Artigo Completo - Open Access.

Idioma principal

DETERMINAÇÃO DA ATIVIDADE DE SEQUESTRO DE RADICAL LIVRE DPPH• DE EXTRATO E FRAÇÕES DA ESPÉCIE Calophyllum brasiliense (JACAREÚBA)

COSTA, F. M. S.; NUNES, A. R.; SILVA, G. A.; SOBRAL, F. T.; SANTOS, D. C.;

Artigo Completo:

Os compostos antioxidantes são responsáveis pela inibição de radicais livres, estes são produzidos naturalmente pelo organismo e causam efeitos danosos aos sistemas como o estresse oxidativo que tem relação com disfunções celulares como o câncer e doenças degenerativas. A ação de antioxidantes naturais tem ganhado destaque, com ênfase aos compostos relacionados a plantas. Com o objetivo de caracterizar a atividade de sequestro de radical livre da espécie Calophyllum brasiliense, coletada no estado do Amapá, realizou-se o preparo dos extratos através das cascas da planta e também a preparação do extrato bruto, frações clorofórmio, acetato de etila e fração residual para análise da atividade sequestradora do radical livre DPPH•, com leitura a 515 nm em espectrofotômetro, sendo os resultados expressos em IC50. A fração acetato de etila obteve melhor resultado, apresentando sequestro de radical livre (SRL) igual a 2,93±0,08 μg/mL, seguido da fração residual que apresentou 4,01±0,20 μg/mL e extrato bruto com 6,91±0,22 μg/mL, entretanto a fração clorofórmio obteve resultado insatisfatório comparado aos demais, com seu SRL respectivamente igual a 26±1,39 μg/mL, tal resultado pode ser relacionado ao alto teor de polifenóis.

Artigo Completo:

Palavras-chave: Calophyllum brasiliense,

Palavras-chave:

DOI: 10.5151/chemeng-cobeqic2017-218

Referências bibliográficas
  • [1] ALVES, Q. C.; DAVID, J. M.; DAVID, J. P.; BAHIA. B. M. V; AGUIAR. R. M. Métodos para determinação de atividade antioxidante in vitro em substratos orgânicos. Química Nova. v. 33, n. 10, p. 2202-2210, 2010.
  • [2] ARAÚJO, V. A. P de.; NUNES, A. R.; LUCAS, R.; SILVA, G. A da. Total flavonoid content for standardization of amazonian commercial plant extracts. In: international conference of chemical and biochemical engineering, 2015, Paris. Anais ... Paris, 2015.
  • [3] BRAND-WILLIAMS, W.; CUVELIER, M.E.; BERSET, C. Use of a free radical method to evaluate antioxidant activity. LWT - Food Science and Technology. v. 28, n. 1, p. 25-30, 1995.
  • [4] BIANCHI, M.L.P.; ANTUNES, L.M.G.. Free radicals and the main dietary antioxidants. Revista de Nutrição., v. 12, n. 2, p. 123-130, 1999.
  • [5] BOTREL, M. C. G.; de SOUZA, A. M.; de CARVALHO, D.; PINTO, S. I. do C.; MOURA, M. C. de Oliveira.; ESTOPA, R. A. Caracterização genética de Calophyllum Brasiliense Camb. em duas populações de mata ciliar. Sociedade de Investigações Florestais., v. 30, n. 5, p. 821-827, 2006.
  • [6] COUTINHO, M.A.S.; MUZITANO, M.S.; COSTA, S.S. Flavonoides: potenciais agentes terapêuticos para o processo inflamatório. Revista Virtual de Química, v.1, p. 241-256, 2009.
  • [7] FANHANI, A. P. G.; FERREIRA, M, P. Agentes antioxidantes: seu papel na nutrição e saúde dos atletas. SaBios- Revista de Saúde e Biol. v. 1, n. 2, p. 33-41, 2006.
  • [8] HAIDA, K. S.; SILVA, F. J.; COELHO, R. M.; LIMA, D. S. ABRÃO, R. M.; HAIDA, K. Y.. Caracterização físico-química e atividade antioxidante de amoreira-preta (Morus nigra L.). Revista Brasileira de Ciências da Saúde, ano 12, n. 2014.
  • [9] MILITAL, F. de L.; FURLAN, M. R. Alimento funcional através do uso de ocimum basilicum L. (manjericão) como aromatizante de tempero. Revista Acadêmica Oswaldo Cruz. ISSN 2357-81873. ano 1, n.4, 2014.
  • [10] NAVARRO, E. C. Viabilidade econômica do Calophyllum brasiliense (Guanandi). Revista científica eletrônica de engenharia florestal. v. 9, n. 9, 2007.
  • [11] SOUSA, C. M. de M.; SILVA, H. R.; VIEIRA-JR, G. M.; AYRES, M. C. C.; COSTA C. L. S.; ARAÚJO, D. S.; CAVALCANTE, L. C. D.; BARROS, E. D. S.; ARAÚJO, P. B. de M.; BRANDÃO, M. S.; CHAVES, M. H. Fenóis totais e atividade antioxidante de cinco plantas medicinais. Quimíca Nova. v. 30, n. 2, p. 351-355, 2007.
Como citar:

COSTA, F. M. S.; NUNES, A. R.; SILVA, G. A.; SOBRAL, F. T.; SANTOS, D. C.; "DETERMINAÇÃO DA ATIVIDADE DE SEQUESTRO DE RADICAL LIVRE DPPH• DE EXTRATO E FRAÇÕES DA ESPÉCIE Calophyllum brasiliense (JACAREÚBA)", p. 1197-1201 . In: Anais do XII Congresso Brasileiro de Engenharia Química em Iniciação Científica [=Blucher Chemical Engineering Proceedings, v. 1, n.4]. ISSN Impresso: 2446-8711. São Paulo: Blucher, 2017.
ISSN 2359-1757, DOI 10.5151/chemeng-cobeqic2017-218

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações