Pôster - Open Access.

Idioma principal | Segundo idioma

DERMATITE ATÓPICA INFANTIL - PERFIL DA DOENÇA NOS PACIENTES DO CENTRO INTEGRADO DE SAÚDE

DERMATITE ATÓPICA INFANTIL - PERFIL DA DOENÇA NOS PACIENTES DO CENTRO INTEGRADO DE SAÚDE

Carrascosa, Maria Manoela Colombini ; Amaral, Cássia M C A ; Munhoz, Isabelle ; Ribeiro, Vitória L; Campedelli, Camila ;

Pôster:

Justificativa

A dermatite atópica (DA)possui origem multifatorial e 60% das manifestações ocorrem no primeiro ano devida.

Objetivo(s)

Comparar os dados dospacientes atendidos no Centro Integrado de Saúde (CIS), da Universidade AnhembiMorumbi (UAM) com a literatura atual referente a DA.

Método(s)

Estudo descritivo,retrospectivo que avaliou o perfil sociodemográfico, fatores de melhora e piorae características do estilo de vida. A coleta foi realizada através deprontuários do ambulatório de pediatria e dermatologia do CIS da UAM, noperíodo de 2016 a 2018 com uma amostra prevista de 50 prontuários, sendoselecionados 38 destes. Parecer: 3.163.136

Resultado(s)

Concordante à literatura,a DA prevaleceu em caucasianos, há correlação com rinite alérgica e exposiçãoao tabaco. As queixas mais prevalentes são prurido, xerose e lesão eritematosa.O padrão de área acometida na fase infantil é o tronco e na fase pré puberal éo pescoço. O fator de piora mais referido é o banho quente. Os dadosdiscordantes da literatura foram a liquenificação, não sendo queixa prevalente,e a lesão de dupla prega, mais descrita na fase adulta. Os dados não descritosclaramente na literatura foram a prevalência do sexo masculino, uso deanti-histamínico como fator de melhora e a manifestação na região do tronco nosexo feminino.

Conclusão(ões)

A DA é uma doença em quesua apresentação e peculiaridade podem variar de acordo com etnia, fatoresambientais e sociais que envolvem o indivíduo. Ao ser mais documentada torna-sepossível elaborar ações que melhorem a qualidade de vida do paciente. 

Pôster:

Justificativa

A dermatite atópica (DA)possui origem multifatorial e 60% das manifestações ocorrem no primeiro ano devida.

Objetivo(s)

Comparar os dados dospacientes atendidos no Centro Integrado de Saúde (CIS), da Universidade AnhembiMorumbi (UAM) com a literatura atual referente a DA.

Método(s)

Estudo descritivo,retrospectivo que avaliou o perfil sociodemográfico, fatores de melhora e piorae características do estilo de vida. A coleta foi realizada através deprontuários do ambulatório de pediatria e dermatologia do CIS da UAM, noperíodo de 2016 a 2018 com uma amostra prevista de 50 prontuários, sendoselecionados 38 destes. Parecer: 3.163.136

Resultado(s)

Concordante à literatura,a DA prevaleceu em caucasianos, há correlação com rinite alérgica e exposiçãoao tabaco. As queixas mais prevalentes são prurido, xerose e lesão eritematosa.O padrão de área acometida na fase infantil é o tronco e na fase pré puberal éo pescoço. O fator de piora mais referido é o banho quente. Os dadosdiscordantes da literatura foram a liquenificação, não sendo queixa prevalente,e a lesão de dupla prega, mais descrita na fase adulta. Os dados não descritosclaramente na literatura foram a prevalência do sexo masculino, uso deanti-histamínico como fator de melhora e a manifestação na região do tronco nosexo feminino.

Conclusão(ões)

A DA é uma doença em quesua apresentação e peculiaridade podem variar de acordo com etnia, fatoresambientais e sociais que envolvem o indivíduo. Ao ser mais documentada torna-sepossível elaborar ações que melhorem a qualidade de vida do paciente. 

Palavras-chave: -,

Palavras-chave: -,

DOI: 10.5151/sabara2020-21

Referências bibliográficas
  • [1] -
Como citar:

Carrascosa, Maria Manoela Colombini ; Amaral, Cássia M C A ; Munhoz, Isabelle ; Ribeiro, Vitória L; Campedelli, Camila ; "DERMATITE ATÓPICA INFANTIL - PERFIL DA DOENÇA NOS PACIENTES DO CENTRO INTEGRADO DE SAÚDE ", p. 21 . In: Anais do 5º Congresso Internacional Sabará de Saúde Infantil. São Paulo: Blucher, 2020.
ISSN 2357-7282, DOI 10.5151/sabara2020-21

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações