Artigo - Open Access.

Idioma principal | Segundo idioma

“Indústria 4.0”: organização do trabalho e indústria da moda

“Industry 4.0”: organization of work and fashion industry

CONTINO, Joana; CIPINIUK, Alberto;

Artigo:

Neste trabalho, buscando compreender as práticas do Design no contexto político-econômico e social, realizamos um debate sobre a organização do trabalho na “Indústria 4.0”. Através da contraposição de dois estudos sobre a “Indústria 4.0” – um alemão, lançador do conceito, e um brasileiro voltado ao setor têxtil e de confecção – a um referencial teórico proveniente da crítica da economia política marxiana, consideramos que a implementação da “Indústria 4.0” não representa ruptura com os métodos de controle do trabalho da reestruturação produtiva. Demonstramos também que o cenário atual da indústria da moda está bem distante do previsto pelo estudo setorial brasileiro. Finalmente, argumentamos que a plena implementação da automação correspondente à “Indústria 4.0” em todos os setores industriais implicaria em aprofundamento das contradições e crises do capitalismo, com efeitos nocivos para o funcionamento do próprio sistema. Assim, concluímos que, na indústria da moda, a “Indústria 4.0” não deve ser plenamente implementada.

Artigo:

In this work, seeking to understand Design pratices in the political-economic and social context, we present a discussion e about the organization of work in "Industry 4.0". By contrasting two studies about "Industry 4.0" - a German, launcher of the concept, and a Brazilian, focused on the textile and clothing sector - to a theoretical reference based on the Marxian critique of political economy, we consider that the implementation of "Industry 4.0" does not represent a break with the labor control methods of productive restructuring. We also demonstrate that the current scenario of fashion industry is far from the predicted by the Brazilian study. Finally, we argue that the full implementation of the automation of "Industry 4.0" in all industrial sectors would imply in deepening the contradictions and crises of capitalism, with detrimental effects on the functioning of the system itself. Thus, we conclude that, in fashion industry, “Industry 4.0” will probably not be fully implemented.

Palavras-chave: Design de Moda; “Indústria 4.0”; organização do trabalho,

Palavras-chave: Fashion Design; “Industry 4.0”; Organization of work,

DOI: 10.5151/ped2018-6.1_ACO_04

Referências bibliográficas
  • [1] -
Como citar:

CONTINO, Joana; CIPINIUK, Alberto; "“Indústria 4.0”: organização do trabalho e indústria da moda", p. 4825-4838 . In: Anais do 13º Congresso Pesquisa e Desenvolvimento em Design (2018). São Paulo: Blucher, 2019.
ISSN 2318-6968, DOI 10.5151/ped2018-6.1_ACO_04

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações