agosto 2017 vol. 3 num. 6 - SBDS + ISSD 2017

Artigo Completo - Open Access.

Idioma principal

Cooperativism, regional and organic products: the Design perspective for the valorization of the Brazilian food sector

Dias, Victória Carolina Pinheiro Lopes; Gamarano, Daniel de Souza; Alves, Davi Neiva;

Artigo Completo:

The goal of this paper is to show how some design actions can be used for the valorization regional products from organic production. Therefore, three activities made by family farming cooperatives located into different Brazilian states (Copacaju-CE, Cooperjap-MG, Coopercuc-BA) were analysed. Aiming verify how can the design support the strengthening of identity, community autonomy and products valorization, contributing to their characteristics and values to be perceived by consumers. The research that guides this study has a qualitative exploratory approach. Through bibliographic review of design domain authors Krucken (2009) and Bistagnino (2009) the cooperatives were analysed, evaluating how product characteristics and their correlation with an identity in the territory, the relations of production and commerce, the valorization of the place and the relation of the man and the environment. Observing the results of the analysis, we can see that the action of the design happens in different levels in each cooperative, which may provide support for more assertive future design actions, in the same contexts and in similar contexts.

Artigo Completo:

Palavras-chave: Organic food, cooperativism, design, sustainability, identity,

Palavras-chave:

DOI: 10.5151/sbds-issd-2017-027

Referências bibliográficas
  • [1] ALMEIDA, S. O ouro do Cerrado Mineiro. Revista Passo a passo, março/abril - ano XV- nº13 Belo Horizonte: Sebrae -MG, 2009.
  • [2] BISTAGNINO, L. Design Sistemico. Progettare la sostenibilità produttiva e ambientale. Slow Food Editore, Torino. 2009.
  • [3] CAATINGA & CERRADO. Site oficial Disponível em . Acesso 08 Dez. 2016.
  • [4] CARPENEDO, V.; MIELNICZUK, J. Estado de agregação e qualidade de agregados de Latossolos Roxos, submetidos a diferentes sistemas de manejo. Revista Brasileira de Ciência do Solo, Campinas, v.14, n.1, p.99-105, jan./abr. 1990.
  • [5] COOPERCUC. Site oficial. Disponível em Acesso 11 Dez 2016.
  • [6] DODESIGN BRASIL. Site oficial. Disponível em Acesso 07 Dez. 201
  • [7] GIRÃO, E.G.; OLIVEIRA, F.L.; KUSTER, A. PEREIRA, J.I.C. A transição agroecológica familiar no município de Barreira, Ceará, Brasil. Revista Brasileira de Agroecologia/nov 2009. Vol.4. No. 2.
  • [8] KAZAZIAN, T. Haverá a idade das coisas leves. São Paulo, Editora Senac , 2005.
  • [9] KRUCKEN, Lia. Design e território: valorização de identidades e produtos locais. São Paulo: Studio Nobel, 200
  • [10] MARTÍNEZ, I; PIRES, M. Cooperativas e revitalização dos espaços rurais: uma perspectiva
  • [11] empresarial e associativa. Cadernos de Ciência & Tecnologia, Brasília, v.19, n.1, p.99-118, jan/abr 2002.
  • [12] MARTINS, M. G. Cooperativismo, agroindústria da agricultura familiar e mercado: um estudo de caso da Coopercuc/BA, 2016. Tese de Mestrado do Programa de Pós graduação em Agronegócios da Faculdade de Agronomia e Veterinária da Universidade de Brasília (UnB).
  • [13] MAZOYER, M.; ROUDART,L. História das agriculturas no mundo: do neolítico à crise contemporânea. São Paulo, Editora UNESP; Brasília, DF, 2010.
  • [14] MINISTÉRIO DA AGRICULTURA, O que é um alimento orgânico? Disponível em Acesso 10 Dez. 2016.
  • [15] NAMORADO, R. Cooperativismo – um horizonte possível, 2005. Videoconferência, Coimbra. Disponível em Acesso 08 Dez. 2016.
  • [16] ONOFRE, G. R.; YOKOO,S.C. Cooperativismo Rural Revista GEOMAE - Geografia, Meio Ambiente e Ensino. Vol. 02, Nº 01, 1º SEM/2011 p.103-101
  • [17] REIS, D. Product Design in the sustainable era. Editora Taschen GmbH, Hohenzollernring, Alemanha, 2010.
  • [18] SCOPINHO, R. A. Sobre cooperação e cooperativas em assentamentos rurais. Psicol. Soc. [online]. Vol.19, n.spe, pp. 84-94, 2007.
  • [19] SERVIÇO BRASILEIRO DE APOIO ÀS MICRO E PEQUENAS EMPRESAS (SEBRAE NACIONAL). O que é Fair Trade (Comércio Justo) 2016. Disponível
  • [20] em
  • [21] 82d8d1eb00ad2410VgnVCM100000b272010aRCRD >Acesso 08 Dez. 2016.
  • [22] SEVCENKO, N. A corrida para o Século XXI: no Loop da Montanha Russa. São Paulo: Companhia das Letras, 2001.
  • [23] SLOW FOOD BRASIL 2013. Site oficial. Disponível em: Acesso 11 Dez 2016.
  • [24] SILVA, A.C.M.; BENATTI, L.P. Ergonomia em projeto gráfico: embalagem para produto alimentício tradicional. 11º Ergodesign USIHC, Manaus, 2011.
  • [25] QUANTUM DESIGN, 2016. Disponível em . Acesso 08 Dez. 2016.
Como citar:

Dias, Victória Carolina Pinheiro Lopes; Gamarano, Daniel de Souza; Alves, Davi Neiva; "Cooperativism, regional and organic products: the Design perspective for the valorization of the Brazilian food sector", p. 164-170 . In: Anais do Simpósio Brasileiro de Design Sustentável e International Symposium on Sustainable Design 2017. São Paulo: Blucher, 2017.
ISSN 2318-6968, DOI 10.5151/sbds-issd-2017-027

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações