de design para uso em materiotecas. São Paulo: DAT Journal Design Art and Technology. Transdisciplinarity: Projects, Materials, and Processes, set. 2016, v.1, n.2, p.62-75. DOI: https://doi.org/10.29147/dat.v1i2. Disponível em: https://datjournal.anhembi.br/dat/article/view/29/22. Acesso em: set. 2020.
  • [5] DANTAS, D.; CAMPOS, A. P. Análise Comparativa de Materiotecas: recomendações para a construção de modelos acadêmicos. In: 8o. Congresso Brasileiro de Pesquisa e Desenvolvimento em Design / P&D Design 2008, 2008, São Paulo. Anais do Oitavo Congresso Brasileiro de Pesquisa e Desenvolvimento em Design / P&D 2008. São Paulo: Aend Brasil, 2008. p. 56-72.
  • [6] ESCOBAR, Arturo. Autonomia y diseño: la realización de lo comunal. Popayán: Editorial Universidad del Cauca, 2016
  • [7] INGOLD, Tim. Being Alive: essays on movement, knowledge, and description. London: Routledge, 2011.
  • [8] INGOLD, Tim. Trazendo as coisas de volta à vida: emaranhados criativos num mundo de matérias. Porto Alegre: Horizontes Antropológicos, jan. 2012, ano 18, n. 37, p. 25-44. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-71832012000100002. Acesso em: set. 2020.
  • [9] INGOLD, Tim. The life of lines. Abingdon: Routledge, 2015.
  • [10] INGOLD, Tim. Anthropology and/as Education. Abingdon: Routledge, 2018
  • [11] KARANA, Elvin. How do materials obtain their meanings? Turkey: Metu Jfa, 2010. p. 271-285.
  • [12] KUHN, T. S. Structure of Scientific Theories. Urbana: University of Illinois Press, 1974.
  • [13] LEITE, João de Souza. Aloisio Magalhães: Aventura paradoxal no design brasileiro; ou o Design como instrumento civilizador? Tese (Doutorado em Ciências Sociais) – Rio de Janeiro: Faculdade de Ciências Sociais, Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, Universidade do Estado do Rio de Janeiro, 2006.
  • [14] LIMA, Julyana; NORONHA, Raquel; SANTOS, Denilson. Materiais que geram novos materiais: uma percepção simbólica sobre os compósitos. In: Anais do 13º Congresso Pesquisa e Desenvolvimento em Design (2018), p. 36-48. São Paulo: Blucher, 2019.
  • [15] MANZINI, Ezio. Design, when everybody design: an introduction to Design for Social innovation. Cambridge/London: The MIT Press, 20
  • [16] MATURANA, Humberto; VARELA, Francisco. The tree of knowledge: the biological roots of human understanding. Berkeley: Shambhala, 1987.
  • [17] MAUSS, Marcel. Sociologia e Antropologia. São Paulo: Cosac Naif, 2003.
  • [18] NORONHA, Raquel Gomes. Dos quintais às prateleiras: as imagens quilombolas e a produção de louça em Itamatatiua - Alcântara - Maranhão. São Luís: EDUFMA, 2020.
  • [19] NORONHA, Raquel; SOLIS, Gloriana. Aprendiendo con los materiales: encuentro de diseñadoras y artesanos por medio de correspondencias. Chile: RChD: Creación y Pensamiento, nov. 2019, v. 4, n.7, p. 1-15. DOI: http://dx.doi.org/10.5354/0719-837X.2053828. Disponível em: https://revistas.uchile.cl/index.php/RChDCP/article/view/53828. Acesso em: set. 2020.
  • [20] NORONHA, Raquel et al. Cirandas de saberes: percursos cartográficos e prática artesanal em Alcântara e Baixada Maranhense. São Luís: EDUFMA, 2017.
  • [21] NORONHA, Raquel Gomes. Era uma vez no quilombo: narrativas sobre turismo, autenticidade e tradição entre artesãs de Alcântara (MA). Rio de Janeiro: Textos Escolhidos de Cultura e Arte Populares (TECAP), mar. 2015, v.12, n.1, p. 43-60. DOI: http://dx.doi.org/ 10.12957/tecap.2015.16351. Disponível em: https://www.epublicacoes.uerj.br/index.php/tecap/article/view/16351. Acesso em: set. 2020.
  • [22] NORONHA, Raquel Gomes. (Org.). Identidade é valor: as cadeias produtivas do artesanato de Alcântara. São Luís: EDUFMA, 2011.
  • [23] SARAIVA, Gisele Correa dos Reis; SANTOS, Tayomara Santos dos; NORONHA, Raquel Gomes. Juçara da minha cor: reconhecendo e valorizando o território. São Luís: EDUFMA, 2020.
  • [24] SILVA, Alice Campos et al. Correspondências entre saberes: construindo uma MAterioteca virtual com artesãos maranhenses. In: Anais do III Simpósio Internacional Interdisciplinar em Cultura e Sociedade - PGCULT. São Luís: EDUFMA, 2020. p. 423-442.
  • [25] SILVA, Campos Alice. Desenvolvimento de uma materioteca virtual: construção do reconhecimento dos saberes das comunidades artesãs maranhenses. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Design) – São Luís: Universidade Federal do Maranhão, 2019.
  • [26] SPINUZZI, Clay. The methodology of participatory design. Washington: Technical Communication, mai. 2005, v. 52, n.2, p. 163-174. Disponível em: https://repositories.lib.utexas.edu/bitstream/handle/2152/28277/SpinuzziTheMethodologyOfParticipat oryDesign.pdf?sequence=2. Acesso em: set. 2020.
  • [27] TUNSTALL, Elizabeth Dori. Decolonizing Design Innovation: design anthropology and indigenous knowledge. In: GUNN, Wendy; OTTO, Tom; SMITH, R. C. Design Anthropology: Theory and Practice. London: Bloomsbury, 2013. p. 232-250.
  • [28] VELOSO, Gabrielli Ciasca; TRIERWEILLER, Andréa Cristina; ESTEVES, Paulo César Leite. As Tics como suporte ao patrimônio público cultural: Projeto de digitalização do acervo do arquivo histórico do município de Araranguá-SC. São Paulo: RDBCI: Revista Digital Biblioteconomia e Ciência da Informação, set. 2017, v.16, n. 1, p. 25-38. DOI: https://doi.org/10.20396/rdbci.v16i1.8648773. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/rdbci/article/view/8648773/pdf. Acesso em set. 2020.
Como citar:

Farias, Luiza Gomes Duarte de; Dantas, Letícia Barros; Noronha, Raquel Gomes; "Materiais, saberes artesanais e práticas pluriversaisna construção de uma MAterioteca virtual", p. 1074-1087 . In: Anais do Colóquio Internacional de Design 2020. São Paulo: Blucher, 2020.
ISSN 2318-6968, DOI 10.5151/cid2020-81

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações