Dezembro 2020 vol. 7 num. 3 - VIII Simpósio de Engenharia de Produção

Artigo completo - Open Access.

Idioma principal | Segundo idioma

Brazilian opportunities 1.0 ; desenvolvimento de prática lúdica na realidade dos estados brasileiros

Brazilian opportunities 1.0 ; desenvolvimento de prática lúdica na realidade dos estados brasileiros

Bezerra, Isamara de Melo Dantas;

Artigo completo:

Com o objetivo de alavancar os processos de ensino-aprendizagem e satisfazer as exigências do atual mercado competitivo, cada vez mais se é notável a participação nas discussões acerca de métodos educacionais os jogos simuladores, mostrando-se como forte mecanismo, e eficaz na integração da teoria X prática. o presente artigo tem o objetivo principal propor um jogo acadêmico voltado para a elaboração de cenários que favoreçam os estados brasileiros escolhidos pelos participantes, na qual lhes serão expostos situações relacionadas a diversas perspectivas voltadas a Logística e seus segmentos, visando colaborar com o desenvolvimento das habilidades de administração, gestão de relacionamentos, gestão de tempo, planejamento a curto e longo prazo e demais características voltadas a este teor, buscando aprimorar tais habilidades e contribuir para a formação de novos profissionais com conhecimentos relacionados aos estados brasileiros e suas oportunidades a serem exploradas. O desenvolvimento do jogo Brazilian opportunities 1.0 possui objetivo de proporcionar uma correlação entre as estratégias logísticas absorvidas pelo praticante durante o seu curso, e a adoção metodológica equilibrada da ludicidade. A fácil associação dos conceitos aprendidos somados à metodologia ativa em questão garante que a atividade proporcione tanto em novos de conhecimentos, como em sua profundidade.

Artigo completo:

Com o objetivo de alavancar os processos de ensino-aprendizagem e satisfazer as exigências do atual mercado competitivo, cada vez mais se é notável a participação nas discussões acerca de métodos educacionais os jogos simuladores, mostrando-se como forte mecanismo, e eficaz na integração da teoria X prática. o presente artigo tem o objetivo principal propor um jogo acadêmico voltado para a elaboração de cenários que favoreçam os estados brasileiros escolhidos pelos participantes, na qual lhes serão expostos situações relacionadas a diversas perspectivas voltadas a Logística e seus segmentos, visando colaborar com o desenvolvimento das habilidades de administração, gestão de relacionamentos, gestão de tempo, planejamento a curto e longo prazo e demais características voltadas a este teor, buscando aprimorar tais habilidades e contribuir para a formação de novos profissionais com conhecimentos relacionados aos estados brasileiros e suas oportunidades a serem exploradas. O desenvolvimento do jogo Brazilian opportunities 1.0 possui objetivo de proporcionar uma correlação entre as estratégias logísticas absorvidas pelo praticante durante o seu curso, e a adoção metodológica equilibrada da ludicidade. A fácil associação dos conceitos aprendidos somados à metodologia ativa em questão garante que a atividade proporcione tanto em novos de conhecimentos, como em sua profundidade.

Palavras-chave: Estados brasileiros, Jogo, Metodologia ativa, Teoria X Prática e Logística,

Palavras-chave: Estados brasileiros, Jogo, Metodologia ativa, Teoria X Prática e Logística,

DOI: 10.5151/viisimep-239407

Referências bibliográficas
  • [1] Adobor e Daneshfar, 2006 H. Adobor, A. Daneshfar Management simulation: determining
  • [2] their effectiveness The Journal of Management evelopment, 25 (2) (2006), pp. 151-160
  • [3] ALMEIDA, Maria de Lourdes Pinto de; FÁVERO, Altair Alberto; TONIETO, Carina. A
  • [4] expansão da educação superior no Brasil sob influência da declaração de Bolonha: primeiras
  • [5] aproximações. Curitiba: CRV, 201
  • [6] BORGES, H. Uma classificação sobre a utilização do computador pela escola. Fortaleza,
  • [7] Revista Educação em debate,1 (27): 135-138.
  • [8] BUTZKE, Marco Aurélio; ALBERTON, Anete. Estilos de aprendizagem e jogos de empresa:
  • [9] a percepção discente sobre estratégia de ensino e ambiente de aprendizagem. REGE-Revista
  • [10] de Gestão, v. 24, n. 1, p. 72-84, 2017.
  • [11] Chiavenato, I. & Sapiro, A. (2003)Planejamento Estratégico: fundamentos e aplicações. 1. ed.
  • [12] 13° tiragem. Rio de Janeiro: Elsevier, 2003.
  • [13] Coll C. Psicologia e currículo: uma aproximação psicopedagógica a elaboração do
  • [14] currículo escolar. São Paulo: Ática; 2000.
  • [15] COSTA, Antônio Carlos Gomes da. Tempo de servir: o protagonismo juvenil passo a passo;
  • [16] um guia para o educador. Belo Horizonte: Universidade, 2001
  • [17] DE OLIVEIRA, Vanderlí Fava et al. Um estudo sobre a expansão da formação em engenharia
  • [18] no Brasil. Revista de ensino de engenharia, v. 32, n. 3, p. 37-56, 2013
  • [19] DE RESENDE, Luis Maurício Martins et al. ENSINO DE ENGENHARIA NO BRASIL E
  • [20] NO
  • [21] MUNDO: PERCEPÇÕES DE INTERCAMBISTAS. Revista Ciências & Ideias ISSN:
  • [22] 2176-
  • [23] 1477, v. 9, n. 3, p. 212-236, 2019.
  • [24] DE SOUZA, Maria Antônia. Educação do campo: políticas, práticas pedagógicas e produção
  • [25] cientifica. Educação e sociedade. V. 29. N.105. p. 1089-1111,2008.
  • [26] GAETA, Cecília; MASETTO, Marcos. Metodologias Ativas e o Processo de Aprendizagem
  • [27] na Perspectiva da Inovação. São Paulo: Congresso Internacional PBL, 2010.
  • [28] GODOY, A.S.; CUNHA, M. A. V. C. Ensino em Pequenos Grupos. In: MOREIRA, D. A.
  • [29] (Org.). Didática do ensino superior: técnicas e tendências. São Paulo: Pioneira, 1997
  • [30] GRAMIGNA, M. R. M. Jogos de Empresa. São Paulo: Makron Books, 1993.
  • [31] GRANJEIRO, Paulo Afonso; DA PAZ, Mariana Campos. BUSINESS MODEL CANVAS E
  • [32] LEAN CANVAS. EMPREENDEDORISMO UNIVERSITÁRIO, 2019.
  • [33] Keys and Wolfe, 1990 B. Keys, J. Wolfe The role of management games and simulations
  • [34] in education and research Journal of Management, 16 (1990), pp. 307-336
  • [35] LOBO, Renato Nogueirol. Gestão da qualidade. Saraiva Educação SA, 2019.
  • [36] Mccreadie, K. (2008). A Arte da Guerra SUN TZU: uma interpretação em 52 ideias
  • [37] brilhantes:
  • [38] 1. ed. São Paulo: Globo.
  • [39] MITRE, Sandra Minardi et al. Metodologias ativas de ensino-aprendizagem na formação
  • [40] profissional em saúde: debates atuais. Ciência & saúde coletiva, v. 13, p. 2133-2144, 2008.
  • [41] ORNELLAS, Alander; ORNELLAS, Renato de Campos. Jogos de empresas: criando e
  • [42] implementando um modelo para a simulação de operações logísticas. Revista Produção
  • [43] Online, v. 8, n. 2, 2008
  • [44] OSTERWALDER, Alexander. Business Model Generation: Inovação em modelos de
  • [45] negócios. Rio de Janeiro: Alta Books, 2010.
  • [46] PAIVA, Marlla Rúbya Ferreira et al. Metodologias ativas de ensino-aprendizagem: revisão
  • [47] integrativa. SANARE-Revista de Políticas Públicas, v. 15, n. 2, 2016.
  • [48] RODRIGUES, Caroline Vergara et al. APLICAÇÃO DA MATRIZ SWOT NO ARRANJO
  • [49] PRODUTIVO LOCAL-COMPLEXO INDUSTRIAL DA SAÚDE LOCALIZADO NA
  • [50] CIDADE DE PELOTAS/RS. Revista Empreender e Inovar, v. 1, n. 1, p. 59-70, 2018.
Como citar:

Bezerra, Isamara de Melo Dantas; "Brazilian opportunities 1.0 ; desenvolvimento de prática lúdica na realidade dos estados brasileiros", p. 220-239 . In: Anais do VIII Simpósio de Engenharia de Produção . São Paulo: Blucher, 2020.
ISSN 2357-7592, DOI 10.5151/viisimep-239407

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações