Artigo completo - Open Access.

Idioma principal | Segundo idioma

Infraestruturando identidades visuais livres em coletivos autogestionários

Infrastructuring free visual identities in self-managed collectives

Pelanda, Mateus F. L.; Amstel, Frederick M.C. van;

Artigo completo:

Identidade Visuais (IDVs) são fundamentais para a representação de organizações contemporâneas, porém, em Coletivos Autogestionários (CAs), os métodos mais conhecidos para o projeto desse tipo de sistema não são adequados, pois não fortalecem a autonomia projetual necessária. Esta pesquisa tem como objetivo repensar o projeto de IDVs, a partir da descrição e teorização de projetos de IDVs livremente desenvolvidas por CAs em uma plataforma digital. Para descrever esse processo de apropriação, foi conduzida uma etnografia infraestrutural combinada com netnografia na plataforma digital, que destacou três casos de projeto de IDVs livres. Os resultados desta pesquisa enfatizam o papel do metadesign e da ação infraestruturante (infrastructuring) para lidar com os desafios da participação, identificação e continuidade implicados em projetos de IDVs livres.

Artigo completo:

Visual identities are foundational for the representation of contemporary organizations, yet in self-managed collectives, the popular methods and systems for the design of visual identities are not suitable, since they do not provide the necessary design autonomy. This research aims to rethink the design visual identities from the description and theorization of such projects freely developed by self-managed collectives in a digital platform. In order to describe this process of appropriation, an infrastructural ethnography combined with netnography was conducted on the digital platform, which highlighted three cases of liberating visual identities. The results of this research enhance the role of metadesign and infrastructuring in addressing the challenges of participation, identification and continuity implied in liberating visual identities.

Palavras-chave: ação infraestruturante, metadesign, identidade visual, coletivos autogeridos, design livre,

Palavras-chave: infrastructuring, metadesign, visual identity, self-managed collectives, design livre,

DOI: 10.5151/9cidi-congic-6.0074

Referências bibliográficas
  • [1] Bowker, G. C., & Star, S. L. (1999). Sorting things out: Classification and its consequences. Cambridge, MA: MIT Press.
  • [2] Bødker, S., Dindler, D., & Iversen, O. S. (2017). Tying Knots: Participatory Infrastructuring at Work. Computer Supported Cooperative Work (CSCW), vol. 26, no. 1- (Special issue on ‘Infrastructuring and Collaborative Design’).
  • [3] Carvalho, M. C. (2012). Autogestão, economia solidária e cooperativismo: uma análise da experiência política da Associação Nacional de Trabalhadores e Empresas de Autogestão. 119 f. Dissertação (Mestrado em Serviço Social) – Universidade Federal de Juiz de Fora, Juiz de Fora.
  • [4] Clement A., Mcphail B., Smith K. L., & Ferenbok J. (2012). Probing, Mocking and Prototyping: Participatory approaches to identity infrastructuring. Proc. PDC 2012, 21-30.
  • [5] Cuche, D. (2002). A noção de cultura nas ciências sociais. São Paulo: Edusc.
  • [6] Gonzatto, R. F. et al. (2013). The Ideology of the future in design fictions. Digital Creativity 24, 1, 36–45.
  • [7] Hillgren, P.; Seravalli, A., & Emilson A. (2011). Prototyping and infrastructuring in design for social innovation. CoDesign, 7:3-4: pp. 169-183.
  • [8] Karasti, H., & Syrjkänen A. L. (2004). Artful Infrastructuring in two cases of community PD. Participatory Design Conference (PDC'04), Toronto, Canada, 2004, pp. 20-30.
  • [9] Karasti, H. (2014). Infrastructuring in Participatory Design. Proceedings of the 13th Participatory Design Conference: Research Papers - Volume 1 (PDC '14), Vol. 1, New York: ACM Press, 141- 150.
  • [10] Kozinets, R. V. (2014). Netnografia: realizando pesquisa etnográfica online. Porto Alegre: Penso, 2014
  • [11] Le Dantec, C., & Disalvo C. (2013). Infrastructuring and the formation of publics in participatory design. Social Studies of Science, vol. 42, no. 2, pp. 241-264.
  • [12] Péon, M. L. (2001). Sistemas de identidade visual. Rio de Janeiro: 2AB.
  • [13] Star, S. L., & Ruhleder K. (1996). Steps toward an Ecology of Infrastructure: Borderlands of Design and Access for Large Information Spaces. Information Systems Research, 7(1): 111-134.
  • [14] Star, S. L. (1999). The ethnography of infrastructure. American Behavioral Scientist, vol. 43, no. 3, pp. 377-391.
  • [15] Van Amstel, F. M. C., & Gonzatto, R. F. (2016). Design Livre: designing locally, cannibalizing globally. XRDS: Crossroads, The ACM Magazine for Students, v. 22, n. 4, p. 46-50.
  • [16] Vassão, C. A. (2008). Arquitetura Livre: Complexidade, Metadesign e Ciência Nômade. 2008. Tese (Doutorado em Design e Arquitetura) – Faculdade de Arquitetura e Urbanismo, Universidade de São Paulo, São Paulo.
  • [17] Vassão, C. (2017). Design and Politics: Metadesign for social change. Strategic Design Research Journal, 10(2): 144-155 May-August 20 Unisinos – doi: 10.4013/sdrj.20102.07.
  • [18] Wheeler, A. (2008). Design de identidade da marca: um guia completo para a criação, construção e manutenção de marcas fortes. Porto Alegre: Bookman.
Como citar:

Pelanda, Mateus F. L.; Amstel, Frederick M.C. van; "Infraestruturando identidades visuais livres em coletivos autogestionários", p. 2711-2717 . In: Anais do 9º CIDI | Congresso Internacional de Design da Informação, edição 2019 e do 9º CONGIC | Congresso Nacional de Iniciação Científica em Design da Informação. São Paulo: Blucher, 2019.
ISSN 2318-6968, DOI 10.5151/9cidi-congic-6.0074

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações