Artigo Completo - Open Access.

Idioma principal

CENÁRIOS FUTUROS COMO FERRAMENTA PARA A ORGANIZAÇÃO DA SOCIEDADE CIVIL

Oliveira, Isabel Cristina d’Avila; Freire, Karine de Mello;

Artigo Completo:

Este artigo descreve o modelo de “Cenários Transformadores” pela perspectiva do design estratégico. Objetiva entender a contribuição da ferramenta para a estratégia de atuação da sociedade civil na proposição de políticas públicas. Para tanto, o trabalho investiga a capacidade dos representantes das organizações da sociedade civil em absorver as práticas dos cenários e utilizar da tecnologia dessa ferramenta para o avanço na condução de suas estratégias. Apresenta o exercício do “Cenários Sociedade Civil 2023”, ocorrido no Brasil entre 202 e 2013, que serviu de objeto de estudo para a análise das possibilidades de conceber uma solução própria às organizações da sociedade civil que atuam no contexto das políticas públicas.

Artigo Completo:

Palavras-chave: design estratégico, inovação social, cenários, sociedade civil,

Palavras-chave: ,

DOI: 10.5151/despro-sbds15-3st703b

Referências bibliográficas
  • [1] BASON, C. Leading public sector innovation: co-creating for a better society. Grã Bretanha: The Police Press. 2010.
  • [2] BUCHANAN, R. Wicked Problems in Design Thinking. Design Issues, Vol. 8, No. 2 pp. 5-21 Published by: The MIT Press. Disponível na internet por http em < http http://www.jstor.org/stable/1511637 >. Acesso em setembro de 2009.
  • [3] CASTELLS, M. A sociedade em rede. A era da informação: economia, sociedade e cultura. São Paulo: Paz e Terra, v. 1, 1999.
  • [4] CASTELLS, M. Redes de indignação e de esperança. Rio de Janeiro: Zahar, 2013c.
  • [5] CASTELLS, M.; INCE, M. Conversations with Manuel Castells. Wiley, 2003.
  • [6] DRUCKER, P. F. Inovação e espírito empreendedor. São Paulo: Cengage Learning, 2010.
  • [7] FREIRE, K.M. Design Estratégico: origens e desdobramentos. Gramado: P&D, 2014.
  • [8] KAHANE, A. Planejamento de Cenários Transformadores: trabalhando juntos para mudar o futuro. São Paulo: Senac, 2013.
  • [9] MANZINI, E. Design para a inovação social e sustentabilidade: comunidades criativas, organizações colaborativas e novas redes projetuais Rio de Janeiro: E-papers, 2008. (Cadernos di Grupo de Altos Estudos; v. 1) 104.
  • [10] MANZINI, E. Ideas of wellbeing: beyond the rebound effect, paper presented to the sustainable services & systems: transition towards sustainability. Amsterdam, October 2001 (paper to be published).
  • [11] MANZINI, E. Scenarios of sustainable wellbeing. Design Philosophy Papers, v. 1, n. 1, 2003. Disponível na internet por http em < http://www.desphilosophy.com/dpp/dpp_index.html>. Acesso em janeiro de 2015.
  • [12] MANZINI, E.. Small, local, open and connected. Design for Social Innovation and Sustainability. New York, PARSONS, 2010.
  • [13] MANZINI, E. The scenario of the multi-local society. In: CHAPMAN. J.; GANT, N. Designers, visionaries plus other stories. London: Earthscan, 2007.
  • [14] MANZINI, E.; JÉGOU, F. Collaborative services: social innovations and design for sustentainability. Poli Design, 2008.
  • [15] MANZINI, E.; JÉGOU, F. Scenarios for sustainable household. CIR.IS. Politecnico di Milano, p. 1-12, 1998.
  • [16] MANZINI, E. JÉGOU, F. The construction of design-orienting scenarios. Final Report, SusHouse Project, Netherlands, Delft University of Technology, 2000.
  • [17] MANZINI, E.; STASZOWISK, E. Introduction. public and collaborative. Exploring the intersection of design, social innovation and Public Policy. Desis Network, 2013.
  • [18] MARGOLIN, V. The idea of design. Cambridge, MA: MIT Press, 1996.
  • [19] MARGOLIN, V., MARGOLIN, S. Um modelo social de design: questões de prática e pesquisa. Revista Design in Foco, 2004.
  • [20] MERONI, A. Strategic design: where are we now? Reflection around tha foundations of a recent discipline. Strategic Design Research Journal, v. 1, n. 1, p. 31-38 jul-dez.,2008.
  • [21] MOUCHREK, N.; KRUCKEN, L. Laboratório de Design. Co-criação e sustentabilidade, uma iniciativa no ensino de design p. 1654-1666 . In: Anais do 11º Congresso Brasileiro de Pesquisa e Desenvolvimento em Design Blucher Design Proceedings, v. 1, n. 4. São Paulo: Blucher, 2014.
  • [22] MURRAY, R. et al. The open book of social innovation. The Young Fundation, Innovating Public Services, 2010.
  • [23] REOS PARTNERS. Relatório Cenários Sociedade Civil 20 São Paulo, 2013. Disponível na internet por http em < http://sociedadecivil20org.br/materiais/>. Acesso em 03/01/2014.
  • [24] RUA, M.G. Análise de políticas públicas: conceitos básicos. 2001.
  • [25] SOCIEDADE CIVIL 2023. 2013. Disponível na internet por http em < www.reospartners.com. > Acesso em 20/01/2014.
  • [26] STASZOWSKI E. et al. Reflections on designing for social innovation in the public sector: a case study in New York City. Desis Network, 2013.
  • [27] TEIXEIRA, E.C. O papel das políticas públicas no desenvolvimento local e na transformação da realidade, AATR-BA, 2002.
  • [28] ZURLO, F. Design strategico. XXI Secolo. v. IV, Gli spazi e le arti. Roma: Enciclopedia Treccani. 2010.
Como citar:

Oliveira, Isabel Cristina d’Avila; Freire, Karine de Mello; "CENÁRIOS FUTUROS COMO FERRAMENTA PARA A ORGANIZAÇÃO DA SOCIEDADE CIVIL", p. 308-318 . In: Anais do 5º Simpósio Brasileiro de Design Sustentável [=Blucher Design Proceedings, v.2, n.5]. São Paulo: Blucher, 2016.
ISSN 2318-6968, DOI 10.5151/despro-sbds15-3st703b

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações