Artigo Completo - Open Access.

Idioma principal

MANDA QUEM PODE, OBEDECE QUEM TEM JUÍZO: REFLEXÕES EM BUSCA DO EQUILÍBRIO ENTRE AUTORIDADE E AUTORIA EM SERVIÇOS DE DESIGN

Lesnovski, Melissa Merino; Costa, Filipe Campelo Xavier da;

Artigo Completo:

As relações entre clientes e consultorias de design são, frequentemente, marcadas por conflitos originários de um sistema de pressões e cessões entre todos os atores do processo. Ao se procurar compreender a dinâmica entre essas organizações, representada pelas pessoas que as compõem, é possível visualizar dois eixos relacionais: autoridade-subserviência e mecenato-autoria. Ambos os eixos, ao terem seus elementos de poder combinados, geram um binário de autoridade e autoria, polos de poder que regulariam a dinâmica entre cliente e consultoria de design. Este artigo se lança à exploração de referenciais teóricos para uma análise do tema através das lentes do design estratégico, em busca de modelos que colaborem para a reflexão e melhoria dessas relações. O percurso realizado apontou para a emergência de três eixos de discussão: o designer como facilitador, provocador e integrador; a relação cliente-fornecedor como coletivos que projetam e o design discourse e as redes de projeto. Os achados apontam a existência de elementos consistentes para tanto uma discussão sobre as relações de trabalho nos vários domínios do design quanto o fomento a uma visão mais consciente das limitações e cristalização de posições dos papéis corporativos dos atores envolvidos no processo.

Artigo Completo:

Palavras-chave: gestão do design; design estratégico; conflito de interesses; consultoria de design; serviços de design,

Palavras-chave: ,

DOI: 10.5151/despro-ped2016-0153

Referências bibliográficas
  • [1] BAGDONAITE, Zivile. The Design-Business Conversation. Dissertação (mestrado), Copenhagen Business School, 2015.
  • [2] BEST, Kathryn. Fundamentos de Gestão do Design. Porto Alegre: Bookman, 201
  • [3] BRUCE, Margaret; DOCHERTY, Catherine. It's all in a relationship: a comparative study of client-design consultant relationships. Design Studies, v. 14, n. 4, p. 402-422, 199
  • [4] BRUCE, Margaret; MORRIS, Barny. Managing external design professionals in the product development process. Technovation, v. 14, n. 9, p. 585-599, 199
  • [5] CASTELLI, Giulio; ANTONELLI, Paola; PICCHI, Francesca (Ed.). La fabbrica del design: conversazioni con i protagonisti del design italiano. Skira, 2007.
  • [6] JEVNAKER, Birgit H.; BRUCE, Margaret. Design alliances: The hidden assets in management of strategic innovation. The Design Journal, v. 1, n. 1, p. 24-40, 1998.
  • [7] LEAKE, Tim. The Naked Truth. 2014. Disponível na internet por http em: . Acesso em 23 abr. 2016
  • [8] LEONARD-BARTON, Dorothy. Wellsprings of knowledge: Building and sustaining the sources of innovation. University of Illinois at Urbana-Champaign's Academy for Entrepreneurial Leadership Historical Research Reference in Entrepreneurship, 1995.
  • [9] LOCKWOOD, Thomas. Transition: becoming a design-minded organization. In: Design Thinking: Integrating Innovation, Customer Experience, and Brand Value. New York: Allworth Press, p.81-95, 2010.
  • [10] MANZINI, Ezio. Introduction. In: Design for services. Gower Publishing, p.1-6; 201-209, 2011.
  • [11] MAURI, Francesco. Progettare progettando strategia. Milano: Masson S.p.A, 1996.
  • [12] MERONI, Anna; SANGIORGI, Daniela. Design for services. Gower Publishing, p.1-6; 201-209, 2011.
  • [13] MEYER, Guilherme. Conflito, negociação e transformação: o designer e o processo de desenvolvimento de produto. 2010. Tese (doutorado) – PUC-Rio.
  • [14] MOON, Youngme; DESSAIN, Vincent; SJÖMAN, Anders. Alessi: Evolution of an Italian Design Factory (A). Harvard Business School Case Study, 2004.
  • [15] MOZOTA, Brigite Borja de et. al. Gestão do Design. Porto Alegre: Bookman, 2011.
  • [16] SILVA, Lina Maria Moreira Garay da; TARSITANO, Paulo Rogério. A relação agência-cliente: a ética na ótica do atendimento de publicidade. Anais do XXIX Conand a research agenda. Journal of Product Innovation Management, v.25, n.5, p 436-456, 2008.
  • [17] VERGANTI, Roberto. Design-driven innovation: mudar as regras da competição: a inovação radical do significado de produtos. São Paulo: Canal Certo, 2012.
  • [18] WATT, Cameron; RUSSELL, Ken; HASLUM, Mary. Stronger relationships make stronger design solutions. Design Management Journal (Former Series), v. 11, n. 2, p. 46-52, 2000.
Como citar:

Lesnovski, Melissa Merino; Costa, Filipe Campelo Xavier da; "MANDA QUEM PODE, OBEDECE QUEM TEM JUÍZO: REFLEXÕES EM BUSCA DO EQUILÍBRIO ENTRE AUTORIDADE E AUTORIA EM SERVIÇOS DE DESIGN", p. 1799-1810 . In: Anais do 12º Congresso Brasileiro de Pesquisa e Desenvolvimento em Design [= Blucher Design Proceedings, v. 9, n. 2]. São Paulo: Blucher, 2016.
ISSN 2318-6968, DOI 10.5151/despro-ped2016-0153

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações