artigo - Open Access.

Idioma principal | Segundo idioma

Cartografando intercâmbios de saberes com grupos artesanais da Baixada Maranhense e Alcântara

Mapping knowledge exchanges with artisanal groups from the Maranhense Lowlands and Alcântara

NORONHA, Raquel; CAMPOS, Alice; CAMARA, Larissa;

artigo:

O estudo aborda o processo de construção do pensamento projetual, de forma empírica, entre artesãos e artesãs de Alcântara e da Baixada Maranhense (MA). A partir da prática do intercâmbio como etapa do percurso metodológico, entre os grupos produtivos, é possível analisar características específicas de cada artesão durante a troca de conhecimentos. As reflexões teóricas e metodológicas adotadas no desenvolvimento do projeto têm como fundamento o codesign, filosofia de projeto na qual o designer atua como mediador e facilitador de processos em seu campo de pesquisa. Portanto, a partir do método, busca-se a necessidade de percorrer um caminho, sem metas definidas a priori e, desta forma, o campo e os sujeitos da pesquisa nos mostram a direção a seguir. Desta forma, possibilita reflexões sobre a prática cartográfica, gerado por discursos e práticas sobre o saber-fazer em comunidades artesãs, no campo do design. Assim, como resultado, cartografias foram criadas como produto da sistematização dos saberes e fazeres durante o percurso de pesquisa.

artigo:

The study deals with the process of construction of the project thought, in an empirical way, between artisans of Alcântara and of the Maranhense Lowlands (MA). Taking the practice of the exchange as a step of the methodological course, among the productive groups, it is possible to analyze specific characteristics of each artisan during the exchange of knowledge. The theoretical and methodological reflections adopted in the project development are based on the codesign, a project philosophy in which the designer acts as mediator and facilitator of processes in his field of research. Therefore, from the method, one searches for the need to follow a path, without goals defined a priori and, in this way, the field and the subjects of the research show us the direction to follow. In this way, it allows reflections on the mapping practice, generated by discourses and practices on the know-how in artisan communities, in the field of design. Thus, as a result, mapping were created as a product of the systematization of knowledge and actions during the course of research.

Palavras-chave: cartografia; codesign; saberes tradicionais,

Palavras-chave: mapping; codesign; traditional knowledge,

DOI: 10.5151/ped2018-3.2_ACO_04

Referências bibliográficas
  • [1] -
Como citar:

NORONHA, Raquel; CAMPOS, Alice; CAMARA, Larissa; "Cartografando intercâmbios de saberes com grupos artesanais da Baixada Maranhense e Alcântara", p. 1525-1538 . In: Anais do 13º Congresso Pesquisa e Desenvolvimento em Design (2018). São Paulo: Blucher, 2019.
ISSN 2318-6968, DOI 10.5151/ped2018-3.2_ACO_04

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações