Pôster - Open Access.

Idioma principal | Segundo idioma

INTENÇÃO MATERNA DE AMAMENTAR, DURAÇÃO DO ALEITAMENTO MATERNO EXCLUSIVO E MOTIVOS PARA O DESMAME PRECOCE

INTENÇÃO MATERNA DE AMAMENTAR, DURAÇÃO DO ALEITAMENTO MATERNO EXCLUSIVO E MOTIVOS PARA O DESMAME PRECOCE

Oliveira Barbosa, Jessyrayanne Mayalle De; Leal, Luciana Pedrosa; Pontes, Cleide Maria ;

Pôster:

Justificativa

Amamentação promove asaúde da criança. É um fenômeno complexo, envolvido por contextosinfluenciadores. A intenção materna de amamentar é um fator preditor da duraçãodo aleitamento materno.

Objetivo(s)

Investigar a intençãomaterna de amamentar, duração do aleitamento materno exclusivo (AME) e motivosdo desmame precoce.

Método(s)

Estudo de coorte deexposição prospectiva e aberta de grupo único realizado com 31 puérperas doAlojamento Conjunto de um Hospital Amigo da Criança de Pernambuco. A coleta dedados, entre setembro de 2019 e janeiro de 2020, ocorreu em duas etapas: aprimeira, por entrevista presencial; a segunda, por telefone, no 15º, 30º, 60º,90º, 120º, 150º e 180º dias de vida do bebê ou até o desmame precoce. Os dadosforam submetidos à análise descritiva pelo Statistical Package for SocialSciences (SPSS®). Pesquisa aprovada pelo Comitê de Ética em Pesquisa daUniversidade Federal de Pernambuco, CAAE: 47531815.5.0000.5208, Parecer:1.192.572.

Resultado(s)

Das mulheres entrevistadas,100% referiram o desejo de amamentar seu filho atual, 87% pretendiam amamentarexclusivamente durante seis meses, 26% e 33% desejavam amamentar até dois anose por livre demanda, respectivamente. A média da duração do AME foi de 70 diase 17% das mulheres conseguiram amamentar apenas com leite materno até os seismeses de vida da criança. O desmame precoce foi ocasionado por introdução delíquido/alimento (68%); retorno ao trabalho (6%); rejeição do peito (3%);fissura mamária (3%); baixa produção de leite materno (3%).

Conclusão(ões)

Apesar da intenção deamamentar, existem barreiras estruturais e sociais no sucesso do AME. 

Pôster:

Justificativa

Amamentação promove asaúde da criança. É um fenômeno complexo, envolvido por contextosinfluenciadores. A intenção materna de amamentar é um fator preditor da duraçãodo aleitamento materno.

Objetivo(s)

Investigar a intençãomaterna de amamentar, duração do aleitamento materno exclusivo (AME) e motivosdo desmame precoce.

Método(s)

Estudo de coorte deexposição prospectiva e aberta de grupo único realizado com 31 puérperas doAlojamento Conjunto de um Hospital Amigo da Criança de Pernambuco. A coleta dedados, entre setembro de 2019 e janeiro de 2020, ocorreu em duas etapas: aprimeira, por entrevista presencial; a segunda, por telefone, no 15º, 30º, 60º,90º, 120º, 150º e 180º dias de vida do bebê ou até o desmame precoce. Os dadosforam submetidos à análise descritiva pelo Statistical Package for SocialSciences (SPSS®). Pesquisa aprovada pelo Comitê de Ética em Pesquisa daUniversidade Federal de Pernambuco, CAAE: 47531815.5.0000.5208, Parecer:1.192.572.

Resultado(s)

Das mulheres entrevistadas,100% referiram o desejo de amamentar seu filho atual, 87% pretendiam amamentarexclusivamente durante seis meses, 26% e 33% desejavam amamentar até dois anose por livre demanda, respectivamente. A média da duração do AME foi de 70 diase 17% das mulheres conseguiram amamentar apenas com leite materno até os seismeses de vida da criança. O desmame precoce foi ocasionado por introdução delíquido/alimento (68%); retorno ao trabalho (6%); rejeição do peito (3%);fissura mamária (3%); baixa produção de leite materno (3%).

Conclusão(ões)

Apesar da intenção deamamentar, existem barreiras estruturais e sociais no sucesso do AME. 

Palavras-chave: -,

Palavras-chave: -,

DOI: 10.5151/sabara2020-11

Referências bibliográficas
  • [1] -
Como citar:

Oliveira Barbosa, Jessyrayanne Mayalle De; Leal, Luciana Pedrosa; Pontes, Cleide Maria ; "INTENÇÃO MATERNA DE AMAMENTAR, DURAÇÃO DO ALEITAMENTO MATERNO EXCLUSIVO E MOTIVOS PARA O DESMAME PRECOCE", p. 11 . In: Anais do 5º Congresso Internacional Sabará de Saúde Infantil. São Paulo: Blucher, 2020.
ISSN 2357-7282, DOI 10.5151/sabara2020-11

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações