Artigo - Open Access.

Idioma principal | Segundo idioma

Impacto da concentração de mercado nos salários: Evidências para a Indústria da Transformação (2002-2017)

The Impact Of Market Concentration on Wages: Evidence from the Manufacturing Industry (2002-2017)

Silva, Thamyres Firmino Gomes da; Rocha, Roberta de Moraes; Moura, Klebson Humberto de Lucena;

Artigo:

Teorias existentes sobre o mercado de trabalho argumentam que a baixa capacidade de negociação dos trabalhadores provocada pela baixa qualificação e pouca mobilidade espacial pode aumentar o poder de mercado das empresas que utilizam esse fator para reduzir os salários. As evidências empíricas da associação entre a concentração de mercado são focados em países desenvolvidos, ficando limitada a análise para países de industrialização recente. Assim, este trabalho estima o impacto da concentração do mercado de trabalho, medida através do índice de Herfindahl-Hirschman (IHH), sobre os salários médios dos trabalhadores da Indústria da Transformação, para o período de 2002-2017, utilizando os microdados da RAIS/ME. Os resultados mostraram que um aumento de 1% na concentração do mercado de trabalho está associado a uma redução de 0,089% dos salários médios reais, não havendo diferenciais salariais significativos entre os municípios com absoluto poder de monopsônio e aqueles com grau de concentração menor que um.

Artigo:

Existing theories about the labor market argue that the low bargaining capacity of workers caused by low qualifications and little spatial mobility can increase the market power of companies that use this factor to reduce wages. Empirical evidence of the association between market concentration is focused on developed countries, leaving the analysis limited to countries with recent industrialization. In this way, the present work estimates the impact of labor market concentration, measured through the Herfindahl-Hirschman index (HHI), on the average wages of workers in the Manufacturing Industry, for the period 2002-2017, using microdata from RAIS/ME. The results showed that a 1% increase in labor market concentration is associated with a 0.089% reduction in average real wages, with no significant wage differentials between municipalities with absolute monopsony power and those with a degree of concentration lower than one.

Palavras-chave: Poder de Mercado; Concentração; Mercado de trabalho; Salários,

Palavras-chave: Market Power; Concentration; Labor Market; Wages,

DOI: 10.5151/vi-enei-877

Referências bibliográficas
  • [1] ASHENFELTER, Orley C.; FARBER, Henry; RANSOM, Michael R. Labor Market Monopsony. Journal of Labor Economics, v. 28, n. 2, p. 203-210, abr. 2010.
  • [2] AZAR, José; MARINESCU, Ioana; STEINBAUM, Marshall I. Labor market concentration. The Journal of Human Resources, Madison (WI), mai. 2020.
  • [3] BECKER, Kalinca Léia. Concentração do emprego industrial, sindicatos e salários: uma aplicação para o caso da indústria brasileira de metalurgia. Revista Brasileira de Estudos Regionais e Urbanos, v. 4, n. 1, fev. 2015.
  • [4] BENMELECH, Efraim; BERGMAN, Nittai; KIM, Hyunseob. Strong employers and weak employees: how does employer concentration affect wages? The Journal of Human Resources, Madison (WI), dez. 2020.
  • [5] CATELA, Eva Yamila da Silva; GONÇALVES, Flávio; PORCILE, Gabriel. Brazilian municipalities: agglomeration economies and development levels in 1997 and 2007. Cepal Review, n. 101, p. 141-156, ago. 2010.
  • [6] DALBERTO, Cassiano Ricardo; STADUTO, Jefferson Andronio Ramundo. Uma análise das economias de aglomeração e seus efeitos sobre os salários industriais brasileiros. Rev. Econ. Contemp., Rio de Janeiro, v. 17, n. 3, p. 539-569, set-dez/2013.
  • [7] DALBERTO, Cassiano Ricardo; STADUTO, Jefferson Andronio Ramundo. Especialização versus Diversificação: Economias de Aglomeração e seus impactos sobre os salários Industriais em Minas Gerais. Gestão & Regionalidade, v. 32, n. 95, p. 143-159, mai./ago. 2016.
  • [8] GALINARI, Rangel. et al. O efeito das economias de aglomeração sobre os salários industriais: uma aplicação ao caso brasileiro. Rev. Econ. contemp., Rio de Janeiro, v. 11, n. 3, p. 391-420, set./dez. 2007.
  • [9] HERSHBEIN, Brad; MACALUSO, Claudia; YEH, Chen. Concentration in U.S. local labor markets: evidence from vacancy and employment data. Meeting Papers, Society for Economic Dynamics, n. 1336, fev. 201
  • [10] SHARMA, Ghanshyam; Rotthoff, Kurt W. Impact of market concentration on employment and wages: a look at the insurance industry. Atlantic Economic Journal, Atlanta (GA), v. 47, n. 2, p. 169–178, jun. 2019.
  • [11] LORENZEN, Mark; FREDERIKSEN, Lars. Why do cultural industries cluster? Localization, urbanization, products and projects. In: Creative Cities, Cultural Clusters and Local Economic Development, 2007.
  • [12] MARINESCU, Ioana; OUSS, Ivan; PAPE, Louis-Daniel. Wages, hires, and labor market concentration. Journal of Economic Behavior & Organization, v. 184, n. 2, p.506-605, abr. 2021.
  • [13] MICHAELIDES, Marios. Labour market oligopsonistic competition: The effect of worker immobility on wages. Labour Economics, v. 17, n. 1, p. 230-239, 2010.
  • [14] ROCHA, Frederico. Dinâmica da concentração de mercado na indústria brasileira, 1996-2003. Economia e Sociedade, Campinas, v. 19, n. 3 (40), p. 477-498, dez. 2010.
  • [15] SILVA-JR, Gilson Geraldino. Market Structure Effects on Wages in the Brazilian Industrial Firms. Revista Estudos Econômicos. v. 41, n. 3, p. 521-536, jul./set. 2011. STOCK, James H.; YOGO, Motohiro Testing for Weak Instruments in Linear IV Regression. In: Andrews DWK Identification and Inference for Econometric Models. New York: Cambridge University Press, p. 80-108, 2005.
Como citar:

Silva, Thamyres Firmino Gomes da; Rocha, Roberta de Moraes; Moura, Klebson Humberto de Lucena; "Impacto da concentração de mercado nos salários: Evidências para a Indústria da Transformação (2002-2017)", p. 173-193 . In: Anais do VI Encontro Nacional de Economia Industrial e Inovação (ENEI): “Indústria e pesquisa para Inovação: novos desafios ao desenvolvimento sustentável”. São Paulo: Blucher, 2022.
ISSN 2357-7592, DOI 10.5151/vi-enei-877

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações