Poster - Open Access.

Idioma principal | Segundo idioma

AVALIAÇÃO DE ACESSIBILIDADE FÍSICA EM UNIVERSIDADES FEDERAIS NO BRASIL: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA DA LITERATURA

EVALUATION OF PHYSICAL ACCESSIBILITY IN FEDERAL UNIVERSITIES IN BRAZIL: A SYSTEMATIC REVIEW OF LITERATURE

Santos, Ana Tereza de Assis; Araújo, Maiana Cunha; Villarouro, Vilma Maria;

Poster:

Este artigo tem por objetivo identificar a produção acadêmica relacionada à avaliação de acessibilidade física em universidades no período entre 2007 e 2017. Para isto foi feita uma revisão sistemática de literatura por dois pesquisadores. A busca foi realizada no portal de periódicos da CAPES, onde foram selecionados os critérios de inclusão e exclusão para a escolha dos trabalhos.

Poster:

This article aims to identify the academic production related to the evaluation of physical accessibility in universities in the period between 2007 and 2017. For this, a systematic review of literature was done by two researchers. The search was conducted on the portal of CAPES, where the inclusion and exclusion criteria for the selection of works were selected.

Palavras-chave: Acessibilidade, revisão sistemática, universidades,

Palavras-chave: Accessibility, systematic review, universities,

DOI: 10.5151/16ergodesign-0199

Referências bibliográficas
  • [1] ABNT – ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 9050/2015. Acessibilidade a edificações, mobiliário, espaços e equipamentos urbanos. Rio de Janeiro: ABNT, 2015.
  • [2] ABNT – ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 16537/2016. Acessibilidade — Sinalização tátil no piso — Diretrizes para elaboração de projetos e instalação. Rio de Janeiro: ABNT, 2016.
  • [3] ACIOLY, A. S. G.; OLIVEIRA, M. D.; FREITAS, V. H. F. Analysis of accessibility for buildings of a graduation school - An experiment in ergonomics training curriculum. Work, v. 41, n. SUPPL.1, p. 4124–4129, 2012.
  • [4] AGUIAR, F. D. O.; RAMOS, R. A. R.; SILVA, A. N. R. DA. Cenários de avaliação das restrições à mobilidade dos pedestres em espaços públicos: o caso de um campus universitário. Transportes, v. 17, n. 2, p. 5– 15, 2009.
  • [5] BRASIL. Decreto n. 296, de 02 de dezembro de 2004: Regulamenta as Leis nos 10.048, de 8 de novembro de 2000, que dá prioridade de atendimento às pessoas que especifica, e 10.098, de 19 de dezembro de 2000, que estabelece normas gerais e critérios básicos para a promoção da acessibilidade das pessoas portadoras de deficiência ou com mobilidade reduzida, e dá outras providências.
  • [6] BRASIL. Decreto n. 5.626, de 22 de dezembro de 2005: Regulamenta a Lei no 10.436, de 24 de abril de 2002, que dispõe sobre a Língua Brasileira de Sinais - Libras, e o art. 18 da Lei no 10.098, de 19 de dezembro de 2000.
  • [7] BRASIL. Lei Federal n. 8.112, de 11 de dezembro de 1990: Dispõe sobre o regime jurídico dos servidores públicos civis da União, das autarquias e das fundações públicas federais. Brasília, 1990.
  • [8] BRASIL. Lei Federal n. 10.257, de 10 de julho de 2001: Estatuto da Cidade. Brasília, 2001.
  • [9] BRASIL. Lei Federal n. 10.098, de 19 de dezembro de 2000 – Normas gerais e critérios básicos para a promoção a acessibilidade das pessoas portadoras de deficiência ou com mobilidade reduzida. Brasília, 199
  • [10] CAVALCANTI, C. O. DOS P.; GARCIA, R. I.; RADOS, G. Acessibilidade Física Na Biblioteca Do Instituto Federal De Educação, Ciência E Tecnologia De Santa Catarina, Câmpus Physical Accessibility in the Library of the Federal Institute of Education, Science and Technology of Santa Catarina , Campus Ararangu. Revista ACB: Biblioteconomia em Santa Catarina, v. 20, p. 483–499, 2015.
  • [11] FREITAS, K. E. P.; PFITCHER, E. D.; BELAN, A. B. Análise de acessibilidade: aplicação parcial do modelo sicogea em um centro de ensino de uma instituição federal de ensino. Revista de gestão ambiental e sustentabilidade - GeAS, v. 5, p. 120–134, 2016.
  • [12] GILSON, N. et al. Physical infrastructure and workplace walking in an Australian university campus. Journal of Science and Medicine in Sport, v. 12, n. 1, p. S72, jan. 2009.
  • [13] GOMES, M. M. A. ; PEREGRINO, Y. ; COURA, P. V. ; SOUZA, R. A. ; Sarmento, Bruna ; COSTA, A. D. L. . UFPB Para Todos: Trilhando Caminhos.... In: III Encontro Nacional de Ergonomia do Ambiente Construído e IV Seminário Brasileiro de Acessibidade Integral, 2011, João Pessoa. Anais do III Encontro Nacional de Ergonomia do Ambiente Construído e IV Seminário Brasileiro de Acessibidade Integral, 2011. p. 1-3.
  • [14] LEAL, L. N.; THOMÉ, C. Brasil tem 4,6 milhões de deficientes. Disponível em:. Último acesso: 24 de março de 2017.
  • [15] LOMBARDI, A. R.; MURRAY, C.; GERDES, H. College faculty and inclusive instruction: Self-reported attitudes and actions pertaining to Universal Design. Journal of Diversity in Higher Education, v. 4, n. 4, p. 250–261, 2011.
  • [16] OLIVEIRA, N.S.; OLIVEIRA, J. M.; BERGAMARSCHI, D. P. Concordância entre avaliadores na seleção de artigos em revisões sistemáticas. Revista Brasil epidemiol, v. 9, n. 3, p. 309-315, 2006.
  • [17] SANTOS, R. A.; MENDONÇA, S. R. D. Universitários cegos: a visão dos alunos e a (falta de visão) dos professores. Revista e- Curriculum, v. 13, p. 888–907, 2015.
  • [18] SASSAKI, R. K. Inclusão: construindo uma sociedade para todos. 8. ed. Rio de Janeiro: WVA, 2010.
  • [19] SILVA, K. C. DA; MARTINS, S. E. S. DE O. Acessibilidade à educação superior brasileira: o que dizem os estudantes com deficiência. Journal of Research in Special Educational Needs, v. 16, p. 116–119, 2016.
  • [20] SIMONSON, S.; GLICK, S.; ELLEN C. NOBE, M. Accessibility at a public university: student’s perceptions. Journal of Facilities Management, v. 11, n. 3, p. 198– 209, 2013.
  • [21] SUN, G. et al. Comparing the perception with the reality of walking in a hilly environment: an accessibility method applied to a University campus in Hong Kong. Geospatial health, v. 10, n. 1, p. 340, 2015.
Como citar:

Santos, Ana Tereza de Assis; Araújo, Maiana Cunha; Villarouro, Vilma Maria; "AVALIAÇÃO DE ACESSIBILIDADE FÍSICA EM UNIVERSIDADES FEDERAIS NO BRASIL: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA DA LITERATURA", p. 1904-1909 . In: . São Paulo: Blucher, 2017.
ISSN 2318-6968, DOI 10.5151/16ergodesign-0199

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações