Artigo Completo - Open Access.

Idioma principal

EXTRAÇÃO E OXIDAÇÃO DO AMIDO DO MESOCARPO DE BABAÇU COM PERÓXIDO DE HIDROGÊNIO

SOUSA, M. R. A.; SILVA, A. T. da; SANTANA, A. A.; SALLES, W. F. de LA; COSTA FILHO, A. P. da;

Artigo Completo:

O amido é um polímero natural de grande interesse industrial devido a sua abundância, ampla aplicabilidade e baixo custo. No entanto, seu uso na forma nativa é restrito, uma vez que possui limitações com relação às condições de processamento, fazendo-se necessário uma modificação de natureza física, química ou enzimática para adaptá-los às necessidades específicas. Diante disso, este trabalho tem como objetivo modificar quimicamente o amido contido no mesocarpo do babaçu, através de oxidação, a fim de inserir na cadeia do amido grupos carboxílicos. A farinha do mesocarpo e o amido extraído por tratamento com hidróxido de sódio foram caracterizados via testes de microscopia eletrônica de varredura acoplada a espectrometria de energia dispersiva (MEV/EDS), espectrofotometria na região do infravermelho com transformada de Fourier (FTIR) e composição química. O amido oxidado com peróxido de hidrogênio em meio ácido e básico foi analisado por EDS e FTIR. Os resultados mostraram que não houve grandes mudanças na composição química (aumento de 3,1% na quantidade de amido extraído em relação à farinha pura) bem como na estrutura do amido oxidado em pH ácido ou básico. Além disso, observou-se uma pequena alteração nas ligações C-O de ácidos carboxílicos para o meio básico, indicando que se faz necessário o estudo de novos métodos de extração e oxidação do amido de mesocarpo de babaçu.

Artigo Completo:

Palavras-chave: babaçu,

Palavras-chave:

DOI: 10.5151/chemeng-cobeqic2017-211

Referências bibliográficas
  • [1] DIAS, A. R. G. Efeito de oxidantes, de ácidos orgânicos e da fração solúvel em água na propriedade de expansão do amido de mandioca fermentado. 200 166 f. Tese (Doutor em Tecnologia de Alimentos) – Faculdade de Engenharia de Alimentos, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 200
  • [2] SILVA, A. P. S. Caracterização físico-química e toxicológica do pó de mesocarpo do babaçu (Orbignya phalerata Mart): subsídio para o desenvolvimento de produtos. 2011. 119 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Farmacêuticas) – Programa de Pós-graduação em Ciências Farmacêuticas, Universidade Federal do Piauí, Teresina, 2011.
  • [3] CEREDA, M. P. VILPOUX, O. DEMIATE, I. M. Amidos modificados. In: Culturas de tuberosas amiláceas latino americanas. São Paulo: Fundação Cargill, v. 3, p. 246-332, 200
  • [4] INSTITUTO ADOLFO LUTZ. Normas Analíticas do Instituto Adolfo Lutz. Métodos Químicos e Físicos para Análise de Alimentos. 4a ed. São Paulo: IAL, 2008, 1020 p.
Como citar:

SOUSA, M. R. A.; SILVA, A. T. da; SANTANA, A. A.; SALLES, W. F. de LA; COSTA FILHO, A. P. da; "EXTRAÇÃO E OXIDAÇÃO DO AMIDO DO MESOCARPO DE BABAÇU COM PERÓXIDO DE HIDROGÊNIO", p. 1156-1161 . In: Anais do XII Congresso Brasileiro de Engenharia Química em Iniciação Científica [=Blucher Chemical Engineering Proceedings, v. 1, n.4]. ISSN Impresso: 2446-8711. São Paulo: Blucher, 2017.
ISSN 2359-1757, DOI 10.5151/chemeng-cobeqic2017-211

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações