Artigo Completo - Open Access.

Idioma principal

DESENVOLVIMENTO DE MASSA DE REVESTIMENTO CERÂMICO UTILIZANDO MATÉRIAS-PRIMAS DA REGIÃO PARAÍBA/PERNAMBUCO

GALVÃO NETO, Q.; ARAÚJO, F. A. M.; MARIZ, S.M. S.; SOUZA, K. S. M. G.; CLERICUZI, G. Z.;

Artigo Completo:

A seleção de matérias-primas é a etapa mais importante no desenvolvimento de formulações de massas de revestimentos cerâmicos, por ser um fator determinante para se obter a massa adequada ao processo produtivo e que também atenda as características técnicas desejadas. Portanto, o objetivo do presente trabalho é avaliar as características das matérias-primas e formulações das massas cerâmicas obtidas na região Paraíba/Pernambuco. Foram desenvolvidas três massas cerâmicas, variando a proporção de matéria-prima plástica, não plástica e fundente. Os resultados obtidos mostram que quanto maior a quantidade de material não-plástico, maior será a absorção de água e a resistência mecânica do produto final. Observou-se que é necessário um maior controle da escolha das matérias-primas, igualmente das suas percentagens nas formulações a fim de otimizar os resultados das propriedades físicas desejadas das massas cerâmicas desenvolvidas.

Artigo Completo:

Palavras-chave: massas cerâmicas,

Palavras-chave:

DOI: 10.5151/chemeng-cobeqic2017-372

Referências bibliográficas
  • [1] ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS - ABNT. NBR 13818: Placas
  • [2] Cerâmicas para Revestimento - Especificação e Métodos de Ensaios. Rio de Janeiro: ABNT, 1997.
  • [3] DAMIANI, J. C.; PEREZ, F.; MELCHIADES, F. G.; BOSCHI, A. O. Coração Negro em Revestimentos Cerâmicos: Principais Causas e Possíveis Soluções. Cerâmica Industrial, v. 6, n. 2, p. 12-16, 2001.
  • [4] DUTRA, R. P. S. A.; GOMES, U. U.; PASKOCIMAS, C. A. Estudo da variação da tonalidade de materiais cerâmicos Tradicionais. Parte III: Efeito da composição Química das Argilas. Encontro Nacional de Tratamento de Minérios e Metalurgia Extrativa, 2005.
  • [5] EMILIANI, G.P., CORBARA, F. Tecnologia cerâmica. Faenza: Editoriale Faenza Editrice. v.1, p. 198, 1999.
  • [6] GOMES SOUZA, S. J. Desenvolvimento de massas cerâmicas processadas por via seca com matérias-primas do norte fluminense visando aplicação em revestimento poroso. 2008. 129 f. Tese (Doutorado em Engenharia e Ciência dos Materiais) - Universidade Estadual do Norte Fluminense.
  • [7] OLIVEIRA, A. P. N. de; HOTZA, D. Tecnologia de Fabricação de Revestimentos Cerâmicos. Florianópolis: Ed. Da UFSC, 2011.
  • [8] SOUSA, S. J. G.; HOLANDA, J. N. F. Avaliação das propriedades físico-mecânicas de uma
  • [9] massa cerâmica para revestimento poroso (BIII). Cerâmica, v. 51, n. 317, p. 70-76, 2005.
Como citar:

GALVÃO NETO, Q.; ARAÚJO, F. A. M.; MARIZ, S.M. S.; SOUZA, K. S. M. G.; CLERICUZI, G. Z.; "DESENVOLVIMENTO DE MASSA DE REVESTIMENTO CERÂMICO UTILIZANDO MATÉRIAS-PRIMAS DA REGIÃO PARAÍBA/PERNAMBUCO", p. 2124-2129 . In: Anais do XII Congresso Brasileiro de Engenharia Química em Iniciação Científica [=Blucher Chemical Engineering Proceedings, v. 1, n.4]. ISSN Impresso: 2446-8711. São Paulo: Blucher, 2017.
ISSN 2359-1757, DOI 10.5151/chemeng-cobeqic2017-372

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações