Artigo premiado - Monitoramento Ambiental - Open Access.

Idioma principal

MAPEAMENTO DO POTENCIAL EROSIVO NA BACIA DO RIO SÃO BARTOLOMEU

ROCHA, Arthur Cavalcante; SOUZA, Newton Moreira de;

Artigo premiado - Monitoramento Ambiental:

No Distrito Federal, a ocorrência de algumas erosões já pôde ser observada no princípio da ocupação por ocasião da implantação da Nova Capital. Desde então, estudos foram feitos e mais feições erosivas foram identificadas, estudadas e cadastradas. O mapeamento de processos erosivos em uma bacia hidrográfica é de primordial importância para o planejamento e controle do processo de ocupação territorial de forma que esse ocorra em harmonia com o meio ambiente. Neste sentido, a pesquisa teve como objetivo atualizar o último trabalho de identificação e mapeamento de processos erosivos realizado no mestrado da Enga. Salomé G. Chacón Arcaya realizado em 2007 que identificou, cadastrou e caracterizou 1582 feições erosivas. Com isso se objetivou obter um banco de dados geográfico referente aos processos erosivos para se avaliar a relação destas áreas degradadas por processos erosivos com os componentes do meio físico, biótico e antrópico restringindo-se à margem direita da Bacia do Rio São Bartolomeu no âmbito do Distrito Federal.

Artigo premiado - Monitoramento Ambiental:

Palavras-chave: Spring, Feição erosiva, Cadastro de erosões,

Palavras-chave: ,

DOI: 10.5151/engpro-eneeamb2016-awrd-004-5086

Referências bibliográficas
  • [1] BELCHER, D. J. & Associates. (1956). Relatório técnico sobre a nova capital da República. Rio de Janeiro: Dasp.
  • [2] CADAMURO, A. L. M. (2002). Proposta, avaliação e aplicabilidade de técnicas de recarga artificial em aqüíferos fraturados para condomínios residenciais do Distrito Federal. Dissertação de Mestrado em Geologia, Instituto de Geociências. Universidade de Brasília. Brasília, DF.
  • [3] CODEPLAN (1991b). Base Cartográfica em formato digital, com informações sobre o sistema viário, hidrografia, hipsometria e áreas urbanas, na escala 1:25.000, do SICAD / PDOT. Brasília, DF.
  • [4] FREITAS-SILVA, F.H. & CAMPOS, J.E.G. (1998b). Mapa geológico do DF em formato digital, na escala 1:100.000, Instituto de Geociências da Universidade de Brasília. IEMA/SEMATEC/UnB. Brasília, DF.
  • [5] BATISTA, P. H. L. (2014) Cartografia de Risco Geotécnico e Geoambiental: Análise de Inundações e Alagamentos na Bacia do Rio São Bartolomeu em Diferentes Escalas. Dissertação (Mestrado em Geotecnia), Departamento de Engenharia Civil e Ambiental, Faculdade de Tecnologia. Universidade de Brasília. Brasília – DF
  • [6] ARCAYA, S. G. C. (2007). Avaliação dos fatores condicionantes dos processos erosivos no Distrito Federal, Dissertação de Mestrado. Departamento de Engenharia Civil e Ambiental. Faculdade de Tecnologia. Universidade de Brasília. Brasília, DF.
  • [7] SEMA. 1988. Caracterização e diretrizes de uso da Área de Proteção Ambiental do rio São Bartolomeu. Volume I. Brasília/DF.
Como citar:

ROCHA, Arthur Cavalcante; SOUZA, Newton Moreira de; "MAPEAMENTO DO POTENCIAL EROSIVO NA BACIA DO RIO SÃO BARTOLOMEU", p. 39-49 . In: Anais do XIV Encontro Nacional de Estudantes de Engenharia Ambiental [= Blucher Engineering Proceedings v.3 n.2]. São Paulo: Blucher, 2016.
ISSN 2357-7592, DOI 10.5151/engpro-eneeamb2016-awrd-004-5086

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações