Artigo - Open Access.

Idioma principal

AVALIAÇÃO DO CONFORTO TÉRMICO PARA VACAS LEITEIRAS: UM ESTUDO DE MODELAGEM GEOESTATISTICA AMBIENTAL

FERNANDES, Thiago; SILVA, Ediane Farias da; GIL, Rodrigo Lemos; MORAIS, Douglas Dias de; MUSIS, Carlo Ralph de; MANVAILER, Ramão Humberto Martins;

Artigo:

O objetivo do presente trabalho foi avaliar o ambiente térmico de vacas leiteiras, em apenas uma estação do ano (chuvosa), no município de Nova Olímpia, Mato Grosso. Os dados foram conquistados por meio do uso de equipamento construído, conhecido como transecto móvel, com dois sensores embutidos (RHT03), sendo um de temperatura do ar (ºC) e outro de umidade relativa do ar (UR%). O processo metodológico compreendeu duas etapas, sendo uma a coleta de dados meteorológicos a campo, e a segunda, como sendo a modelagem matemática desses, por meio da geoestatistica. Assim, concluímos que o ambiente pelo qual esses animais estão sendo expostos não apresentam condições naturais que os ajudem a se sentirem menos desconfortáveis. A exemplo disso, mencionamos a pouco existência de vegetação e a sua má distribuição dentro da área. Portanto, produtividade de leite está diretamente ligada ao tempo em que o animal está submetido à zona termo neutra, ou seja, quanto maior o tempo em que o animal permanece em conforto maior será sua produtividade.

Artigo:

Palavras-chave: Biociência, Conforto ambiental, Geoestatistica, Modelagem, Qualidade do Leite,

Palavras-chave: ,

DOI: 10.5151/engpro-eneeamb2016-mma-001-4903

Referências bibliográficas
  • [1] BARBOSA, O. R.; DAMASCENO, J. C. Bioclimatologia e bem-estar animal aplicado à bovinocultura de leite. Universidade Estadual de Maringá, Maringá, PR, Jun 2002.
  • [2] BARROS, M. P de. Dimensão fractal e ilhas de calor urbanas: uma abordagem sistêmica sobre as implicações entre a fragmentação das áreas verdes e o ambiente térmico do espaço urbano. Tese (doutorado) -- Universidade Federal de Mato Grosso, Instituto de Física, Programa de Pós-Graduação em Física Ambiental, Cuiabá, 201
  • [3] DAHL, G. Efeito do estresse térmico durante o período seco no desempenho pós-parto. In: Anais do 14º Curso Novos Enfoques na Produção e Reprodução de Bovinos; 2010, Uberlândia. Uberlândia: Conapec Jr; 2010. p.357-62.
  • [4] GOMES, S. T. Diagnóstico da cadeia produtiva do leite no Estado de Mato Grosso: relatório de pesquisa, 2012. Disponível em:
  • [5] . Acesso em: 14 de jan de 2016.
  • [6] MEZZADRI, F. P. Cenário Atual da Pecuária de Corte - Aspectos do Brasil com Foco no Estado do Paraná - Ano 2007. – Curitiba: SEAB/DERAL/DCA, 2007.
  • [7] PERISSINOTTO, M.; MOURA, D. J.; CRUZ V. F.; SOUZA, S. R. L.; LIMA, K. A. O.; MENDES, A. S. Conforto térmico de bovinos leiteiros confinados em clima subtropical e mediterrâneo pela análise de parâmetros fisiológicos utilizando a teoria dos conjuntos fuzzy. Ciência Rural, v.39, p.1492-1498, 2009.
  • [8] SENTELHAS, P. C. Estimativa diária da evapotranspiração de referência com dados da estação meteorológica convencional e automática. 199 97p. Tese (Doutorado em Irrigação e Drenagem) – Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz”, Universidade de São Paulo, Piracicaba, 199
  • [9] SOUZA, Z. M de. et al. Número de amostras na análise geoestatística e na krigagem de mapas de atributos do solo. 2014. Disponível em: . Acesso em: 14 de abr. 2016.
Como citar:

FERNANDES, Thiago; SILVA, Ediane Farias da; GIL, Rodrigo Lemos; MORAIS, Douglas Dias de; MUSIS, Carlo Ralph de; MANVAILER, Ramão Humberto Martins; "AVALIAÇÃO DO CONFORTO TÉRMICO PARA VACAS LEITEIRAS: UM ESTUDO DE MODELAGEM GEOESTATISTICA AMBIENTAL", p. 1138-1145 . In: Anais do XIV Encontro Nacional de Estudantes de Engenharia Ambiental [= Blucher Engineering Proceedings v.3 n.2]. São Paulo: Blucher, 2016.
ISSN 2357-7592, DOI 10.5151/engpro-eneeamb2016-mma-001-4903

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações