Artigo Completo - Open Access.

Idioma principal

DESIGN CENOGRÁFICO: CENOGRAFIA COMO HABILITAÇÃO NOS CURSOS DE DESIGN

Silveira, Yuri Simon da; Roizenbruch, Tatiana Azzi; Corrêa, Letícia Braga;

Artigo Completo:

O ensino do Design tem um caráter multidisciplinar e as áreas de atuação do profissional graduado em design possuem um alcance diversificado. O presente artigo busca investigar a possibilidade de formação de cenógrafos ou designers cênicos a partir de uma nova habilitação específica em uma graduação dos cursos de design. O objetivo desta investigação é apontar as relações entre a cenografia e o design e, a partir de análises curriculares e de referencial teórico do teatro e do design, listar as potencialidades que o designer e sua formação acadêmica podem oferecer ao projeto cenográfico. Tal observação apresentou-se como uma oportunidade de investigação e pesquisa sobre a formação de cenógrafos ou designers cênicos no Brasil.

Artigo Completo:

Palavras-chave: Design; Cenografia; Design Cênico; Processo Projetual; Ensino.,

Palavras-chave:

DOI: 10.5151/despro-ped2016-0251

Referências bibliográficas
  • [1] ABRACE – ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO EM ARTES CÊNICAS. Disponível em: . Acesso em: 02 nov. 2015.
  • [2] BAUHAUS – BAUHAUS DESSAU. Disponível em: . Acesso em: 02 nov. 2015.
  • [3] BENEDETTO, Stephen Di. An Introduction to Theatre Design. Abingdon: Routledge. 2012.
  • [4] BONSIEPE, Guy. Metodologia Experimental: design industrial. Brasília: CNPq/Coordenação Editorial, 198
  • [5] ____________. Design do Material ao Digital. Florianópolis: Sebrae-SC/Fiesc. 1997.
  • [6] BROWN, Tim. Design Thinking: uma metodologia ponderosa para decretar o fim das velhas ideias. Rio de Janeiro: Elsevier, 2010.
  • [7] COHEN, Mirian Aby. Cenografia Brasileira Século XXI: diálogos possíveis entre a prática e o ensino. Dissertação de Mestrado, Área de Concentração: Artes Cênicas – Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo, São Paulo: 200
  • [8] DONDIS, Donis A. Sintaxe da Linguagem Visual. 4 ed. São Paulo: Martins Fontes, 2007.
  • [9] FLUSSER, Vilém. O mundo codificado: por uma filosofia do design e da comunicação. São Paulo: Cosac Naif, 2008.
  • [10] INGARDEN, Roman, BOGATYREV, Petr, HONZL, Jindrich e KOWZAN, Tadeusz. O Signo Teatral: a semiologia aplicada à arte dramática. Editora Globo, Porto Alegre, 1977.
  • [11] LUPTON, Ellen; PHILLIPS, Jennifer Cole. Novos Fundamentos do Design. São Paulo: Cosac Naify, 2008.
  • [12] MANZINI, Ezio. Design para inovação social e sustentabilidade: comunidades criativas, organizações colaborativas e novas redes projetuais. Rio de Janeiro: Editora e-papers, 2008
  • [13] MORAES, Dijon de (Org.). KRUCKEN, Lia. (Org.) Design e multiculturalismo. Cadernos Avançados em Design. Belo Horizonte: EdUEMG. 2008.
  • [14] Pavis, Patrice. Dicionário de teatro. São Paulo: Perspectiva, 2008
  • [15] ___________. A análise dos espetáculos. São Paulo: Perspectiva, 2010
  • [16] RATTO, Gianni. Antitratado de Cenografia: variações do mesmo tema. São Paulo: Editora SENAC, 1999.
  • [17] roubine, jean-Jacques, A linguagem da encenação teatral: 1880-1980. Rio de Janeiro: Ed. Jorge Zahar, 1998
  • [18] SACHS, Ignacy. 2002. Caminhos para do Desenvolvimento Sustentável. Rio de Janeiro: Garamond.
  • [19] SCAPYN JUNIOR, Ary. O Design Cênico do Circo: um olhar para o processo projetual. Dissertação de Mestrado - Área de Concentração: Design - Universidade Anhembi Morumbi, São Paulo, 2011
  • [20] SIQUEIRA, Heitor Piffer. Aspectos próprios ao universo de noções e competências do design identificáveis, eventualmente, na atuação de indivíduos formados nesta área no desempenho de outras atividades profissionais. Dissertação Mestrado - Área de Concentração: Design e Arquitetura – FAUUSP. São Paulo, 2012.
  • [21] UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MINAS GERAIS, Escola de Design. Projeto pedagógico: Curso Design de Produto. Belo Horizonte: UEMG, 2003, 61 f.
  • [22] UBERSFELD, Anne. Para ler o teatro. São Paulo: Perspectiva, 2005.
  • [23] YIN, Robert K. 2007. Estudo de Caso: planejamento e métodos. 2 ed, Porto Alegre: Editora FGV.
  • [24] Disponível em: . Acesso em: 08 maio 2016.
  • [25] ABRACE (Associação Brasileira de Pesquisa e Pós Graduação em Artes Cênicas). Disponível em: . Acesso em: 08 maio 2016.
Como citar:

Silveira, Yuri Simon da; Roizenbruch, Tatiana Azzi; Corrêa, Letícia Braga; "DESIGN CENOGRÁFICO: CENOGRAFIA COMO HABILITAÇÃO NOS CURSOS DE DESIGN", p. 2926-2936 . In: Anais do 12º Congresso Brasileiro de Pesquisa e Desenvolvimento em Design [= Blucher Design Proceedings, v. 9, n. 2]. São Paulo: Blucher, 2016.
ISSN 2318-6968, DOI 10.5151/despro-ped2016-0251

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações