Setembro 2018 vol. 1 num. 5 - XXII Congresso Brasileiro de Engenharia Química

Pôster - Open Access.

Idioma principal

AVALIAÇÃO DAS CARGAS DE CHOQUE ORGÂNICO NO DESEMPENHO DE BIORREATORES HETEROTRÓFICOS MICROALGAIS

DIAS, R. R; MARONEZE, M. M; VIEIRA, J. G; QUEIROZ, M. I; ZEPKA, L. Q; JACO-LOPES, E; , ;

Pôster:

O objetivo deste estudo foi avaliar as cargas de choque orgânico de 0,5, 1, 3, 5, 7 e 10% de uma mistura de sangue de aves e suínos (50% v/v) sobre o desempenho de biorreatores heterotróficos microalgais. Os experimentos foram realizados em um biorreator de coluna de bolhas, operando a 25 ºC, pH de 7,5, 100 mg/L de inóculo, aeração contínua de 1 VVM (volume de ar por volume de cultura por minuto) e ausência de luz. Os resultados indicam uma pronunciada variabilidade na eficiência de remoção em função do poluente avaliado, obtendo-se eficiências de remoção de carbono orgânico (ERDQO), nitrogênio (ERNTK) e fósforo (ERFT) variando de 98,40 a 99,10%, 64,80 a 88,08% e 79,60 a 89,97%, respectivamente. Os índices numéricos de desempenho dos processos, além de enquadrar as águas residuárias sob o ponto de vista da legislação vigente para efluentes, demonstram que as microalgas suportam cargas de choque orgânico que a indústria de abatedouros de aves e suínos pode gerar.

Pôster:

Palavras-chave: BIORREATORES,

Palavras-chave:

DOI: 10.5151/cobeq2018-PT.0941

Referências bibliográficas
  • [1] ABDEL-RAOUF N, AL-HOMAIDAN AA, IBRAHEEM IBM. Microalgae and wastewater
  • [2] treatment. Saudi Journal of Biological Sciences, v. 19, n. 3, p. 257-275, 201
  • [3] AMERICAN PUBLIC HEALTH ASSOCIATION - APHA; AMERICAN WATERWORKS
  • [4] ASSOCIATION - AWWA; WATER ENVIRONMENTAL FEDERATION - WEF. Standard
  • [5] Methods for the Examination of Water and Wastewater. 21. ed. Baltimore, Maryland: Prot City,
  • [6] 2005.
  • [7] CONAMA, Resolução n° 357/2005. Dispõe sobre a classificação dos corpos de água e
  • [8] diretrizes ambientais para o seu enquadramento, bem como estabelece as condições e
  • [9] padrões de lançamento de efluentes, Brasília, 2005.
  • [10] CONSEMA, Resolução n° 128/2006. Dispõe sobre a fixação de padrões de emissão de
  • [11] efluentes líquidos para fontes de emissão que lancem seus efluentes em águas superficiais
  • [12] do estado do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2006.
  • [13] MATA TM, MELO AC, SIMÕES M, CAETANO NS. Parametric study of a brewery effluent
  • [14] treatment by microalgae Scenedesmus obliquus. Bioresour Technology, v.107, p.151–
  • [15] 158, 2012.
  • [16] MOREIRA MB, RATUSZNEI SM, RODRIGUES JAD, ZAIAT M, FORESTI E. Influence of
  • [17] organic shock loads in an ASBBR treating synthetic wastewater with different
  • [18] concentration levels. Bioresour Technology, v. 99, p.3256–3266, 2008.
  • [19] QUEIROZ MI, JACOB-LOPES E, ZEPKA LQ, BASTOS RG, GOLDBECK R. The kinetics
  • [20] of the removal of nitrogen and organic matter from parboiled rice effluent by
  • [21] cyanobacteria in a stirred batch reactor. Bioresour Technology, v. 98, p. 2163–2169,
  • [22] 2007.
  • [23] RIPPKA, R. et al. Generic assignments strain histories and properties of pure cultures of
  • [24] cyanobacteria. J. of General Microbiology, v. 111, n. 1, p. 61, 1979.
  • [25] RODRIGUES DB, FLORES EMM, BARIN JS, MERCADANTE AZ, JACOB-LOPES E, ZEPKA LQ.
  • [26] Production of carotenoids from microalgae cultivated using agroindustrial wastes. Food Res.
  • [27] International, v. 65, p. 144–148, 2014.
  • [28] TRITT WP, SCHUCHARDT F. Materials Flow and Possibilities of Treating Liquid and Solid Wastes
  • [29] from Slaughterhouses in Germany. Bioresour Technology, v. 41, p. 235-245, 1992.
Como citar:

DIAS, R. R; MARONEZE, M. M; VIEIRA, J. G; QUEIROZ, M. I; ZEPKA, L. Q; JACO-LOPES, E; , ; "AVALIAÇÃO DAS CARGAS DE CHOQUE ORGÂNICO NO DESEMPENHO DE BIORREATORES HETEROTRÓFICOS MICROALGAIS", p. 3570-3573 . In: . São Paulo: Blucher, 2018.
ISSN 2359-1757, DOI 10.5151/cobeq2018-PT.0941

últimos 30 dias | último ano | desde a publicação


downloads


visualizações


indexações